quinta-feira, 30 de março de 2017

EDIÇÃO 2054

Uiara falou sobre a história da
entidade e as irregularidades
Situação do Clube do Comércio é apresentado 
a comunidade 
Foi tratada a venda da sede social 
e algumas irregularidades 
A Tribuna Democrática da sessão ordinária realizada no dia 21 de março, foi utilizada pela juíza pretora aposentada Uiara Maria Castilho dos Reis. Na oportunidade, a oradora falou sobre a situação em que se encontra o Comércio Campestre Clube, em relação a venda de sua sede social localizada na Avenida Presidente Vargas, ao lado da Praça Egydio Justo. Uiara citou que no século XX, Esteio tinha duas entidades expressivas não somente para os munícipes, mas na Região Metropolitana. Trata-se do Clube Aliança e do Comércio. “Era o momento em que as pessoas se reuniam em prol de diversão e lazer em família. Entre os eventos mais aguardados no ano era o Carnaval, em fevereiro e o tradicional Baile de Debutantes, no qual as jovens eram apresentadas para a sociedade. A proposta foi realizada por várias décadas”, explicou a advogada do grupo de sócios que defendem o patrimônio e são contra algumas iniciativas que vem sendo tomadas pela atual gestão.
ASSOCIATIVO - De acordo com Uiara, a grande maioria dos associados não tem conhecimento sobre a situação econômica da entidade e das medidas tomadas sem a comunicação dos sócios. “Durante a realização de uma auditoria foram apontadas diversas irregularidades, entre elas, seria a mudança no estatuto, a partir do novo código civil”, enfatizou a advogada. Ela ressaltou que integrantes do Clube do Comércio participaram de várias atividades esportivas como o bolão levando o nome de Esteio para o interior do Rio Grande do Sul e para outros estados. “O intuito desta manifestação é chamar a atenção da comunidade defender o patrimônio e preservar a história de um clube. Além disso, a ideia é retomar o espírito associativo nas pessoas e os sócios eleger uma diretoria interessada em reverter à situação”.
Clube que se tornou um marco para a região 
Durante a apresentação na Tribuna Democrática, Uiara Castilho dos Reis disse que nos 72 anos de existência do Clube do Comércio, pode-se considerar um marco na história da cidade. Foi o espaço onde houve a primeira reunião para a emancipação de Esteio. Nestas mais de sete décadas, a passagem de vários presidentes, onde muitos deles ajudaram no crescimento propiciando o lazer e o bem estar dos associados. Nos últimos 16 anos, a atual administração vem fazendo do clube uma extensão de sua casa e juntamente com um grupo do Conselho Deliberativo vem aprovando mudanças sem questionar os demais associados. Em janeiro de 2013, após o incêndio na boate Kiss, em Santa Maria que vitimou mais de 240 jovens, a sede social do Comércio fechou as portas por não ter capital para se adequar as solicitações do novo PPCI.
Medidas que foram tomadas sem conhecimento dos associados 
Num dos documentos apresentados foi divulgado que em janeiro de 2016, conforme consta na Ata 96, o prédio da sede foi vendida por R$ 2 milhões. Em julho de 2016, durante uma assembleia ordinária realizada na sede campestre do clube situada na Rua das Tordesilhas, em Sapucaia do Sul formou-se um tumulto, devido a forma que vinha sendo conduzida a reunião para prestação de contas, que não havia. Desde então, foi contratada uma empresa para fazer uma auditoria nas finanças do clube referente aos últimos cinco anos. Com esta ação, foi apontada diversas irregularidades e desde novembro de 2016 tramita um processo na justiça. A primeira audiência ocorreu em 07 de fevereiro deste ano. Os associados estão no aguardo da resposta dos itens solicitados. E em paralelo segue o agravo para o afastamento do atual presidente e toda a diretoria, assim como o bloqueio da conta existente.

Estacionamento rotativo deverá passar
por mudanças em maio 
Em recente pronunciamento durante um encontro com empresário, o chefe do Executivo Municipal, Leonardo Pascoal anunciou mudanças expressivas no estacionamento rotativo da cidade. Está previsto para ocorrer a partir de maio, a empresa responsável por este serviço no município tornar o sistema mais eficiente com a instalação de mais equipamentos nas ruas que possuem este tipo de atuação. Outro ponto que também deverá entrar em atividade é a redução do valor da tarifa mínima podendo chegar a R$ 1 real. Atualmente, os motoristas que estacionam pagam R$ 1,80 por uma hora e R$ 3,40, por duas. Além de quinze minutos serem gratuitos, idosos e pessoas portadores de necessidades especiais tem desconto de 50%, nas taxas.

Economia é tema de palestra 
O país vem buscando sobreviver a mais um golpe nas finanças
Cerca de 50 pessoas prestigiaram a segunda reunião almoço ‘Oportunidade de Negócios’, organizada pela Acise/CDL de Esteio, no dia 23 de março. O encontro foi realizado no auditório da entidade e contou com a presença em sua maioria de empresários associados e representantes do poder Público. O palestrante foi o economista chefe da Federação das Indústrias do Estado do RS (Fiergs) André Nunes de Nunes no qual o tema abordado foi “Perspectivas econômicas para 2017”. Segundo o presidente da Associação Comercial, Longuinho Muzykant, a economia vem sendo um dos assuntos que estão sendo alvo de polêmica na sociedade, devido a situação em que se encontra o Estado e o país. “É o momento do empresariado local e da entidade buscar através de profissionais algumas ideias para resolver o problema. Mesmo com alguns obstáculos, desde dezembro de 2016, houve um crescimento inexpressivo, mas a tendência é de fomento para os próximos anos”, comentou Muzykant.
RECUPERAÇÃO - O economista André Nunes de Nunes falou que ao longo dos próximos anos, o país estará saindo da maior crise econômica da história. Mas o mundo já presenciou outros momentos piores economicamente em países da Europa e Estados Unidos. “O que talvez esteja prejudicando a recuperação da economia seja a crise política e alguns escândalos que tem atingido grandes proporções”, disse Nunes. Ele frisou que muitas nações se recuperam mais rapidamente, do que em relação a países emergentes ou em desenvolvimento. “No Brasil, já passamos por momentos difíceis como nas décadas de 1980 e 1990, com inflação elevada e caos na economia. Mesmo sendo em períodos distintos, mas os empresários e a comunidade em geral é que sofre com isso”. André salientou que estamos num período em que devemos nos adequar a situação e estar atento ao mercado e as novas tecnologias. “Mesmo daqui a alguns anos a crise ficar estagnada, ainda teremos seus reflexos”. A próxima edição está prevista para ocorrer no mês de abril.

Grupo promove audiência pública sobre 
a Reforma da Previdência
 Miguel Luz e Leonardo Dahmer, em vista ao Jornal Destaque
A Câmara de Vereadores de Esteio implementou a Frente Parlamentar em Defesa da Previdência Social, com o objetivo de organizar ações políticas, no âmbito legislativo para fazer frente à proposta que reduz a direitos dos trabalhadores. Além das ações promovidas pelo Parlamento, foi criada também o Comitê Popular em Defesa da Previdência, que promove mobilizações direta com os esteienses ressaltando os interesses da comunidade. Com o objetivo de divulgar para a sociedade as alterações que pode ocorrer caso seja aprovado em Brasília, à mudança na Previdência Social, será realizado no dia 30 de março, a partir das 19 horas, na Sala de Sessões Luiz Alécio Frainer, uma audiência pública para tratar sobre o assunto. Estão previstas a presença de representantes da Assembleia Legislativa e da Câmara Federal, além de integrantes do ANFIP, que fará uma apresentação sobre os reais números da Previdência no país. Um dos principais proponentes deste ano é o vereador Leonardo Dahmer que esteve visitando o Jornal Destaque, no dia 27 de março. O parlamentar e o assessor Charles Scholl foram recepcionados pelo diretor do periódico, Miguel Luz. O Plenário da Câmara fica na Rua 24 de Agosto, 535, Centro.

Defesa Civil do Estado treina agentes 
em Sapucaia do Sul
Capacitação se torna importante em momentos de catástrofe
Integrantes da Defesa Civil do Estado estiveram recentemente em Sapucaia do Sul. A visita teve como objetivo treinar os agentes da Defesa Civil do Município a utilizarem o Sistema Integrado de Informação de Desastres, que passou por mudanças no final do ano passado. O coordenador Regional de Proteção e Defesa Civil, Major Alexsandro do Nascimento Goi, salientou que por meio do sistema os agentes da cidade se credencia para receber ajuda humanitária e recursos financeiros, no caso de eventos adversos, como temporais, vendavais e chuva de granizo, e que resultem em prejuízo para a cidade e população. Também realizou o treinamento, o Sargento Valdecir Ambrósio. Segundo o coordenador da Defesa Civil de Sapucaia, Robson Ferraz, esta atividade é de grande importância, devido ao treinamento que os agentes estão recebendo. “Talvez estamos preparados tanto para os processos operacionais, quanto para os administrativos”.


LORI EMANOELA DA SILVA 
Sementes da existência... 
Quando estamos dispostos internamente a realizar, de fato, o melhor para nossas vidas, não perdemos tempo com os dilemas alheios. Ainda que reconsiderarmos os diferentes aspectos de uma situação, perceberemos a totalidade de nossa alma, quando estamos envolvidos verdadeiramente com propósitos divinos, absolutamente ninguém, poderá tirar-nos do foco em sã consciência nenhum de nós acorda pela manhã para ser infeliz...  Aquilo que faço com o tempo de minha vida, e o que idealizo, certamente de alguma forma reagirá na mesma intensidade que foi executado; chama-se isso “lei do retorno”, aspecto esse, ignorado muitas vezes pelo ego que em desenfreada velocidade como tempestade arranca sem dó nem piedade plantações de uma vida inteira... Olhe e veja, a oportunidade que a cada dia recebe para ser melhor que antes, sem comparar com o outro, sem delegar poderes a quem quer que seja para conduzir sua vida, e mais, viva intensamente cada momento para que sua colheita seja farta, plena e reconfortante; e quanto sentir-se enfraquecido recorde das brincadeiras de infância, do cheiro da terra molhada, da pescaria com seu velho pai, e principalmente que plantou o doce sabor de ser o melhor de sua existência...  Paz & bem ciganabrazil@yahoo.com.br
Abraço fraterno, toda bênção!

Conselho Tutelar apresenta ações 
com crianças e adolescentes
As conselheiras divulgaram para a comunidade os principais registros
Grupo expôs os trabalhos para a comunidade e parlamentares
Representantes do Conselho Tutelar de Esteio participaram na noite do dia 21 de março, da Tribuna Popular, durante a sessão ordinária na Câmara Municipal. A ação ocorreu na Sala de Sessões Luiz Alécio Frainer, no Plenário. A coordenadora do CT, Elizete Bandeira, disse que um dos principais objetivos da iniciativa foi prestar contas do trabalho das conselheiras realizadas ao longo de 2016. “Durante este período conseguimos desenvolver um mapa sobre os mais variados tipos de violação sofridos por crianças e adolescentes do município”, falou Elizete. De acordo com a conselheira Janaina Santos, este trabalho é uma ferramenta importante, pois o Conselho terá dados que podem auxiliar outros segmentos na comunidade. “A criação de novos projetos voltados para os menores, com a proposta de oferecer condições dignas para viver”.
NOTIFICAÇÃO - Segundo números divulgados durante o encontro, a faixa etária com quantidade expressiva de registros é dos 15 a 17, seguido dos 4 a 6 anos. Com uma diferença pequena, os meninos têm lideram a lista, com uma porcentagem de 1070 notificação contra 1024. Os três bairros que estão na lista encontram-se Parque Primavera, São José e Centro. Já o agente violador dos direitos de crianças e adolescentes, a mãe ocupa o primeiro lugar, em seguida o próprio
menor e o pai.

Pórtico de Esteio deverá ser revitalizado
O arco é um dos principais pontos turísticos da cidade
A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação concluiu o projeto de revitalização do antigo pórtico de entrada da cidade, localizado junto ao muro da Trensurb, na esquina das ruas Maurício Cardoso e Engenheiro Henner de Souza Nunes. A iniciativa, segundo o secretário, Marcelo K. Pereira, é resgatar esse patrimônio histórico, trazendo as cores originais da sua construção. “Entendemos que valorizar o passado é uma forma de projetar o futuro”, afirmou Marcelo. Além disso, a Prefeitura firmou uma parceria com o Rotary Club para revitalização, em virtude das comemorações dos 60 anos do clube a ser comemorado no mês de junho. De acordo com a proposta, os materiais para a restauração serão doados pelo Rotary e a obra será feita com a mão de obra do setor competente do Executivo. O pórtico foi entregue à população no dia 12 de outubro de 1959. Considerado um dos principais símbolos, o arco foi tombado como patrimônio histórico municipal.

Mulheres com atitude
A atitude da mulher pode transformar uma profissional
No mês dedicado as mulheres, uma das ações que ocorreu no dia 14 de março, na cidade foi uma palestra ministrada pela consultora Mileine Vargas. A atividade ocorreu durante o ato solene alusivo ao Dia Internacional da Mulher, na Sala de Sessões Luiz Alécio Frainer, no Plenário da Câmara Municipal. O tema abordado é ‘Mulheres com Atitude são Mais Felizes’. Mileine falou que é possível observar que mesmo com os dilemas e as escolhas das mulheres na atualidade, aquelas que têm atitude são mais felizes e realizadas em sua plenitude. “O grande desafio hoje de várias mulheres é aprender a lidar com as conquistas obtidas nos últimos anos e comemorar. Avançamos muito em nossos direitos, mas devemos saber até onde queremos chegar”, frisou a palestrante. Ela salientou que as mulheres não devem ser as vítimas e trabalhar para termos condições de igualdade com os homens. De acordo com Mileine, uma das marcas das primeiras décadas do século XXI é a inteligência emocional. E que se soubermos lidar se tornaremos independente dos sexos, pessoas mais confiantes e com resultados significativos. “Além disso, ter humildade, atitude e responsabilidade são ações que contribuem não apenas na formação de uma pessoa, mas também de um grande profissional”.
DICAS PARA AUTO CONFIANÇA E DETERMINAÇÃO 
- Tenha iniciativa. Haja - Valorize suas conquistas. Aprenda a não reclamar tanto e agradecer - Mudar seus estados emocionais terá consequências benéficas em sua vida - Saia da zona de conforto e veja as mudanças expressivas no seu cotidiano

Grupo de escoteiros tem nova sede
Integrantes do grupo assinando o termo de cedência da área
Foi renovado por mais de cinco anos, a cessão de uso do terreno onde funciona a sede do Grupo de Escoteiros Peregrino, localizado no bairro São José. O ato de assinatura do termo aconteceu recentemente e contou com a participação de representantes do Executivo e dos escoteiros. Conforme a presidente do grupo, Maria Witchs, e a chefe do ramo Lobinho, Shirlei Zibetti, 86 crianças e jovens, com idade entre seis e 21 anos, integram o Peregrino. As reuniões acontecem nos sábados à tarde, onde os participantes aprendem noções básicas de sobrevivência e promovem campanhas e ações sociais. Antes da cessão da área feita pela Prefeitura, o grupo utilizava um espaço no IFSUL.


Yasmini Vargaz em uma de suas
exibições nos palcos
Canto lírico que atraiu o olhar de uma esteiense
Através de sua voz potente, a cantora está representando a cidade em várias partes 
do país e do mundo 
Yasmini Vargaz começou a se interessar pela música ainda criança cantando em coros infantis, apresentações escolares e fazendo aulas de violão. “Participei de muitas bandas de vários gêneros musicais como rock e pop. Cheguei a tocar violão, guitarra e baixo. Foi somente na adolescência que percebi que se estudasse de verdade e séria, com professores de formação sólida, o canto poder vir a ser a minha profissão”. “O canto lírico que me chamou e eu me apaixonei por ele”, resumiu a cantora onde ressaltou que esta opção surgiu de maneira natural pela evolução da voz. “Com o tempo de estudo, a voz tem sua desenvoltura e particularidades como qualquer outro instrumento. Com isso, me possibilita a execução de um repertório complexo e com um nível de dificuldade maior”. Ela enfatizou que mesmo seguindo a paixão pelo canto lírico, canta música popular, pois 90% dos alunos ouvem e são da MPB.
PROFISSIONALISMO - Yasmini citou que em relação ao canto lírico nunca teve problema e a atitude como cantora profissional é a mesma independente do gênero da música que estou cantando, seja ópera ou pop rock. “Independente do que for a arte em nosso país ainda precisa percorrer um longo caminho para obter a valorização que merece. A dificuldade maior da música está na fase da formação, onde o jovem precisa ter um bom professor, um instrumento, que na maioria das vezes, não é barato, devido aos altos impostos e uma estrutura mínima para estudar”.
Visão e quebra de barreiras com a música 
No que tange a questão da mulher na música, Yasmini Vargaz destacou que no meio da música de concerto de forma geral, as pessoas são respeitadas e reconhecidas pela sua capacidade musical e profissional, independente do sexo. “A única coisa que importa é se você consegue cantar ou tocar o que deve ser tocado da forma como deve ser tocado. Essa visão sobre a capacidade do músico abriu um caminho largo para as mulheres. Na atualidade, elas podem participar desde a formação de músicos até a regência de grandes orquestras”. “A visão que a música de concerto trouxe ao longo dos anos para mim como profissional é que para sermos iguais em qualquer campo de atuação. Devemos olhar para as potencialidades do ser humano”, resumiu Yasmini. Ela frisou que as competências são diferentes de indivíduo para indivíduo, e podem vir em diferentes campos e de qualquer lugar, portanto, se você acreditar em si, no que você faz de melhor e souber respeitar as potencialidades dos demais, venham de onde vierem, teremos um mundo mais justo e com mais pluralidade.
Yasmini Vargaz é de Esteio e Bacharel em Música – ênfase em canto lírico pela UFRGS. Pós graduada em ensino do canto e atua como cantora lírica, professora de teoria musical e preparadora vocal de coros. Vencedora do concurso ‘Estímulo para Jovens Cantores Líricos Carlos Gomes de 2016. Recentemente foi nomeada comendadora pela SBACE como Mérito Cultura Carlos Gomes. Na música antou como Proserpina na ópera “Orfeu” de Monteverdi; como Hanna Glawary em “A viúva alegre”, como Condessa de Almaviva em “Le nozzedi Fígaro”. Faz concertos regularmente com as principais orquestras do RS, como a Orquestra Sinfônica de Gramado, Orquestra de sopros de Novo Hamburgo e Orquestra de Câmara da Ulbra.

Alunos do Coração de Maria na Austrália
A Equipe de Robótica Lego, ANDROIDS, do Colégio Coração de Maria recebeu no dia 19 de março, no Distrito Federal, no Torneio Nacional FLL (First Lego League) a classificação para o Campeonato Aberto de Robótica que acontecerá nos dias 06 a 09 de julho de 2017, na Austrália. A Equipe Androids, iniciou-se em 2010, com o objetivo de incentivar os alunos a adquirirem novos conhecimentos tecnológicos na área da robótica educacional, com a participação em torneios de robótica, feiras de ciências e exposições. Consagrou-se bi-campeã, no Torneio Regional, em 2016. O Coração de Maria é pioneiro da Robótica Educacional, na cidade. A Equipe Androids foi classificada dentre 74 equipes do país, para participar do Aberto da Ásia. A equipe é composta pelo professor Gilmar Alves Ferreira, que é o grande incentivador dessa juventude, William Magnus Barth, Julia Klafke Perin, Lucas Tamanini, Ana Clara Pinheiro da Silva, Bruno de Souza Schuler, Casio Vidal, Rahuany Velleda, João Gabriel e Pedro Henrique Biazus de Quevedo.


DR. GABRIEL SEGER TEIXEIRA 
*Especialista em implantes dentários e em prótese dentária 
Razões para tomar 
chá diariamente 
Apesar de muitas pessoas acharem que o chá deve ser ingerido apenas quando estão doentes, é importante saber que existem inúmeros benefícios para quem consome esta bebida todos os dias. O chá ajuda a combater os radicais livres (substâncias responsáveis por danificar nosso DNA) devido à grande quantidade de antioxidantes presentes em sua composição. Os radicais livres estão associados ao desenvolvimento de doenças como câncer, cardiovasculares, entre outros. O chá ainda pode contribuir para a prevenção da degeneração neurológica, sendo inclusive eficaz para o tratamento de algumas doenças deste tipo como o Alzheimer. Mesmo que existam diversos fatores que influenciem a saúde do cérebro, os polifenóis contidos no chá, especialmente o verde, pode ajudar a manter o bom funcionamento do órgão, fazendo com que a capacidade de aprendizado e a memória seja afetada minimamente. Mas não é apenas para a mente que o chá pode contribuir. Pesquisas realizadas associaram o consumo da bebida a uma maior resistência durante os exercícios físicos, principalmente devido ao antioxidante chamado catequina, encontrada no chá verde. Esta substância aumenta a capacidade do corpo em queimar gordura, atuando ainda como um “combustível” que causa maior capacidade muscular. Além disso, o chá melhora a densidade mineral, o que gera uma melhor saúde dos ossos. Apesar da cafeína presente no chá, a bebida serve como hidratante, portanto pode ser ingerida em qualquer parte do dia. Mesmo assim, é importante ter a consciência de que o chá não é uma bebida milagrosa, e sim um complemento benéfico para uma alimentação saudável e a prática assídua de exercícios físicos. Unir estes hábitos positivos com um chá depois do almoço ou antes de dormir pode fazer com que você tenha uma vida com muita saúde e felicidade.
Fonte: Saudeedicas

Festa e homenagens marcam os 
66 anos do Lar Betel 
A atividade foi realizada no auditório da entidade na Rua Pelotas
Maria Tereza recebendo a homenagem 
Para marcar os 66 anos do Lar Betel, em Esteio, a direção da instituição realizou na tarde do dia 17 de março, um ato para lembrar a data. O evento foi realizado no salão do Lar, que fica localizado na Rua Pelotas, no bairro Centro. Prestigiaram representantes do poder Público da região, empresários e voluntários. Também participaram integrantes da comunidade religiosa da cidade. Em nome da instituição, o pastor Lima falou que comemorar a passagem de mais de seis décadas de trabalho num município em prol dos idosos. “É uma bênção e um privilégio festejar esta data, através da iniciativa do pastor João Batista, que na época, através de sua ousadia, conseguiu deixar um legado para a comunidade”. De acordo com o pastor Ivo Nunes da Silva, o reconhecimento de um trabalho é algo gratificante e que merece o respeito e admiração da sociedade. “Praticar o bem é algo deixa marcas inesquecíveis naqueles que são beneficiados. Além disso, tirar algumas horas do dia para fazer algo em prol dos mais necessitados será ajudado, quando precisar”, disse Nunes.
RECURSOS - Segundo o chefe do Executivo Municipal, Leonardo Pascoal, apesar das dificuldades filantrópicas que algumas instituições estão passando devido às crises financeiras, acrescentando as ações estabelecidas no novo marco regulatório, determinado pelo governo federal que tende a agravar ainda mais a situação. “Mesmo assim, o Município tem conseguido nestes primeiros meses da nova administração manter os recursos para as entidades que ajudam a cuidar dos esteienses”.
Dedicação e trabalho aos idosos esteienses 
Durante a festa de aniversário do Lar Betel, o pastor Ivo Nunes da Silva recebeu uma placa de moção honrosa pelos 24 anos de trabalho na entidade e a funcionária Maria Tereza foi agraciada com uma placa pelo trabalho realizado na entidade. “Tenho orgulho de trabalhar neste local, pois quando iniciei estava passando por problemas particulares e aos poucos consegui superar os obstáculos”.

Novo Horizonte estreia no Gauchão 
O time possui jovens atletas e alguns com experiência no campo
O time vem crescendo e revelando grandes talentos no futebol
A equipe do Esporte Clube Novo Horizonte de Esteio inicia no dia 02 de abril, sua caminhada na busca de uma vaga entre os grandes do futebol gaúcho. A estreia é contra o Sapucaiense em local ainda não definido pela Federação Gaúcha, pois o estádio Arthur Mesquita Dias, em Sapucaia do Sul ainda não liberado. O verdão esteiense, devido às cores verde, amarelo e branco, ainda terá como adversários na 1ª fase equipes tradicionais como o Grêmio Bagé, Farroupilha, Riograndense, Guarany de Camaquã, Rio Grande e Inter B. Esta caminhada é uma busca por uma vaga à Divisão de Acesso do Gauchão 2018. O Novo Horizonte tem sua sede administrativa na Avenida Padre Claret, 126, no Centro. O treinador do elenco dos jogadores Ney Gaúcho que trabalha com a equipe que mescla um grupo de jovens atletas e outros com mais experiências. Entre eles esta o volante Emerson Leal, 36 anos, que consagrou-se campeão pelo Grêmio de Porto Alegre, na Copa do Brasil, em 2001. Também faz parte do grupo o ex-colorado conhecido como ‘Chiquinho’ que atuou pelo Cruzeiro ano passado. Em breve, outro nome que deve ser anunciado pela direção do clube para reforçar o time.
TRABALHO - Segundo o diretor presidente Rudimar Cardoso, apesar das dificuldades em relação à falta de estrutura, pois o Novo Horizonte não possui estádio próprio e os treinos vêm ocorrendo no campo da Gerdau e do clube Olaria. “Primeiro temos que subir para depois correr atrás de apoio e assim poderemos montar uma boa infraestrutura. Acredito que podemos disputar com igualdade de condições com todas as equipes”, falou Rudimar otimista com o time na competição. Ele salientou que a expectativa é de resultado positivo para mobilizar a comunidade em torno do time da cidade.
Trajetória do Verdão 
 Criado em 2008 pelo ex-atleta esteiense Rudimar Cardozo, o Novo Horizonte trabalhou por alguns anos com projetos sociais vinculados a categoria de base e na formação de atletas. Em 2016, o verdão encarou o desafio da formação da equipe profissional. Este é o segundo clube da cidade que disputa competições profissionais. O primeiro clube que percorreu esta trajetória foi o Atlético Lansul, na década de 60 que participou de edições da Segundona Gaúcha.

Atletas de Esteio participam de competição 
Os corredores esteienses apresentaram bons resultados na prova
A delegação de mais de 20 atletas da Associação dos corredores de Rua de Esteio (Acores) seguiu em deslocamento para participar da 15ª edição da corrida rústica Verde Praia da Lagoa situada no município de Arambaré. A atividade reuniu atletas de vários pontos do Estado na disputa pelas primeiras colocações e foi realizada no dia 19 de março. A delegação esteiense saiu por volta das 4h30 da manhã do município. Um dos principais destaques da competição foi o casal Richard Pacheco, da Equipe Camões e Dolfina Araújo, que percorreram um trajeto de 8km. Richard conquistou a medalha de ouro e tetra campeão nesta corrida. Esta é a 15ª edição do evento que comemora os 25 anos de emancipação política da cidade, lembrado no dia 20. Também quem obteve uma colocação expressiva no pódio foi Cleider Hoffmann que ficou em segundo lugar na categoria geral 3km. No infantil, Júlia da Silva Cardoso conquistou a segunda posição, na prova de 1km. A premiação se deu através de um troféu para os classificados nas três primeiras colocações na geral masculino e feminino, além das categorias, houve uma premiação por faixa etária em cada prova, no infantil 500 metros, 1km e 2km, no adulto a distância percorrida foi 3 km e 8 km na estrada a beira da lagoa. Os mais de cem troféus de premiação foram entregues pelo chefe do Executivo Municipal da localidade, no qual a prefeitura foi uma das organizadoras em parceria com o Sesc de Camaquã. Após a competição, os participantes e acompanhantes puderam desfrutar de bons momentos a beira da lagoa e conhecer um pouco mais da cidade litorânea.
Classificação 
3 km adulto - 2ª categoria 20/29 anos: Cristina Bortoletti; 2º categoria 20/29 anos: Maicom da Silva Dos Santos; 1º categoria 50/59 anos: Oscar dos Santos de Oliveira Filho; 1ª Categoria 60/69 anos: Cira Terezinha Barcelos; 2ª- Categoria 60/69 anos: Rosa Helena Dos Santos  Domingues; 9º Categoria 40/49: Geovani Rodrigues (Cidadão Legal)
8 km adulto - 1ª categoria 50/59 anos: Fatima Maria da Silva Bauer; 3ª categoria 20/29 anos: Miguel Costa da silva   (00:32:46); 2ª categoria 16/19 anos: Daniel Dornelles; 3ª categoria 70/79 anos: Floravante DÀvila Pedroso
Infantil 1km - 2ª geral: Julia Da Silva Cardoso; 4ª geral: Karina Vitória Faleiro Barcelos
Infantil 2km - 5º geral: Matheus Eduardo Da Silva


Operação resulta em prisões 
O foco principal era prender suspeitos, além de encontrar armas e drogas
O grupo estava cometendo diversos delitos na cidade
Uma ação da Delegacia de Polícia de Esteio prendeu aproximadamente seis pessoas e apreendeu um menor na manhã do dia 17 de março. A ação foi coordenada pelo delegado Roland Alexander Short e reuniu aproximadamente 40 policiais civis da 2ª Delegacia Regional Metropolitana de Canoas. De acordo com o escrivão do setor de investigações da Polícia Civil do município, André Silva, a atividade foi chamada de ‘Operação Covil’, que teve como objetivo principal o combate aos crimes patrimoniais, homicídios e tráfico de drogas no perímetro urbano. No decorrer da ação, as possíveis vítimas foram até a DP para o reconhecimento fotográfico. De acordo com André Silva, o local escolhido para a Operação foi a Vila Pedreira, situada as margens da BR 116. No local foram cumpridos mandados de prisão preventiva e temporária. “Com isso, conseguimos recapturarmos um foragido e apreendemos um adolescente que havia se envolvido em diversos delitos na cidade”, informou Silva. Ele comentou que a operação tinha como foco principal também de acabar com uma série de roubos a estabelecimentos comerciais, homicídios e tráfico de drogas. “A maioria dos indiciados tem registros por envolvimento com drogadição e associação ao tráfico”.
ARMA - Com o adolescente, os policiais encontraram a pistola de calibre 40, de uso restrito das Forças de segurança, que era utilizada durante as ações criminosas que ele praticava. “Na Pedreira, o menor era conhecido como ‘Pai’, mesmo jovem é de alta periculosidade, tanto que o Ministério Público representou pela internação dele no Case em Novo Hamburgo”, relatou o escrivão André.

Drogas são encontradas em sapatinho de bebê
Os suspeitos faziam as roupas da criança de esconderijo de drogas
Em ação de cumprimento de mandado de busca e apreensão no dia 24 de março, a 4ª DIN/Denarc efetuou a prisão em flagrante de um casal por tráfico de drogas e associação para o tráfico. As prisões ocorreram na residência do casal, situada em Sapucaia do Sul. Durante as buscas, foram localizadas 30 porções de cocaína, 24 pedras de crack, uma balança de precisão e cerca de R$170, em dinheiro. Segundo o delegado Maurício Barison, o que chamou a atenção dos policiais foi o fato de o casal esconder as drogas dentro dos sapatinhos usados pelo filho de apenas cinco meses.  ”Isso mostra o grau de desprezo pela integridade física do próprio filho, o qual expunha sua integridade física, deixando-o próximo e em contato com substâncias tão nocivas à saúde”, disse o delegado. O Diretor  de Investigações do DENARC, Mario Souza, afirmou que operações policiais e ações pontuais contra o tráfico de drogas serão intensificadas na Região Metropolitana de Porto Alegre. E concluiu que “chama atenção a situação com o menor de idade”.


Lei do silêncio impera 
na Pedreira 
Na investida, a Polícia Civil apreendeu também 37 pedras de crack, sete buchas de maconha e dinheiro. “É uma resposta à onda de crimes que aconteceram em Esteio nos últimos meses. Na localidade impera a lei do silêncio. Através das investigações, descobrimos que todos são parceiros”, frisa o escrivão. O policial detalha que os suspeitos praticavam os crimes na área central e atravessavam a passarela da rodovia e voltavam para a Vila Pedreira. Silva explica que dois mandados de prisão temporária eram devido a tentativa de homicídio de um jovem de 18 anos em novembro de 2016. “Eles queriam matá-lo porque ele não queria mais fazer parte da organização que comercializava drogas no município”, diz. Em janeiro de 2017 a vítima acabou morrendo na BR-116 em Esteio. Ele estava em um veículo roubado, com placas de Canoas, quando perdeu o controle do automóvel e perdeu a vida no local.


Trio é capturado em Sapucaia do Sul 
após roubo em Esteio 
Policiais militares do 33º BPM prenderam três indivíduos após assaltarem um estabelecimento comercial. O fato se deu no dia 24 de março, por volta das 15 horas, quando agentes que trabalhavam na Sala de Operações emitiram um alerta comunicando uma guarnição que um trio havia roubado um comércio em Esteio e haviam se deslocado, de acordo com o relato de vítimas e de populares em direção a Sapucaia do Sul. Num trecho entre as avenidas Theodomiro Porto da Fonseca com a João Pereira de Vargas, uma equipe da ROCAM avistou um veículo da marca Fox, de cor branca, no qual ao verificar no sistema foi possível detectar que estava em situação de roubo. Teve início uma perseguição por diversas ruas do município até terminar na São Caetano, no bairro Vargas. No local foram presos os indivíduos com 24, 44 e 53 anos. Todos com uma vasta ficha criminal em diversos delitos. Um deles, inclusive estava foragido do sistema prisional. Durante a revista, foram encontradas as mercadorias roubadas, bem como o dinheiro subtraído do local, um revólver calibre 32 com a numeração raspada. Os presos foram levados para fazer exames e em seguida ao órgão policial mais próximo.

Arma é recuperada com homem no Primavera 
Um homem de 23 anos foi preso por policiais militares do 34º BPM, por porte ilegal de arma. A detenção aconteceu no dia 18 de março, por volta das 1 hora da manhã, numa rua do bairro Primavera. Segundo informações, o fato ocorreu durante um patrulhamento de rotina, quando o suspeito foi avistado conduzindo um veículo em atitude suspeita. Ao tentar abordá-lo, o motorista saiu fugindo do local, onde iniciou uma perseguição por alguns minutos pelas ruas do bairro. O indivíduo chegou a abandonar o veículo e adentrar em um matagal, onde chegou a efetuar pelo menos seis disparos contra a guarnição, que revidou os tiros. Por não ter tido condições continuar a fuga resolveu se entregar e durante as buscas do local, os policiais encontraram uma arma de fogo, 9mm com onze munições intactas e dois cartuchos deflagrados, que foi dispensado durante a fuga. Diante da situação, foi dada voz de prisão ao indivíduo que foi conduzido ao Hospital São Camilo para exames e em seguida a DPPA, em Canoas, onde foi efetuado o registro da prisão em flagrante.

sexta-feira, 17 de março de 2017

EDIÇÃO 2053

Instalado postes de iluminação na BR 116
Praticamente toda a extensão na cidade agora é iluminada
Um dos trechos mais escuros da BR 116 agora passou por uma reestruturação. Os motoristas que trafegam por uma das vias expressas mais importantes do Estado e do país, à noite possuem mais um aliado. No trecho esteiense da BR foram instalados postes e luminárias. Um dos principais objetivos é proporcionar mais segurança, pois na extensão de Porto Alegre e Canoas, assim como no Vale do Sinos, grande parte da estrada é iluminada em ambos os sentidos.


Retorno do atendimento de convênios e particular no São Camilo gera polêmica 
Durante a sessão na Câmara, guardas municipais e até a Brigada Militar 
esteve durante a votação do projeto
São Camilo é o único hospital público da cidade
A sessão ordinária na Câmara de Esteio foi polêmica no dia 02 de março. O principal motivo foi a aprovação, em regime de urgência, o projeto de autoria do Executivo que retoma o atendimento a convênios e particulares na Fundação de Saúde Pública São Camilo. Um número significativo de pessoas estava acompanhando na Sala de Sessões Luiz Alécio Frainer a reunião. Durante o encontro, os ânimos ficaram exaltados e a Guarda Municipal e a Brigada Militar foram acionadas para evitar maiores transtornos. Algo que em 62 anos da cidade, talvez é a segunda vez que ocorre uma situação similar. Desde 2013, o hospital atendia apenas pacientes via Sistema Único de Saúde (SUS). A matéria, aprovada pela maioria dos vereadores com exceção de Leo Dahmer, Luiz Duarte e Márcio Schmitz, da bancada do PT, revoga a Lei n° 5.586 de 2012, tornando possível o retorno da prestação de serviços aos Planos de Saúde Privados. O grupo pediu que a Casa Legislativa realize um amplo debate sobre o assunto, através de um documento que foi aprovado durante a sessão realizada no dia 21 de fevereiro. A questão inclui reuniões e audiências públicas a serem marcadas com os setores competentes do setor da saúde e a comunidade em geral. O documento foi encaminhado à Comissão de Saúde, Meio Ambiente e Assistência Social.
OPOSIÇÃO - Morador do bairro Três Portos e frequentador das sessões da Câmara, Júlio Sal falou que diante da situação chegou a filmar o ocorrido e postar nas redes sociais, devido a relevância do fato. Em sua opinião, não teria a necessidade para tomar esta medida, apesar de ser um projeto que mexe com o funcionamento do único hospital da cidade. “Entre os espectadores da reunião, havia diversos funcionários de Cargos Comissionados da administração anterior e que poucas vezes iam a Casa Legislativa verificar o que os vereadores estavam fazendo em prol dos munícipes”. Ele comentou que a quatro policiais militares entraram na Sala de Sessões Luiz Alécio Frainer, onde ocorre as sessões e ficaram em alerta. Já em relação aos fuzis, não tem lógica eles deixarem dentro da viatura.


Chef dá dicas para alimentação saudável 
A ideia do profissional é que as famílias tenham melhor proveito da comida 
in natura evitando os industrializados
A diretora da instituição, Carmen Cesar com o palestrante e convidados
O dia 13 de março foi marcado no Colégio Adventista de Esteio (CAE) pelo primeiro dia do curso de Culinária Saudável. A atividade foi realizada no auditório da instituição e contou com a presença de pais ou responsáveis dos alunos. O palestrante foi o chef de cozinha, especialista em alimentação saudável e consultor em bares e restaurantes da grande São Paulo, Ricardo Fioravante. Ele também faz participações em programas de televisão, no que tange a parte de culinária. Segundo a diretora Carmen Cesar, em menos de um mês do início do retorno da rotina escolar, um dos principais objetivos é trazer novidades não somente aos alunos, mas aos pais oferecendo diversas ações focado na integração da comunidade. “Neste primeiro momento, através do Centro de Vida Saudável que deverá ser implantado na escola, a ideia é ensinar técnicas para poder tirar melhor proveito dos alimentos e ter um cotidiano mais leve e produtivo, assim teremos menos doentes”.
TÉCNICAS - De acordo com Ricardo, durante os quatro dias de curso, é poder ensinar os pais a fazer um café da manhã com o propósito de dar mais vitalidade e energia a toda a família. “Por ser a primeira refeição do dia, as pessoas precisam ter pique para conseguir executar as tarefas durante este período sem cansar ou ter outras consequências”, disse Fioravante. Ele frisou em sete receitas apresentadas durante o curso, os artigos são facilmente encontrados em qualquer supermercado, o que auxilia ainda mais o trabalho. Ricardo falou ainda que nos encontros, os participantes vão e fazer uma comida natural, gostosa e saudável, e assim, consequentemente, aos poucos vai se mudando os hábitos alimentares. “Entre as receitas de pão integral, torta de banana, onde não são utilizados ovo, leite, farinha e açúcar, assim como um preparado para substituir omeletes, vou repassar informações sobre o suco detox. Além de ensinar a cozinhar, as dicas sobre o preparo é que estimula ainda mais as pessoas ao fazer o alimento”.


Esteio da Poesia Gaúcha reúne talentos
Os ganhadores da terceira edição da festa
A Casa de Cultura Lufredina Araújo Gaya foi palco no dia 11 de março, do 3º Esteio da Poesia Gaúcha. Também prestigiaram representantes do Executivo, do Legislativo e de outros segmentos da comunidade em geral. O poema O Mistério das Palhas, do casal de poetas Carlos Omar Villela Gomes e Bianca Bergmam, de São Vicente do Sul, foi o grande vencedor. Além da melhor poesia, a apresentação conquistou os troféus de Melhor Trabalho em Palco e de melhor declamador, para Romeu Weber, de Osório e amadrinhado por Geraldo Trindade, de Porto Alegre. O primeiro artista a pisar no palco, seguindo uma tradição do festival de apresentar aos visitantes de outras cidades os artistas locais, foi o cantor esteiense Vladimir Guará fazer o show de abertura. A parte declamatória do festival começou com uma apresentação especial. Heitor Gabriel Hartmann, que mora em Esteio há mais de uma década, foi convidado a assistir a apresentação da poesia Penas, que ele escreveu e inscreveu no festival, mas não foi selecionada, na voz do declamador Gustavo Oliveira, amadrinhado por Henrique Sholz. Em seguida, foi a vez dos concorrentes se apresentarem para o público a apreciação da Comissão Avaliadora. Um dos mais ovacionados foi Patrocínio Vaz Ávila, declamador de Cachoeira do Sul que estava afastado dos festivais de poesia. Cada um que deixava o palco após a apresentação saía emocionado, principalmente as declamadoras Thaís Weber, de Lajeado, e Kassiana Oliveira, de Imbé, que estrearam em eventos do gênero. O cantor e compositor Elton Saldanha fez o show de encerramento cantando as músicas de seu repertório que o consagraram no Estado e em outras regiões do país. Ao todo, foram 358 trabalhos inscritos no Esteio da Poesia, enviados por 119 poetas de 66 cidades diferentes de cinco estados brasileiros e do Distrito Federal. O festival foi realizado pela secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, em parceria com a Diretoria de Comunicação Social e Eventos que estavam trabalhando junto para o sucesso da festa tradicionalista.
Melhores Poesias 1º lugar: O Mistério das Palhas 2º lugar: Um Poema no Sul, de Caine Teixeira Garcia (Bagé) 3º lugar: O Efeito do Isolamento, de Maximiliano Alves de Moraes (Alegrete)
Melhores Declamadores 1º lugar: Romeu Weber (Osório), pela interpretação de O Mistério das Palhas 2º lugar: Neiton Bittencourt Perufo (Alegrete), pela interpretação de O Efeito do Isolamento 3º lugar: Kassiana Oliveira (Imbé), pela interpretação de Crucificado, de Joseti Gomes (Gravataí)
Melhores Amadrinadores 1º lugar: Leonardo Pinho (Pelotas), pelo amadrinhamento em Crucificado 2º lugar: Clênio Bibiano da Rosa (Cachoeira do Sul), pelo amadrinhamento em Sem Lenço, de Rodrigo Bauer (São Borja) 3º lugar: Henrique Sholz, pelo amadrinhamento em O Efeito do Isolamento

Mulheres são homenageadas 
Representantes de diversos segmentos receberam a honraria do Legislativo
As homenageadas e as autoridades que prestigiaram a solenidade
Para marcar o dia Internacional da Mulher, a Câmara de Esteio realizou na noite de 14 de março, um ato solene alusivo a data. O evento aconteceu na Sala de Sessões Luiz Alécio Frainer e contou com representantes de diversos segmentos da comunidade. Durante a festividade, o vereador Mário Couto fez uma apresentação musical cantando a música Is The One, de Elton John, seguido da entrega de um bombom com uma mensagem. A mestre de cerimônia foi Neidi Ipner. No decorrer do ato, ocorreu a palestra ‘Mulheres com Atitude são mais felizes’, com Mileine Vargas. Segundo a proponente, Rute Pereira, a mulher não só importante dentro de um lar, mas atuando na sociedade dando sua contribuição. “As homenageadas de nossa cidade representam o trabalho que desenvolvem no município”, disse Rute. Ela comentou que por ter sido educadora por mais de três décadas, desde o início da carreira até praticamente os dias atuais, houve um retrocesso no processo educacional em âmbito geral. “Espero assim como todos os cidadãos que os governantes voltem a olhar a educação como peça fundamental para mudar a sociedade e assim reduzir a violência e a discriminação contra a mulher”.
DESAFIOS - A outra vaga feminina ocupada no Legislativo esteiense é da vereadora Fernanda Fernandes. Ela parabenizou todas as mulheres, que mesmo com a redução do número de parlamentares do sexo feminino nas últimas gestões, o trabalho continua sendo intenso na batalha em prol dos cidadãos. “Ser mulher na sociedade é encarar desafios e buscar constantemente sua capacitação”.

Guerreiras que lutam pelos seus ideais
Lori Emanoela com a família, ao receber a distinção representando o Conselho da Mulher
O chefe do Executivo Municipal Leonardo Pascoal ressaltou que para sermos uma sociedade mais igualitária, uma das maneiras talvez seja, seguir os propósitos estabelecidos, de onde ocasionou o surgimento do dia 08 de março. “Uma das minhas contribuições para o Parlamento na cidade, quando estava no cargo de vereador foi à instalação da Procuradoria Geral da Mulher. É um órgão que tem o poder fiscalizador e de estreitar com o público a relação entre direitos e deveres”. Em nome das homenageadas, Suzana Duarte falou da alegria ao estar presente neste seleto grupo de mulheres atuantes na sociedade esteiense. “São pessoas guerreiras, que muitas vezes, passam por dificuldades e sobrevivem dando a volta por cima, sendo exemplo e referência para outras”. Entre as homenageadas estava a colunista do Jornal Destaque, Lori Emanoela da Silva.
LISTA DAS HOMENAGEADAS 
Adriana Colombo, Alcenira Fofonka, irmã Ana Garaffa, Ariane Turella, Cássia de Lima Quadros, Cláudia Denise Mantay Lorenzoni, Denise Fagundes Garcia, Elisete Medeiros Bandeira, Geneci Carolino Rosa, Gisele Spessatto, Jussa Gobbatto Leichtweis, Leonice Marques Domingues, Lioni de Fátima Silveira Fortes, Lori Emanoela da Silva, Maria de Fátima Brito, Rosa Maria Schmitt Schildt, Suzana Beatriz Duarte, Viviane Zatrow de Souza.


Ação em homenagem ao dia da Mulher 
Diversas atividades ocorreram na data, como palestras e até entrega de flores
Grupo que participou da atividade na área central da cidade
Dia 8 de março, quando a D. Noemi saiu de casa para ir ao centro de Esteio não esperava que aquele seria um dia diferente, com surpresas e emoções. É que coincidentemente realizava-se no espaço coberto da Rua Garibaldi, desde o período da manhã, uma série de atividades em comemoração ao Dia da Mulher, promovidos pela prefeitura - palestras voltadas para prevenção de doenças,  verificação de pressão arterial, apresentações musicais, entre outros. Na parte da tarde, a ACISE, CDL, CONSEPRO, Brigada Militar e Corpo de Bombeiros fizeram as suas homenagens. E aí é que entra a D. Noemi. Ela passava pela Avenida Presidente Vargas quando um dos participantes do evento dirigiu-se até ela e  solicitou que fosse até o espaço coberto da Rua Garibaldi para receber uma homenagem pelo Dia da Mulher.  D. Noemi meio encabulada e meio desconfiada dirigiu-se ao local onde acabou por receber cumprimentos e flores dos brigadianos e dos bombeiros. Passado o primeiro impacto da surpresa D. Noemi se recompôs e subiu no palanque para agradecer com grande desenvoltura a homenagem e ainda teceu comentários  sobre o significado da data.
RECONHECIMENTO - Ao encerrar o momento da homenagem foi a vez de D. Noemi surpreender ao confidenciar ao presidente da ACISE e CONSEPRO que estava de aniversário naquele dia. “Se tudo tivesse sido combinado não teria dado tão certo”, confirmaram D. Noemi e Longuinho Muzykant. Outro momento onde as mulheres foram alvo de reconhecimento pelo trabalho que desenvolvem, foi no Hospital São Camilo onde foi instalada uma cabine fotográfica, no saguão, para o  registro de todas as mulheres que ali trabalham.  Cerca de 400 mulheres, entre enfermeiras, técnicas de enfermagem, médicas, pacientes e colaboradoras do setor administrativo levaram como lembrança a sua foto e a mensagem “Que a gente possa todos os dias: amar, sonhar, perdoar, sorrir, acreditar, vencer e .... SER FELIZ..... Assim seja!”.

Um dia para se cuidar e ver novidades
Profissionais que ajudaram na realização do encontro
Integrantes da Comissão Especial do Jovem Advogado (CEJA) da Subseção da OAB também teve uma festa dedicada às mulheres. No decorrer da tarde, o público pode aprender novas técnicas para maquiagem, tratamento facial e estético, assim como conhecer mais sobre quiropraxia, acessórios, vestuário, viagem e até previdência privada para os advogados, entre outros. Conforme uma das integrantes da comissão, Tais De Morais, um dos principais objetivos foi integrar as mulheres da comunidade com serviços variados. “Para o primeiro evento nesta data, superou as expectativas dos organizadores e participantes e a tendência é crescer para os anos seguintes”.


Shows, bate-papo e oficinas 
em prol das mulheres
Aula de zumba foi uma das atrações da atividade à tarde
Entre as atrações do dia da Mulher, Esteio foi palco entre os dias 08 e 11 de março, do Pagu Festival. Shows, teatro, bate-papo e oficinas tem como foco principal enaltecer a representatividade feminina nas artes e na produção de eventos. O primeiro dia da festa foi marcado pelo Cine debate, através da veiculação da película ‘Que horas ela volta’. A presidente do Grupo Unir Raças, Maria Odete Diogo conduziu o encontro, na Praça Coração de Maria. No dia seguinte, 09, Michele Moura Silveira ficou responsável pela oficina de poesia ‘EmpoderAR-TE’, que foi realizado na Casa de Cultura. No dia 10, aconteceu um bate papo sobre ‘A mulher no mercado cultural’, que contou com as palestrantes Julia Barth, Alessandra Rodrigues, Sarah Brito e Gabriella Raupp. O Plenário da Câmara de Vereadores que sediou o encontro. O encerramento foi no dia 11, com shows, teatro e oficina de técnicas vogais e discotecagem, com a realização de diversas apresentações.


LORI EMANOELA DA SILVA 
Resultado de 
nossas escolhas... 
Estando eu entre meus pensamentos, percebi que apesar de tudo que somos capazes de realizar nesta vida, ainda assim, nos deparamos com certas inquietudes em nossa alma. Caros amigos, em qualquer lugar deste plano terreno, estamos sujeitos ao ambiente que vivemos, e principalmente aqueles que nos cercam,dito isso, retruco com o seguinte pensamento: “quando estamos dispostos a viver intensamente nossas vidas, sempre encontraremos ao longo de nossas experiências humanas, aqueles que sem coragem de enfrentam suas diferentes posturas diante a sua existência, criticarão nossas atitudes.” Veja bem, se estamos no alto de uma montanha podemos observar aspectos que em outra posição não poderíamos perceber, por tanto, onde estamos, o que fazemos, incomoda sim, dependendo da importância que você der aqueles que sequer têm coragem de ser o que realmente escondem no seu coração. Antes de falar, criticar, e apontar olhe para dentro de si e perceba, a grandeza e a oportunidade que temos todos os dias de ser, viver o melhor de nossas vidas, sem temeridade, pois somos o resultado de nossas escolhas...
Abraço fraterno, toda bênção!


Empossada nova diretoria da Acis

 Ademir Sauthier passando o cargo para Douglas Santin
Douglas Santin, presidente eleito para a gestão 2017/2018, teve posse festiva bem como toda sua diretoria no dia 06 de março, no salão de eventos Moschee, em Sapucaia do Sul. Ademir Sauthier, em sua fala de despedida como presidente da gestão anterior, afirmou que entre os trabalhos mais importantes implementados no período foi o estreitamento das relações com a CDL, OAB – subseção Sapucaia, Poder Executivo e Poder Legislativo. Ainda referiu-se sobre temas a que deu andamento, como a RS-118 que de forma lenta as obras foram reativadas e também a aquisição de área de 4,2 hectares para a construção de sede social em parceria com a CDL. Ao concluir seu pronunciamento cumprimentou o prefeito Link pela decisão de acabar com os feriadões prolongados quando a data cai nas terças ou quintas-feiras. Douglas Santin fez breve análise da situação econômica do Brasil, reconhecendo a parcela de culpa do empresário e conclamando a classe empresarial para que assuma suas posições e participe de forma ativa para que tanto a economia quanto a política possam seguir novos rumos.
LEIS TRABALHISTAS - Douglas foi enfático ao citar o assistencialismo, que em sua percepção deixou de ser uma forma de distribuição de renda e se tornou apenas um projeto de poder político. “Ou estancamos essa sangria ou estaremos condenando a nação brasileira a piorar cada dia mais e a se tornar um território de miserabilidade, da criminalidade e da desordem”, disse. Referiu-se ainda às leis trabalhistas “ultrapassadas há décadas, que necessitam ser modernizadas para permitirem novos investimentos e por conseqüência o aumento da renda, deixando de criminalizar quem gera emprego. O evento foi prestigiado por grande número de autoridades municipais e estaduais, além de associados da entidade e de presidentes de ACIs de vários municípios e a presidente da Federasul, Simone Leite.

Atletas da Acores participam 
de competição em Viamão 
Mesmo com alguns contratempos, os corredores tiveram resultados expressivos
Cleider Hoffmann, que integra a equipe da Acores de Esteio consagrou-se vencedor na competição realizada em Águas Claras, em Viamão, no dia 26 de fevereiro. Os corredores tiveram que fazer o percurso em 8,2 km em ruas de chão batido e em alguns pontos de areia. Hoffmann completou a prova em 29 minutos e 53 segundos. No evento, a participação dos atletas da entidade esteiense recebeu o troféu de segunda melhor equipe. Durante a corrida, o corredor da Associação dos Corredores de Rua de Esteio, Leonardo Zanatta, que vinha na sexta posição geral, teve que parar durante o trajeto para dar assistência a um atleta que estava passando mal e precisou de atendimento. Após fazer o procedimento, Zanatta continuou e acabou ficando na quarta posição. Foram agraciados com medalhas e troféus, os competidores, José Luis, Edi Terezinha, Noêmia Huckabem e Leandro Lins da Silva. 




Policiamento ostensivo e fácil acesso 
O tenente coronel do 34º BPM, José Nilo Corrêa Alves relatou durante a audiência pública sobre a falta de segurança no bairro Novo Esteio que o policiamento comunitário continua sendo realizado no bairro, assim como em outros pontos da cidade. Estão trabalhando atualmente na função cerca de dez policiais. “Outra novidade é o envio de mensagem através de um aplicativo de celular comunicando a Brigada, através de grupos sobre a presença de suspeitos ou outros delitos”. Ele falou que a questão da insegurança no Novo Esteio, muito se deve pelo fácil acesso e por estar nas proximidades da Vila Pedreira, que nos últimos anos tem se tornado reduto de facções criminosas.

Menino de dez anos vítima de choque elétrico no Parque Assis Brasil deverá ser indenizado 
O Estado deverá indenizar um menino de dez anos e seus pais por choque sofrido pela criança ao tocar em um poste energizado durante a realização da Expointer, no Parque Assis Brasil, no ano de 2012. A condenação, da Comarca de Esteio, foi confirmada de forma unânime pela 10ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça. Os autores da ação afirmaram que o menino levou um choque elétrico ao tocar em uma estrutura energizada, composta por dois postes, instalados em frente a um estande.  O pai contou que pediu socorro a uma ambulância do Parque, sendo negado o atendimento pelos paramédicos. O menino acabou sendo socorrido por uma outra empresa que fazia atendimento médico no parque. Ele ficou internado na UTI pediátrica do Hospital Regina, de Novo Hamburgo, por um dia. Profissionais do hospital relataram que o menino chegou desmaiado em com arritmia cardíaca. Os representantes do Estado alegaram que foi prestado tratamento imediato e adequado ao autor e que havia aterramento elétrico no poste, mas que não foi suficiente. Também alegou culpa concorrente da vítima, que teria balançado o poste, vindo a sofrer a descarga. No Juízo do 1º Grau, o Estado foi condenado a pagar indenização por danos morais no valor de R$ 6 mil para a criança e R$ 2 mil para cada um dos pais, além de danos materiais no valor de R$ 137,00. Houve recurso da sentença. No TJRS, o relator do apelo foi o Desembargador Marcelo Cezar Müller, que manteve a condenação. Segundo o magistrado, a vítima sofreu as consequências de um forte choque. “Tanto é assim que foi atendido e depois tratado na UTI. Por sorte, os efeitos foram passageiros”. Ele ressaltou que não há prova de que a criança tenha causado algum defeito no poste e em seguida tenha recebido o choque.

Insegurança no Novo Esteio 
mobiliza comunidade 
Moradores pedem medidas urgentes para coibir a criminalidade no bairro
Representantes de diversos segmentos participaram da audiência
Apesar do mau tempo, em função da chuva e de vento, moradores do bairro Novo Esteio participaram na noite do dia 09 de março de uma audiência pública, onde o foco principal foi a questão da falta de segurança na localidade. Estiveram no encontro integrantes do Legislativo, Executivo, Brigada Militar, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal e lideranças do bairro. De acordo com o vereador Sandro Severo, que propôs a atividade, a questão de insegurança não fica restrita apenas para os moradores da cidade, mas em um âmbito regional e nacional. Por isso é que temos que através de diálogos e ideias possamos ter uma alternativa para amenizar o problema. “São soluções que devem ser feitas a curto e médio prazo, como talvez intensificar a ‘Operação Avante’”. MONITORAMENTO - O secretário de Segurança e Mobilidade Urbana, Roberto Damasceno falou que desde que iniciou nesta função no mês de janeiro, uma das metas é desenvolver um trabalho qualificado com o sistema de videomonitoramento. Atualmente existem 50 câmeras espalhadas pela cidade, sendo três no perímetro do Novo Esteio. “Uma melhor receptação das imagens e o armazenamento correto serão importantes para coibir a violência”, comentou Damasceno. Ele frisou que a partir da implantação do programa ‘Guarda Mais Presente’, já foi possível até prender suspeitos, mesmo sem estes profissionais estarem com o porte de arma regularizado. COMUNICAÇÃO - O presidente da Subseção da OAB Esteio, Higidio Dassi enfatizou que a audiência pública é importante, pois os setores competentes devem prestar esclarecimentos a comunidade e apresentar uma alternativa para evitar novos transtornos. “Diante da crise econômica e política, temos consciência os recursos públicos são reduzidos e muitas vezes, difícil de executar projetos ousados”, citou Dassi. Ele informou que uma das medidas, no qual já abordou num outro encontro similar na região é melhorar o sistema de comunicação da Brigada Militar que ainda é analógico.


Operações e disputa pelo tráfico
Na reunião, representantes da área de segurança falaram sobre as ações na cidade
De acordo com o representante da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Marcelo Temoteo, está sendo organizado um grupo formado por secretários de segurança das cidades da Região Metropolitana e Vale do Sinos, Brigada Militar e Polícia Civil com o propósito de realizar ações integradas fechando os acessos da cidade, quando houver operações e prender os suspeitos. Segundo o inspetor da Polícia Civil, Dionel de Souza, a quase totalidade dos homicídios registrados no município em 2016 foi em função do tráfico de drogas e da marginalidade. Muito se deve a presença de integrantes de facções como ‘Dos Mano’ e ‘Bala na Cara’. “Em pouco mais de 60 dias, Esteio já registrou oito mortes e tende a se equiparar com o ano passado que atingiu 25”. Ele enfatizou que a PC está trabalhando, cumprindo seu papel na sociedade.


Policiais militares encontram pé de maconha em bairro de Sapucaia do Sul
Um adolescente de 15 anos foi detido na noite do dia 09 de março, por policiais militares do 33º BPM de Sapucaia do Sul. A prisão aconteceu quando o menor assaltava um estabelecimento comercial localizado na Avenida Albano Francisco da Silva, no bairro Lomba da Palmeira. Com ele, os PM’s recuperaram um revólver calibre 32 e uma quantia de R$ 80,00, levados do supermercado. A guarnição deslocou até a residência do jovem para falar com os pais ou responsáveis e ao chegar, os policiais se depararam um pé de maconha, sendo cultivado em um balde. A planta pertencia a seu irmão de 17 anos. Os indivíduos foram conduzidos a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e em seguida a DPPA, em Canoas para o registro da ocorrência.

JOSÉ NILO CORRÊA ALVES 
Ten Cel QOEM* 
Dia-a-dia na cidade 
DIA DAS MULHERES 
Em 08 de Março comemora-se, no Brasil e no mundo, o Dia Internacional da Mulher. Na realidade, esta data foi estabelecida a partir de uma série de fatos, lutas e reivindicações das mulheres (principalmente nos EUA e Europa) por melhores condições de trabalho e direitos sociais e políticos, lutas estas que tiveram início na segunda metade do século XIX e se estenderam até as primeiras décadas do século XX. No dia 8 de Março de 1857, trabalhadoras de uma indústria têxtil de Nova Iorque fizeram greve por melhores condições de trabalho e igualdades de direitos trabalhistas para as mulheres. O movimento foi reprimido com violência pela polícia. Já em 8 de Março de 1908, trabalhadoras do comércio de agulhas, também de Nova Iorque, fizeram uma manifestação para lembrar o movimento de 1857 e exigir o voto feminino e fim do trabalho infantil. Este ato também foi reprimido pelo Governo. Em virtude disto, no ano de 1910, durante uma conferência na Dinamarca, ficou decidido que o 8 de Março passaria a ser o “Dia Internacional da Mulher”, em memória à luta pelos direitos das mulheres e como forma de obter apoio internacional em favor do direito de voto feminino (sufrágio universal). Vários anos depois, em 1975, durante o Ano Internacional da Mulher, a ONU (Organização das Nações Unidas) sacramentou a data como o Dia Internacional da Mulher. Na Brigada Militar, criada em 1837, as mulheres somente passaram a ter o ingresso possibilitado em 1986 (praticamente 150 anos depois), inicialmente para tarefas burocráticas e em ambientes pré-determinados como aeroportos, rodoviárias, centros comerciais, etc. Com o passar do tempo, as policiais militares femininas foram conquistando seu espaço na Corporação e, atualmente, exercem todas as atividades previstas constitucionalmente em posição de igualdade com o efetivo masculino. Para todas as mulheres, e especialmente para as Brigadianas, dedico justas homenagens pela passagem do seu dia.
Até a próxima.

quarta-feira, 8 de março de 2017

EDIÇÃO 2052

Uma viagem ao Japão 
Durante o passeio, Miguel Luz teve a oportunidade de conhecer 
uma outra cultura e obter novos conhecimentos
Eu não sei, nunca me passou pela cabeça uma viagem para o Japão. Já viajei por diversos países. Todos os anos tenho feito isto, mas no Japão e a China, nunca. O Convite foi tentador, e quando menos esperava estava viajando para o Japão e depois a China. Fiquei preocupado. O que tinha ouvido que estes países tinham costumes muito estranho, tudo muito caro, e assim por diante. Parto de um princípio que as pessoas não fazem viagens. As viagens é que fazem as pessoas. Para mim seria um novo desafio. Em Porto Alegre embarcamos no Aeroporto Salgado Filho em direção a São Paulo e de lá até a cidade de Abu Dabi, mais ou menos 20 horas de voo. Até o Japão, mais 12 horas. Por fim chegamos a Pequim. Do aeroporto até a entrada da cidade, mais de três horas e meia de ônibus, depois mais 15 minutos de táxi até chegar ao destino. Encontramos a casa que havíamos alugado. Era pequena, no padrão local. Dois quartos, uma sala e banheiro, finalmente um banho depois de quase 36 horas de viagem. No outro dia foi de reconhecimento da região. Perto dali um edifício do governo que oferece uma vista espetacular, do 28º andar, a visão do Monte Fuji, coberto de gelo. Mais um dia, já descansados, fomos visitar o Mercado do Peixe, o maior do mundo. Visitamos o Palácio do Imperador, o parque que circunda o prédio. O imperador aparece em público uma vez ao ano, no dia 02 de janeiro, estamos longe e não valia a pena voltar. Visitamos o jardim com árvores centenárias de banzai. A mudança de ano é comemorada em fevereiro, por isso, o dia 31 de dezembro, resolvemos comemorar a nossa moda. A moda brasileira. Para isso escolhemos , ou melhor, nos indicaram, o Palace Hotel, que fica próximo ao Palácio do Imperador. Muito fino, elegante, ótima comida. Éramos os únicos a lembrar do ano novo. No dia 02 de janeiro, no trem bala, partimos para Kyoto, antes fizemos um passeio de barco na Baía de Tóquio. A visita ao templo Kimkaku-Ji foi maravilhosa. Localizada numa pequena ilha, um lago artificial recebe a luz do sol e parece ser todo folheado a ouro. No outro dia a tão esperada visita a Hiroshima que há 72 anos recebeu o impacto da bomba atômica lançada pelos americanos, no dia 06 de agosto de 1945. Um bombardeiro B-29, às 8h15, a 580 metros de altitude lança a bomba que liquida a cidade. O número de mortos ultrapassou os 100.000 e nos anos seguintes, em 200.000. Hoje a população de Hiroshima é de um milhão e trezentos mil habitantes. Nos quinze dias no Japão foi maravilhoso. Muitas histórias e fatos curiosos aconteceu neste período. Acontecimentos que levaríamos muito tempo para contar. Até a próxima.

Sapucaia do Sul poderá sediar etapa de ciclismo
Os ciclistas irão percorrer diversos locais do município
Mais projetos para o incentivo ao esporte em Sapucaia do Sul. Está previsto para ocorrer na cidade a realização de uma etapa do Campeonato Gaúcho de Ciclismo. A atividade irá acontecer no dia 20 de agosto, data onde é comemorado o aniversário do município. A apresentação desta iniciativa se tornou possível através de uma reunião entre os integrantes da Associação de Ciclismo de Sapucaia do Sul (ACISA), Deiver Duran, Daniela Balus, Dion Santos e Almir Silva de Souza Jr, com a participação de representantes do Executivo Municipal e apoiadores.


Atleta esteiense participa de competição em NH 
A integrante da Acores de Esteio, Elisabete Pascoal participou no dia 19 de fevereiro da corrida de Cross Country, que ocorreu no município de Novo Hamburgo, no Vale dos Sinos. O local escolhido foi o Sítio da Bike, onde os competidores tiveram que percorrer aproximadamente 6 km em trilhas e com obstáculos naturais. Elisabete sagrou-se campeã na categoria que corresponde a faixa etária de 55 a 59 anos. Ela completou a prova em 34 minutos e 18 segundos.


Ex-alunos tem momentos de 
nostalgia e reencontros
O grupo se reuniu para reviver momentos de suas vidas
Com o objetivo de reencontrar pessoas que fizeram parte de sua vida escolar e também matar as saudades, ex-alunos do pré- escolar do ano 1996, do Centro de Educação Maria Lygia Andrade Haack, localizado a Avenida Lindolfo Collor, bairro Primavera promoveram uma festa. Um dos principais motivos para este encontro foi resgatar um pouco da história do grupo que conclui o ensino fundamental na instituição no ano de 2004. Também prestigiaram a festa Cleci Araújo, Benedito e a diretora Claudia Lorenzoni. O evento aconteceu no dia 15 de fevereiro, nas dependências da escola. Segundo Andressa  Subtil Doberstein, o grupo passou momentos de diversão e compartilhar histórias da época da escola. “A maioria já tem constituída suas famílias e até com filhos. Além disso, percebemos que mesmo estudando em escola pública, grande parte do grupo foi em busca de seus objetivos, sua formação educacional, conquistando seus espaços no mercado de trabalho e até de empreendedores”, falou Andressa. Ela enfatizou que o reencontro foi importante, pois também tivemos a oportunidade de verificar as mudanças que aconteceram na instituição nos últimos anos que tem fator expressivo para o crescimento e atendimento de crianças e adolescentes que residem no bairro ou arredores. Em uma rede social, a professora Kátia Pedra, que na oportunidade fazia parte do corpo docente no Vila Olímpica e que também foi educadora da turma relatou este momento para seus seguidores. “Posso resumir tudo em emoção, dedicação, carinho e alegria e respeito. As sementes germinaram, deram lindas árvores. Ser lembrada neste momento é algo especial e um grande presente”. Na oportunidade, foi realizado um agradecimento especial a direção da escola que abriu os portões e preparou o espaço para o evento, com o foco de prestigiar por aqueles que passaram um dia pela escola.


Abastecimento de água é tema 
de audiência pública 
A falta de água e as ações na cidade foram alguns dos assuntos tratados no encontro
As constantes faltas de água e as péssimas condições em que grande parte das ruas de Esteio ficaram após a obra de colocação da rede de esgoto cloacal provocou uma audiência pública, na noite do dia 15 de fevereiro, no Plenário da Câmara Municipal. Participaram representantes de diversos bairros da cidade, bem como das pastas de Obras e Desenvolvimento Urbano. A Corsan esteve na reunião com o superintendente regional, Alberto Paganella e o responsável pela unidade esteiense, Luciano Brandão. A audiência teve como proponentes os vereadores Euclides Castro e Fernanda Fernandes, mas também teve a presença de outros parlamentares, que fizeram questionamentos referente ao caso. Luciano Brandão disse que estão sendo realizadas obras da Corsan na cidade na Avenida Senador Salgado Filho, próximo a uma rotatória e num pequeno trecho da Padre Claret. Uma das explicações de Brandão é que estão sendo realizadas as instalações para a colocação do assentamento de rede e de elevatórias para a Estação de Tratamento de Água (ETA). “Em pouco mais de dois anos, cerca de 14 km de rede foi troca de cimento por PVC e aos poucos desativando a rede antiga. As adutoras foram feitas com um material que tem mais de três décadas de uso”.
FALTA – Em relação ao desabastecimento de água na cidade, Luciano contou que a retomada após a ligação das máquinas é demorada e para restabelecer o funcionamento em todas as casas pode chegar até sete horas. “Estas ações tem proporcionado com que haja uma aproximação entre Corsan e poder Público. Esteio vem sendo pioneiro onde se reúne todas as quartas-feiras com representantes da secretaria de Obras e das empresas terceirizadas para tratar do plano de ação referente as atividades nos bairros do município.
Novas ações para o tratamento de esgoto 
O representante da unidade esteiense, Luciano Brandão enfatizou que muito destes transtornos é por um período, pois após o término das obras será dada a largada para o funcionamento do tratamento doméstico do esgoto. “Precisamos estar com tudo dentro das normas operacionais para que não ocorram problemas quando o sistema de coleta estiver funcionando. Por ser uma localidade que geograficamente é pequena, isso facilita o trabalho dos servidores, quando há algum problema”. Moradores de diversos bairros da cidade fizeram perguntas em relação às péssimas condições do asfalto nos locais onde a Corsan abriu para colocar a rede cloacal, como também os problemas existentes em algumas moradias que já foi feita a ligação de banheiro e lavanderia a caixa coletora na calçada.


Rede drenagem do Novo Esteio 
passa por melhorias
Uma cratera foi aberta para as obras na região
O processo de identificação de possíveis obstruções nas redes de drenagem do Centro teve início na segunda quinzena do mês de fevereiro. O trabalho foi realizado por uma equipe de trabalho da Secretaria de Obras e Serviços Urbanos no Bairro Novo Esteio. As intervenções começaram na divisa das Avenidas Celina Kroeff e Independência, no ponto onde será criado um poço de visita (acesso para vistoria da canalização) e a troca dos canos da rede de drenagem. Os servidores da secretaria trabalham com a hipótese de haver uma obstrução sob a rodovia BR 116, na direção Centro – Novo Esteio, ponto por onde passam as águas drenadas pela rede. Caso seja identificado, será possível resolver o problema e evitar alagamentos em dias de chuva forte.



Parque Assis Brasil se transforma em sala de aula para alunos do Adventista 
Estudantes do 3º ano do ensino médio começam as atividades de maneira diferenciada
Educadores e estudantes tiveram uma aula diferenciada
Inovar no ambiente escolar influencia de maneira relevante no aprendizado dos estudantes trazendo resultados positivos. A partir deste conceito, a Escola Adventista de Esteio propôs durante a aula magna para um grupo de aproximadamente 20 alunos do 3º ano do Ensino Médio. A atividade aconteceu no dia 17 de fevereiro, nas dependências do Parque de Exposições Assis Brasil, em frente as esferas. Na oportunidade, em meio a natureza, os estudantes puderam conversar sobre temas atuais, proporcionando um momento de diversão entre colegas e professores. A abertura contou com a explanação do prefeito Leonardo Pascoal que abordou assuntos de sua vida acadêmica, seu envolvimento na política e as ações que pretende fazer em prol da educação na cidade, com auxílio das parcerias. Segundo a coordenadora pedagógica da Rede Adventista, Roseli Garcia de Agueiro, a ideia é promover não somente a formação acadêmica, mas também estes jovens sejam cidadãos conscientes e entendendo que fazem parte de um contexto. “A parceira com o Poder público é algo expressivo, pois oportuniza aos jovens também conhecerem como funciona este segmento. Outro ponto importante é dar incentivo a comunidade escolar em relação a utilização dos espaços públicos na cidade”.
CIDADANIA - Para a diretora da instituição, Carmen Cesar, um dos projetos desenvolvidos neste ano pela rede Adventista é abordar sobre as diferentes fases da cidadania no dia a dia. “Este evento é a forma de motivar os jovens para os obstáculos que poderão surgir durante o ano”. De acordo com a aluna Fernanda Rocha, 16 anos, a participação desta aula fora dos muros da escola impulsiona a todos a sair da zona de conforto e ir em busca dos objetivos. “Por ser a primeira vez, que participo de algo similar na escola, durante o ano espero que os professores me ajudem a trabalhar meus pontos positivos e aqueles que tenho dificuldades para obter bons resultados”.

CTG promove festa da amizade
O Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Chama Nativa promove no dia 04 de abril, o Jantar-baile da amizade. O evento está previsto para ocorrer no sábado, 08 de abril, com início a partir das 20 horas. A animação da festa ficará a cargo do Grupo Recuerdo. O cardápio será galeto, arroz, aipim e saladas. O valor dos convites é de R$ 40,00, individual. A entidade tradicionalista fica localizada na Rua Coelho Neto, 117, bairro Jardim Planalto.


Voluntária que trabalhou para comunidade do Primavera 
Por décadas promoveu ações e lutou para que as pessoas fossem valorizadas 
Em mais de quatro décadas, Glaci Vieira escolheu Esteio para viver, formar sua família e trabalhar em prol de sua comunidade. Ela relatou que um dos principais motivos para a escolha foi a acessibilidade de deslocamento entre Porto Alegre e São Leopoldo. “Mas ao me casar, no ano de 1972, ainda muito jovem com 20 anos de idade finquei minhas raízes aqui”, disse. Ela enfatizou que durante alguns anos, por motivos particulares esteve residindo em Alvorada e Dois Irmãos. “Apesar de já ter ido para outras localidades, foi em Esteio que me realizei como pessoa e cidadã”. Na final da década de 1990, Glaci tomou a iniciativa e começou a participar de movimentos sociais, entre eles, relacionada a comunidade negra da cidade. Diante de seu envolvimento no segmento, resultou inclusive na entrega de uma distinção pela sua atuação no movimento. “Em função disso e por estar trabalhando junto com outras lideranças da cidade, pude conhecer outros bairros da cidade e as diferentes realidades existentes”.
PARCERIAS - Glaci Vieira falou que por três vezes foi eleita presidente da associação de moradores da Travessa Jorge de Souza Moraes, que fica no bairro Primavera. Ela contou que neste período trabalhou em defesa da comunidade e sempre buscando manter um contato com os representantes do Poder Público, na constante busca de melhorias para a saúde, cultura, esporte, bem como a regularização fundiária, que anos mais tarde puderam ser comemorados por grande parte da comunidade. “Foram momentos de luta, determinação, que resultou em muito esforço para que as famílias tivessem um pouco de dignidade, principalmente para os menos favorecidos”.
EVENTOS - Ela frisou que durante um período havia um concurso de beleza que proporcionava a presença de meninas que viviam em situação de vulnerabilidade social a participar de concurso de beleza. O sucesso foi tamanho que várias garotas da periferia de Esteio tiveram a chance de mostrar sua beleza, não somente em âmbito local, mas estadual. “Na maioria das ações, foi a ajuda de colaboradores e voluntários para que pudéssemos fazer eventos expressivos agregando a comunidade e dando novas oportunidades as crianças e aos jovens”. Em função de questões particulares, Glaci Vieira atualmente reside no município vizinho de Sapucaia do Sul, mas sem perder o contato com amigos e pessoas que fizeram parte de sua história no momento em que esteve na cidade.


Homem que ajudou a levar a luz aos esteienses 
Roque Rodrigues quando atuava na empresa na cidade
Por mais de três décadas, a rede elétrica na cidade era monitorada por um dos funcionários da Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE), Roque Neuso Rodrigues, 69 anos. Ele atuou como sub-gerente Nascido em São Sebastião do Caí e eletricista fiscal, Roque conta que devido a uma promoção na empresa veio ficar residência em Esteio e ajudou a formar sua família. “Foi desafiador, pois tive a oportunidade de levar luz elétrica para áreas do território que não possuía”, disse Rodrigues. Ele comentou que trabalhar na empresa pública era além de ter uma responsabilidade imensa também foi algo gratificante que ficará marcado na história da minha vida. Roque enfatizou que teve o privilégio de acompanhar o crescimento da cidade em todos os aspectos, que em determinados pontos possui uma semelhança com a empresa de energia elétrica. “Estivemos num momento do município que tínhamos que instalar fios e postes, devido ao desenvolvimento de regiões que antes era somente mato”.
SAUDOSISMO - Por muitos anos, o servidor público aposentado ressaltou que era em muitos casos diferente dos dias atuais. Grande parte dos trabalhadores apenas residiam em Esteio e trabalhavam principalmente em Porto Alegre. Por longo período, a cidade era apenas para descansar e dormir. Roque disse que naquela época as pessoas como prefeitos e empresários eram respeitados e conhecidos. “Apesar das transformações houveram na cidade, como o crescimento habitacional, gosto desta terra, devido ao acolhimento e das pessoas”. Roque Rodrigues reside na Avenida Dom Pedro, na área central do município, mas por alguns anos morou no bairro Parque Amador.


Shows e carnaval de rua fazem 
parte do aniversário 
Dentro das comemorações alusivas aos 62 anos de emancipação política de Esteio, no próximo sábado, dia 04 de março, às 10h30, acontecerá a apresentação da Orquestra Adorai, da Igreja Assembleia de Deus. O local escolhido foi o espaço coberto da Rua Garibaldi, que fica na área central da cidade com entrada gratuita. A partir das 16 horas, terá início o ‘carnaversário’, no Parque de Exposições Assis Brasil. Entre os artistas locais estão o Grupo Recuerdo e Lokos d’Bira, assim como em seguida, os desfiles de blocos carnavalescos, muamba com apresentação de escolas de samba. Um dos shows da noite para ocorrer é do Grupo Pura Cadência. O ingresso é um quilo de alimento não perecível ou de ração animal.



Missa campal no aniversário de Esteio 
Evento faz parte da programação especial
A celebração ficou lotada com a presença de moradores 
A abertura dos festejos em homenagem aos 62 anos de Esteio ocorreu na tarde do dia 28 de fevereiro, data do aniversário de emancipação política do município com uma missa campal. O evento ocorreu num terreno situado na Rua 28 de Fevereiro, no bairro Parque Amador. Participaram do ato integrantes do Coral vozes do Coração que mostraram o talento para o público com músicas religiosas. A celebração foi presidida pelo pároco da Igreja Imaculado Coração de Maria, Túlio Melo Wavginiak e o padre Joca, da Igreja Santo Inácio de Loyolla, tendo o auxílio do diácono Lourival, da Paróquia Nossa Senhora das Graças. A irmã Ana Garaffa foi homenageada pela passagem dos 90 anos. O prefeito Leonardo Pascoal falou que foi uma alegria muito grande poder participar. “Esta é uma data muito importante para todos os esteienses, o aniversário da nossa querida cidade, comemorada desta maneira tão bonita”, comentou Pascoal.
TRAJETÓRIA - Segundo uma das organizadoras, Claudia Folgarini, a missa foi um grande momento para aqueles que acompanharam a solenidade. “Foi um espetáculo muito bonito e emocionante, em todos os aspectos e que proporciona aos esteienses serem abençoados pela data de seu aniversário”, disse a moradora responsável pelo terreno. Claudia relatou que as celebrações tiveram início há cerca de 16 anos, quando uma jovem que era prenda do CTG Poncho Crioulo precisava apresentar algo sobre a cidade num concurso. “Diante disso, a menina procurou dona Lorena, para que auxiliasse no trabalho. Prontamente a moradora atuou neste processo e por dois anos, a celebração ministrada pelo então padre Léo Hastenteufel no meio da Rua 28 de Fevereiro”, frisou. Ela enfatizou que em 2004, após a aquisição de um terreno, as missas passaram a ser realizada sob árvores já existentes no local, que ajuda a amenizar o calor. Além do chefe do Executivo Municipal, a missa foi acompanhada pelo vice-prefeito, Jaime da Rosa, secretários e vereadores.


Trabalho desbravador que está 
na segunda geração
Gilberto e João Luz, durante um evento com funcionários e colaboradores
Uma das empresas mais antigas na cidade que neste ano deve comemorar seis décadas de atuação possui uma história marcada por alegrias e alguns obstáculos que vão sendo superados. A Imobiliária Luz, que surgiu a partir da iniciativa de seu proprietário, João Luz e hoje é tocada pelos filhos, entre eles, Gilberto Luz. Ele contou que começou a trabalhar no estabelecimento pertencente ao seu pai, em 1978, quando a imobiliária funcionava na Avenida Presidente Vargas, 2431. Na oportunidade a primeira função foi como office boy. “Na época era muito jovem e a ideia seria trabalhar enquanto terminava os estudos e depois atuar na área da indústria petroquímica”, disse Luz. Ele comentou que estava cursando técnico em petroquímica na Escola Liberato Salzano, em Novo Hamburgo e seguir carreira neste segmento. “Muitas vezes, nos planos tomam outros rumos e que em alguns casos são para o resto da vida”.
CRISE - Em relação a imobiliária estar na segunda geração da família, Gilberto Luz comentou que mesmo com a situação em que se encontra o país e o mundo, o empreendimento está conseguindo dar prosseguimento e também de muito orgulho. “A próxima geração, os netos poderão colher ainda bons frutos e reconhecer a trajetória da empresa e da família na cidade”. Luz ressaltou que a imobiliária e seu fundador, falecido em novembro de 2016 estão diretamente ligados ao desenvolvimento de Esteio, pois a partir deste trabalho foi possível desmembrar áreas e que ao longo deste período se tornaram bairros com uma boa infraestrutura. “Em setembro a imobiliária Luz comemora 60 anos, portanto dois anos a menos que a emancipação política, que pertencia a São Leopoldo. Prova isso uma relação de fidelidade e trabalho”.
HISTÓRIA - Em 1957, João Anastácio da Luz começou a trabalhar na venda do loteamento da Vila Aguiar (atual rua Theodomiro Porto da Fonseca ou “Rua da Figueira”), já tinha a ideia de fundar uma imobiliária de expressão no município. Após este passo ousado em fundar este espaço, vários outros empreendimentos foram vendidos. Os mais expressivos como o Loteamento Vila Esperança, Residencial Vila Rica, Novo Esteio e Primavera. Em Sapucaia do Sul, a Vila Fortuna, Industrial e Padre Réus foram as primeiras transações imobiliárias do estabelecimento. Já na cidade de Cachoeirinha, o Loteamento Agrário Costa do Ipiranga também teve uma grande representatividade de vendas a imobiliária Luz.


62 ANOS DE ESTEIO 
Padre Túlio Melo Wavginiak 
Pároco da Igreja Imaculado Coração de Maria* 
O povoado de Esteio começou a se formar, a partir de uma fazenda do Areião do meio, que mais tarde foi chamado de Esteio, por causa da ponte sobre o arroio Sapucaia. Por isso, conto a história de um pequeno povoado, para ilustrar. Num pequeno povoado, uma mulher se surpreendeu ao ver em sua porta um homem, bem vestido, que lhe pedia algo para comer. A mulher se desculpou dizendo que não tinha nada em sua casa. O homem lhe disse, “não se preocupe, eu tenho uma pedra de sopa na minha sacola. Se você me arrumasse uma panela com água fervente, eu faria a sopa mais deliciosa do mundo”. Ele ainda disse a ela: “Veja para mim a maior panela que você tiver, por favor”. A mulher ficou muito curiosa com aquele desconhecido que dizia ter uma pedra de sopa e foi logo contar para as suas vizinhas, sobre o que estava acontecendo. Quando a água estava começando a ferver, as mulheres da vizinhança estavam todas ao redor do fogão observando aquele homem e a sua pedra de sopa. O homem pôs a pedra de sopa na água e logo provou uma colher com muita satisfação e disse: Deliciosa, pena que ainda faltam algumas batatas. “Eu tenho algumas batatas na minha casa!” Gritou uma mulher. Minutos depois, a mulher havia retornado com uma grande quantidade de batatas descascadas que foram cortadas e lançadas no interior da panela. Após o forasteiro provar novamente a sopa, ele disse: Excelente, mas se tivéssemos um pouco de carne, teríamos um cozido mais apetitoso. Outra pessoa que estava assistindo, se levantou e, rapidamente, voltou com um pedaço de carne que foi aceito pelo forasteiro com muita educação e que, depois de picado, também foi acrescentado no cozido. Pouco tempo depois o homem provou novamente a sopa e disse: “Que saboroso! Faltam apenas algumas verduras, para que fique perfeito. Três vizinhas foram correndo para suas casas e voltaram com cebolas, tomates, cenouras e outros vegetais. Todos foram postos na panela! Mais algum tempo, aquele homem provou novamente a sopa e solenemente disse: “falta o sal!” “Está aqui”, disse a dona da casa! Depois de por o sal e de provar pela última vez da panela, deu uma ordem: “pratos para todos”! As mulheres foram correndo até as suas casas, atrás de pratos, para provarem da sopa de pedra. Algumas delas regressaram com seus maridos e seus filhos, trazendo inclusive pão e vinho para todos que estavam ali reunidos. Todos se sentaram e começaram a desfrutar da esplêndida sopa de pedra, enquanto o forasteiro repartia generosas porções de seu incrível prato. Uma felicidade muito grande estava no coração daquelas pessoas, que riam, conversavam e compartilhavam pela primeira vez a sua comida. No meio do tumulto, o forasteiro se retirou discretamente e silenciosamente, deixando para trás a milagrosa pedra de sopa, que eles poderiam usar sempre que quisessem fazer a sopa mais deliciosa do mundo. Diante dos 62 anos do munícipio de Esteio, comemorados em 28 de fevereiro – bem como de qualquer outro município – pode-se dizer que a participação, o envolvimento e o comprometimento dos cidadãos com o seu município, vai ser o diferencial para ajudar a construir um lugar melhor para se viver. Neste aniversário de 62 anos, não espere apenas dos outros e do poder público. Lembre que fazer com que o nosso município de Esteio, lugar onde residimos se torne um lugar prazeroso para se viver, depende também de nós e de nosso desejo de colaborar com os demais. Faça você também a sua parte, colabore com os demais e com sua cidade.


Vendedores ambulantes são retirados do Centro
A esquina entre a Presidente Vargas e Padre Felipe sem os vendedores ambulantes
Os vendedores ambulantes que atuam na Avenida Presidente Vargas que são originários de países da África ou América Central desde o dia 24 de fevereiro não atuam mais na principal via comercial de Esteio. A medida faz parte da primeira fase da Operação Comércio Legal, que tem como finalidade notificar e orientar os ambulantes em situação irregular possa regular suas atividades. Muitos comerciantes da avenida estão satisfeitos com a saída dos ambulantes, pois a grande maioria alega que paga seus impostos em dia e mantêm funcionários, enquanto os vendedores não dão nenhuma contribuição. A venda de produtos ilegal traz entre as consequências prejuízos econômicos e econômicos para a sociedade.


BM é apresentada a parlamentares
O tenente coronel do 34º Batalhão de Polícia Militar de Esteio (BPM), José Nilo Corrêa Alves esteve reunido recentemente com integrantes do Executivo e do Legislativo esteiense. O objetivo do encontro foi debater a situação da Brigada Militar na cidade e inteirar os participantes sobre o funcionamento da instituição. Na oportunidade, o tenente coronel apresentou os desafios, a estrutura e o trabalho de sua equipe. Segundo ele, a Brigada Militar busca parceria com todos os órgãos de segurança da cidade. “Todos devem trabalhar de forma integrada”, declara. O comandante informou, ainda, que o Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) é a principal iniciativa junto às escolas do município. A ação, explica Nilo, tem um efeito positivo para o aluno não somente na escola, mas também em casa. “O programa poderia adquirir mais recursos do Executivo para financiar materiais didáticos para os estudantes”, propõe.


DR. GABRIEL SEGER TEIXEIRA 
*Especialista em implantes dentários e em prótese dentária 
Mantenha as mãos limpas
para evitar doenças 
Lavar as mãos pode parecer apenas um simples hábito de higiene. Porém, o que muitos não sabem é que esse hábito pode prevenir contra diversos tipos de doença, principalmente as infectocontagiosas. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que é possível reduzir em até 40% o risco de infecções, diarreias, resfriados e conjuntivite, quando mantemos este hábito. Segundo Dr. Adriano Costa, coordenador da equipe médica do Docway, as mãos são as principais vias de transmissão de germes e micro organismos. “Se não mantivermos as mãos limpas, atos simples como coçar os olhos, o nariz e a boca, podem colocar sua saúde em risco”, comentou Costa. O ideal é lavar as mãos várias vezes ao longo do dia. Além disso, é imprescindível lavar as mãos antes e depois das refeições, assuar o nariz ou usar o banheiro. Também é fundamental higienizar as mãos antes e depois de utilizar o transporte coletivo. Os ônibus e metrôs são lugares muito propícios para termos contato com bactérias. Para quem passa muito tempo na rua e não consegue parar em todos os lugares para lavar as mãos, uma opção é o álcool gel. “O álcool gel serve para desinfetar e matar qualquer tipo de bactéria, desde sua concentração seja de 60% a 80%. Entretanto, apesar de ter uma duração prolongada, ele não substitui a lavagem com água e sabão”, explica. Para completar, o médico alerta as pessoas que usam lentes de contato. “Antes de colocar e tirar as lentas, as mãos devem estar bem limpas. Contaminar as lentes pode trazer com que a pessoa tenha conjuntivite e tenha que se desfazer das lentes mais cedo do que o comum”, detalha o especialista.


Atletas de Esteio sobem ao pódio em campeonato ocorrido no Vale
O evento esportivo proporcionou mostrar o potencial dos corredores
Representantes da equipe local subiu ao pódio 
Corredores de Esteio vem se destacando em competições de corridas de rua pelo Estado. No último dia 19 de fevereiro, um grupo que integra a Associação de Corredores de Rua (Acores) participou da corrida em homenagem ao aniversário do município da Barra do Ribeiro. A atividade foi organizada pelo SESC, com largadas na praia da Picada, mais precisamente na Rua Júlio de Castilhos, com início às 9 horas. Na categoria 45/49 anos, o corredor Jeferson Costa ficou em segundo lugar, de acordo com sua idade. Leonardo Zanatta obteve a terceira colocação no grupo formado por corredores entre 30/35 anos. Zanatta completou a prova em 19 minutos e sete centésimos. Oscar Oliveira Filho, participando da competição na faixa etária entre 50/54 acabou chegando em terceiro lugar. Também prestigiaram a corrida os atletas João Pedro, Fátima Beatriz, José Luis da Silva, Matheus Eduardo Silva e Luiz Zanatta.


Região se prepara para evento de corrida 
Já começaram os preparativos para a 1ª Corrida Sapucaia Sesc. O evento está previsto para ocorrer no dia 16 de julho e envolverá crianças, jovens e adultos de toda a Região Metropolitana e Estado. O percurso ainda está sendo finalizado, mas haverá três trajetos de 5 quilômetros, 10 quilômetros e 1 quilômetro, para as crianças. Haverá troféus para os três primeiros colocados de cada categoria e medalhas de participação para todos os competidores. Para tratar sobre os preparativos da atividade estiveram reunidos em fevereiro, representantes do Executivo, do Sesc e atletas do município.


JOSÉ NILO CORRÊA ALVES 
Ten Cel QOEM* 
Dia-a-dia na cidade 
62 ANOS DE EMANCIPAÇÃO 
DE ESTEIO 
Fevereiro é um mês importante para a nossa cidade. Além de marcar, segundo muitos, o início verdadeiro do ano, após o Carnaval, é o mês em que comemoramos o aniversário da emancipação política de Esteio ocorrida em 28 de Fevereiro de 1955. Assim, quero compartilhar com vocês a alegria que estou sentindo por “estar” Comandante do 34º BPM no ano em que o município de Esteio está completando 62 anos de Emancipação Política. Para mim, Oficial da Brigada Militar, é uma honra representar o Comando da Corporação em um momento histórico tão importante. Por outro lado, enquanto cidadão já apaixonado por esta terra, quero dizer que, quando aqui cheguei, em Julho de 2015, fui surpreendido positivamente pela receptividade e camaradagem que encontrei em todos os setores da sociedade. É claro que já tinha informações sobre a posição privilegiada que Esteio ocupa na Região Metropolitana, o que lhe possibilita apresentar um dos melhores índices de desenvolvimento econômico do Estado. Mas, na minha atividade como em qualquer outra, são as pessoas que fazem a diferença. E é a comunidade, orgulhosa de suas raízes e atuante na busca de seus objetivos, que transforma nossa cidade em um lugar ótimo pra se viver e trabalhar. Temos problemas? Claro que sim, como em todos os lugares. Mas temos, também, vontade de trabalhar em conjunto no encaminhamento de soluções que tragam ainda mais qualidade de vida para nossa população. Órgãos públicos e privados labutam lado a lado, cada um no seu campo de atuação e com suas responsabilidades, para que, principalmente nas áreas essenciais de saúde, educação e segurança, a comunidade tenha suas demandas atendidas da melhor forma possível. Assim, a Brigada Militar e este Comandante parabenizam Esteio e esteienses por mais este aniversário de uma trajetória gloriosa.


Quadrilha é desarticulada
por envolvimento em
roubos na região 
O trio foi preso no bairro Jardim América com drogas 
e diversos equipamentos
Os suspeitos utilizavam em transações com a venda de drogas
Uma quadrilha especializada em roubo de veículos foi desarticulada em Sapucaia do Sul no dia 16 de fevereiro. A ação contou com a participação de agentes da Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Repressão ao Roubo de Veículos do Deic, coordenados pelos delegados Adriano Nonnenmacher e Marco Guns. No bairro Jardim América, foram presos três homens com 28, 30 e 46 anos, sendo que dois deles portavam revólveres calibre 38, com numeração raspada. Em um dos veículos encontrados na residência onde aconteceu a prisão foi localizado 18 quilos de maconha, duas balanças de precisão, aparelhos celulares e computadores oriundos de roubos. No imóvel havia quatro carros e uma motocicleta. Dois deles já haviam sido clonados, pois foram roubados em Porto Alegre e Canoas.
TROCAS - Segundo informações da Polícia Civil, a quadrilha é de alta periculosidade e atuava constantemente no roubo de veículos na Capital e Região. Além disso, os carros eram utilizados como moeda de troca por grande quantidade de drogas que eram revendidas para outras quadrilhas para assaltos. Pelo menos dois dos presos possuíam vastos antecedentes criminais, como roubo e formação de quadrilha. Um deles estava foragido do sistema prisional por homicídio e tráfico de drogas. A residência em terras sapucaienses servia como depósito para esconder o material oriundo do crime.


Foragidos são encontrados 
no bairro Nova Sapucaia
Além dos pertences da vítima, também havia um revólver e munições
Durante um policiamento motorizado pelas ruas da cidade, uma guarnição foi acionada por intermédio da Sala de Operações, devido a um delito ocorrido na Avenida Theodomiro Porto da Fonseca, no bairro Nova Sapucaia. O fato aconteceu no dia 16 de fevereiro, por volta das 17h30, quando os policiais avistaram um veículo da marca Uno Vivance, de cor amarela, com três pessoas. Ao observar a aproximação das motos teve início a uma perseguição que perdurou até a Rua Dante Macari, no mesmo bairro. Na abordagem, os PM’s verificaram que se trata de um automóvel com placas clonadas e em situação de roubo. Os suspeitos tem 24, 32 e 45 anos encontram-se foragido da justiça e todos com antecedentes criminais. Um deles ainda portava sem autorização um revólver calibre 38 e cinco munições intactas. Dentro do carro, os policiais encontraram diversos objetos, provavelmente oriundos de algum delito e a duas chaves de automóvel. Após receberem voz de prisão, os indivíduos foram levados até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) onde fizeram exames e conduzidos a DPPA, em Canoas.


Materiais encontrados com os suspeitos
Homens são presos por arrombamento no Centro 
Dois homens, com 20 e 36 anos e um adolescente foram detidos por estarem envolvidos em alguns delitos na área central da cidade, na madrugada do dia 23 de fevereiro. Segundo informações do BPM, a prisão ocorreu após uma guarnição ser comunicada de que três suspeitos haviam arrombado e furtado de um estabelecimento comercial no Centro. Diante das características e de relatos, após percorrer algumas ruas, o trio foi encontrado e com eles foi recuperado um mouse, notebook, um estabilizador, três carteiras, um cabo de vídeo, um aparelho de telefone fixo, dois relógios de parede, seis bonés, dois pares de tênis e um aparelho de televisão de 40 polegadas, entre outros objetos. O material levado do estabelecimento foi reconhecido pela proprietária. Os adultos foram encaminhados para a DPPA, em Canoas e o adolescente e tomada às medidas cabíveis através do órgão competente.



Carro é recuperado 
no Jardim Planalto 
Os PM’s do 34º BPM de Esteio efetuaram a prisão de um homem de 34 anos, no bairro Jardim Planalto, na tarde do dia 22 de fevereiro. De acordo com informações do Batalhão, os policiais que atuam na Sala de Operações receberam um comunicado sobre o furto de um veículo Hb20, de cor prata e que havia sido deixado nas proximidades de um condomínio residencial, situado na Estrada do Boqueirão. Ao chegar no local indicado, os policiais detectaram que a partir do relato das características do automóvel, ele foi localizado na via. Ao verificar a presença dos policiais, o suspeito tentou fugir, mas foi pego logo em seguida. O suspeito confessou durante a prisão, que teria vindo pegar o carro e falou que o veículo foi roubado. O homem foi preso e levado par a DPPA, em Canoas.


PM’s capturam homem no 
São José
No dia 22 de fevereiro, por volta das 18h30, policiais militares do 34º BPM efetuaram a prisão de um homem de 59 anos. A detenção aconteceu após uma guarnição abordar algumas pessoas que estavam em atitude suspeita pelo bairro São José. Durante a revista e uma consulta no sistema de segurança, foi detectado que um deles possuía um mandado de prisão em seu nome. O suspeito foi preso e levado a DPPA, em Canoas.