quinta-feira, 24 de abril de 2014

EDIÇÃO 1931

FLAGRANTE DA SEMANA
Pedestres que passam pela calçada na Avenida Celina Chaves Kroeff, que fica junto ao muro de proteção do Parque de Exposições Assis Brasil, devem ficar atentos. Devido a um desassoreamento, em virtude das constantes chuvas formou-se uma cratera. Tanto que para evitar acidentes, alguém resolveu agir por conta própria e sinalizou o local com galhos de árvores, que já estão secos, em função do tempo e um pedaço de fita sinalizadora. A situação já faz algumas semanas e nenhuma providência foi tomada, mesmo com a realização de um evento que reuniu pessoas de diversas partes do Estado e do país. A comunidade aguarda que até a Fenasul, o problema seja resolvido.

Presidente da Câmara entrega convite para “Semana da Democracia” na cidade 
Um dos objetivos é debater sobre a influência do Golpe de 1964 na sociedade
Miguel Luz recebeu o convite para o evento pelas mãos do presidente, Leonardo Dahmer
O presidente da Câmara de Vereadores de Esteio, Leonardo Dahmer esteve realizando na manhã de 23 de abril, uma visita de cortesia na sede do Jornal Destaque. Na oportunidade, o parlamentar foi recepcionado pelo diretor do periódico, Miguel Luz, que recebeu em mãos o convite para participar da Semana da Democracia no Município. Um dos principais objetivos da atividade é promover debates sobre os efeitos sociais, políticos e econômicos do regime militar no Brasil, por mais de duas décadas. Leonardo Dahmer informou que a atividade será aberta oficialmente, no dia 28, às 19 horas, em uma solenidade a ser realizada na Sala de Sessões Luiz Alécio Frainer, no Plenário da Câmara. “Será uma oportunidade da sociedade em geral conhecer e debater sobre um dos períodos mais difíceis da História recente do país”, comentou Dahmer. Ele frisou que a realização desta atividade foi possível através da aprovação de um Projeto de Resolução, de autoria do presidente, com aprovação unânime em plenário. No dia 30, às 10 horas, ocorrerá um painel que tratará sobre o tema, direcionado para estudantes do Ensino Médio. Entre os palestrantes estão Ubiratan de Souza, que foi torturado durante a Ditadura e o pastor luterano Onei de Bobsin. Também está previsto a participar, dando sua colaboração ao trabalho, o coordenador da Comissão da Verdade no Estado, Guazelli. Até o dia 30 de abril, estarão a mostra no saguão do prédio da Câmara, fotos que marcaram esta época no país. Além do presidente do Legislativo, também o acompanharam o assessor parlamentar, Carlos Silvano Cunha e a assessoria de imprensa da Câmara, Terezinha Bobsin.

Passarela recebe nova cobertura
A cobertura no local oferece uma maior segurança aos pedestres que passam pelo local
A Estação da Trensurb de Esteio está de cara nova. A parte da passarela, que liga o bairro Novo Esteio ao Centro e a plataforma do trem, recebeu uma cobertura. Nas últimas semanas, a obra foi concluída, com a colocação de estruturas de proteção e cobertura. Uma causa reivindicada a muito tempo por moradores e para quem utiliza a passarela, pela segurança e também, para o bem estar de quem usa. Uma das principais reclamações era de utilizar a passarela em dias de chuva, tendo apenas como refúgio, uma parada de ônibus ao fim da passarela. Outra questão muito importante é que a estrutura também conta com a iluminação em todo o túnel. Sendo que gera uma sensação maior de segurança para quem transita pelo local. Os pedestres tem se mostrado satisfeitos com a conclusão dessas melhorias. Segundo o morador do Novo Esteio, José Luiz de Lima, morador há 40 anos nas imediações, a obra é um grande benefício para quem precisa transitar com freqüência na região. “Essa cobertura ajuda muito. Melhorou bastante, pois agora, quando chove, as pessoas já não se molham tanto”, comenta o morador. A estação da Trensurb Esteio antes, só contava com a estrutura de cobertura na passarela, no sentido Centro. Agora, a estrutura será um grande benefício para a comunidade e também, para quem vem visitar o Parque de Exposições Assis Brasil.

COLUNA 
Pós-Páscoa 
Pe. André Carbonera, Missionário Claretiano 

Principiemos... A Quaresma se foi... Chegou a Páscoa e também se mandou... Na verdade, todo o dia é Páscoa, ou seja, “Passagem.” Brotam algumas perguntas... - Como foi de Páscoa? - Crescemos, espiritualmente? - Oramos mais e melhor? - Nossas famílias vivenciaram mais a Páscoa? - E os maridos caíram do cavalo? Alguém afirmou: - Consegui “arrastar” meu marido para a missa de Páscoa. Quanta felicidade! - Meditamos mais profundamente? - Confessamos ao sacerdote nossos pecados? - Realizamos alguma penitenciazinha a mais? - Praticamos mais obras de caridade? - Criticamos menos? - Perdoamos de coração? - Rezamos mais por aqueles que não nos topam? - Demos melhores exemplos de vida? - Fomos mais missionários? - Sorrimos mais? - Cresceu nossa esperança? - Evoluímos no amor? Belas questões! Oxalá, vivamos intensamente as “Páscoas” que Deus nos enviar! Assim esperamos. Aleluia!

Semana do Livro é lembrada com
atividades no Edwiges Fogaça 
Entre as atividades, houve o lançamento da campanha de doação de obras literárias
Professoras, alunas e o músico Tonho Crocco
Encerra no dia 26 de abril, no Centro Municipal de Educação Básica Edwiges Fogaça, a IV Semana do Livro e da Literatura. O evento deste ano trás o tema ‘Nas trilhas do Fantástico’. Durante a semana, a escola sediará uma série de atividades em prol da leitura. Na abertura das atividades, realizada no dia 22 de abril, foi feito o lançamento da campanha de Doação de Livros, no pátio da instituição. Após a solenidade de divulgação da campanha, ocorreu a final da competição ‘Soletrando’ que reuniu alunos do sexto ao nono ano do ensino fundamental. Entre os jurados do concurso na escola, estavam professores, a campeã do ano de 2013, Ana Paula Schmidt Geremias, que se formou no final do ano e o cantor Tonho Crocco. “Quando ganhei o concurso, promovido pela escola em 2013, foi muito importante para mim. Além da vitória, foi um grande incentivo para continuar estudando”, comenta a ex- aluna Ana Paula. Segundo a professora de português, Cristiane Gomes, é essencial esse tipo de atividade dentro da escola. “Essas ações fazem toda a diferença no contexto educacional, pois os alunos acabam como protagonistas no aprendizado”, ressalta a educadora.
CINEMA - No decorrer da Semana do Livro, também ocorreu a apresentação de curtas, produzidos pelos alunos, um sarau litero musical dos professores, além de contação de histórias. No sábado, dia 26 de abril, ocorre o Pedágio Literário, que ocorrerá na frente da escola. Nesse mesmo dia, será feita uma Mini Feira do Livro. A comunidade poderá adquirir exemplares de obras literárias, através de uma distribuidora. Segundo Tonho Crocco, esse tipo de evento só tem a trazer benefícios para os estudantes. “É muito bom esse incentivo. Por mais que as pessoas e as crianças estejam lendo mais por conta da internet, é importante incentivar a leitura de livros”. No quadro ‘Soletrando’ deste ano, a grande vencedora do concurso foi a aluna do oitavo ano, Paloma Franciele de Almeida Arce, de 13 anos. “Eu não esperava ser a vencedora. Foi uma grande surpresa”, comenta a aluna. A Mini Feira ocorre das 9 h ás 11h30, no espaço coberto
da instituição.

Pavilhões do Assis Brasil receberão atenção especial dos bombeiros
Adeli Sell com os membros dos Bombeiros, o sargento Nascimento e major Coelho 
Ao contrário do que ocorreu na Expointer 2013, quando o Plano de Prevenção e Proteção Contra Incêndio (PPCI) era obrigatório a todos os expositores, o Corpo de Bombeiros priorizará nesta edição os pavilhões e estruturas como um todo. A informação foi dada durante uma reunião entre o Major Carlos Daniel Coelho, durante visita do subsecretário do Parque Estadual de Exposições Assis Brasil, Adeli Sell, à corporação, em Canoas. Também esteve presente o comandante pela unidade do Corpo de Bombeiros de Esteio, o sargento Álvaro do Nascimento. “Fiscalizaremos o Pavilhão como um todo, e não mais no expositor individual”, explicou o major Coelho. Na oportunidade, o major Carlos Daniel informou que serão analisados extintores, fiação elétrica, instalações de gás, laudo de revestimento, mangueiras e sinalizações de saída de todos os estabelecimentos. A expectativa do subsecretário é evitar incidentes e ocorrências. “Queremos desde já melhorar a segurança do evento atendendo aos itens previstos na legislação. Tivemos um conjunto de orientações e iremos colocá-las em prática para que não tenhamos problemas na Expointer”, comentou Adeli. A 37ª Expointer ocorre de 30 de agosto a 07 de setembro, no Parque de Exposições Assis Brasil.

Equipe Androids, do Colégio Coração 
de Maria, recebe premiação de 
torneio realizado em Curitiba
A equipe com o troféu e as medalhas: prof. Gilmar, Bruno Schuler, João Roberto Fidellis, Gabriel Pires, Leonardo Reis, João Biazus, Ana Clara Andrades (foto), além de Gian Moreira e Gabriel Schwanck e prof. Giane Barboza
O Colégio Coração de Maria recebeu, há alguns dias, a premiação oficial pela equipe Androids ter conquistado o 1º Lugar na Categoria Programação, em torneio realizado o ano passado em Curitiba, organizado pela Lego Education, em parceria com SESI. Na ocasião, o professor Gilmar Alves Ferreira e a equipe de alunos estiveram na capital paranaense e participaram ativamente da competição. Essa equipe já participou em outros torneios e tem obtido excelentes resultados.

Esteio sedia encontro estadual 
sobre a mulher na sociedade
Representantes de diversos municípios do Estado participaram do encontro na cidade
O Parque de Exposições Assis Brasil foi palco entre os dias 11 e 13 de abril do Encontro Estadual da Marcha Mundial das Mulheres do Rio Grande do Sul (MMM). O primeiro dia foi marcado com uma recepção e uma roda de conversa feminista. No segundo dia, pela manhã, foi realizada uma atividade que tratou sobre o feminismo internacionalista da MMM. No período da tarde, a ação inicial foi uma oficina que abordou a Copa do Mundo e a exploração do corpo e da vida das mulheres. Em seguida, o auditório da administração foi palco sobre o ‘Plebiscito popular? Mudar o sistema político? O que tenho com isso?’. Já o último dia do evento ficou marcado pela atividade ‘Construindo a MMM no RS: Plenária estadual’. Por volta das 17 horas, aconteceu uma intervenção com o público no Parque com a distribuição do plebiscito popular da reforma do sistema político. Segundo a organizadora do evento na cidade, Janaina Santos, um dos principais objetivos da atividade é reforçar a presença das mulheres nas ruas, através de um feminismo popular. Além disso estamos batalhando para denunciar a opressão vivida pelo sistema ainda patriarcal, cultuado pelo racismo, lesbofobia e a destruição da natureza. “As mulheres do planeta precisam se organizar e através de atividades buscar o fortalecimento e aliança com outros movimentos sociais”, disse Janaina. Ela enfatiza que as mulheres na atual conjuntura da sociedade, tem sido resistentes em relação a ofensiva do capitalismo que apresenta ‘falsas soluções’, baseadas na expansão do mercado como mais exploração dos recursos naturais, novas tecnologias de controle de seu próprio corpo e do conhecimento. Outro fator que Janaina falou foi sobre as denúncias que estão ocorrendo com a realização de grandes eventos no país, como Copa do Mundo e a Fórmula 1. Essas atividades se propagam a prostituição, assim como facilita o tráfico de mulheres e meninas como forma de aprofundar a pobreza.

Bocal de Ouro teve disputas acirradas 
As provas ocorreram durante o feriado de Páscoa e reuniu dezenas 
de pessoas no Parque de Exposições
Os animais foram avaliados por uma comissão julgadora  
Foram conhecidos os vencedores da disputa de uma das etapas do Bocal de Ouro que terminou no dia 20 de abril, no Parque de Exposições Assis Brasil. Durante os dias em que foi realizado o evento, em pleno feriado prolongado de Páscoa e Tiradentes, dezenas de pessoas vieram acompanhar as provas e se divertir no espaço. Segundo o Presidente da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) Mauro Ferreira, as mudanças constantes nas posições durante as provas mostraram que os participantes têm demonstrado cada vez mais um alto padrão. “Se teve um nível de provas espetacular e muito parelho. A alternância nas primeiras colocações refletiu esta paridade dos últimos para os primeiros lugares. Acreditamos que será assim para o Freio de Ouro também”, destaca Ferreira. Conforme a proprietária de uma cabanha, Olga Bertolini, os criadores tem buscado excelência e trabalho forte. “Estamos trabalhando com a genética e acreditamos que estamos no rumo certo. A morfologia dela também é boa e ajudou, mas esta égua é excelente em função. Temos certeza que estamos no caminho certo”, frisa
a criadora.
DISPUTA - A disputa entre os machos foi tão acirrada e com alternâncias de resultados, que o vencedor só foi conhecido bem no final das provas. O proprietário da Cabanha Maufer, Fernando Weiand, comenta que por conta da grande disputa, o título ficou ainda mais valorizado. “Essa edição do Bocal de Ouro foi a mais disputada dos últimos tempos que participamos. O animal se mostrou competitivo, funcional e morfologicamente”. As próximas etapas classificatórias para o Freio de Ouro ocorrerão do dia 07 ao dia 11 de maio, no Uruguai, em Montevideo. E nos dias 08 ao dia 12 de maio, na cidade de Bagé. A égua Emblema Bertolini, de Minas do Leão, levou o primeiro lugar na disputa. O cavalo Festejo 1061 Maufer, de Cruzeiro do Sul, levou o primeiro lugar entre os machos. A égua Emblema Bertolini assumiu a liderança nas provas funcionais e manteve a posição até o final. Os quatro machos e fêmeas, que garantiram as primeiras posições, já tem vaga para a final do Freio de Ouro, que ocorrerá em agosto, no primeiro final de semana
da Expointer.

Mulheres do Clube Arco Íris visitam 
o ‘Museu Destaque’ 
As voluntárias tiveram a oportunidade de conhecer um pouco 
sobre a história da cidade onde residem
As visitantes conheceram um pouco da história do Município onde residem
Integrantes do Grupo de Clube de Mães Arco Íris, de Esteio realizaram uma visita no ‘Museu Histórico Destaque’, na tarde de 17 de abril. Cerca de dez mulheres tiveram a oportunidade de conhecer um pouco da história de Esteio, através de fotos e objetos expostos no espaço cultural. Na primeira sala, as visitantes tiveram a oportunidade de observar um pouco sobre a questão da religiosidade do Município, como alguns objetos que foram salvos da Igreja Nossa Senhora das Graças, que foi destruída em um incêndio, além de um rico acervo sobre peças sobre o Seminário Claretiano. No segundo espaço, as mulheres observaram fotos que contam um pouco da cidade no início e após algum período. As visitantes também conheceram um pouco de alguns materiais eletroeletrônicos e equipamentos domésticos. Segundo a presidente do clube, Zary Leonardo, a ideia de preservar este espaço é de extrema importância para Esteio. Pude relembrar momentos importantes desde a minha cidade nestas terras, em 1959. “Além de ser um local que está sendo cuidado, parte de nossa história encontra-se em bom estado”. Residente na cidade desde 1959, Marlene Simões comentou que foi a primeira vez que esteve no Museu Histórico Destaque, ao longo dessas mais de duas décadas de existência. “Pude ver objetos antigos e peças que não perderam a estética durante a passagem dos anos. As fotos de como era a cidade ontem e hoje são sensacionais, assim como os objetos que retratam a história do Seminário Claretiano”, informou. Para Terezinha Fonseca Souza, o espaço cultural fascina qualquer pessoa que gosta de história. “É bom saber que houve interesse de alguém em cuidar da história”. O Museu Destaque fica localizado na Rua Theodomiro Porto da Fonseca, 134. Interessados em agendar uma visita pode ligar para o telefone 3473-1712.

Atividades religiosas marcam a 
Semana Santa na região 
Entre as atrações estava a bênção dos pães e o lava-pés
A bênção dos pães foi um dos momentos mais importantes da festa
O lava-pés é um ritual significativo para os católicos
A Semana Santa na região foi marcada com diversas manifestações religiosas. Em Sapucaia do Sul, a Igreja Nossa Senhora da Conceição realizou entre outras ações, a tradicional solenidade de lava pés. O evento foi conduzido pelo pároco Adilson Kuntzler. Além disso, houve também a cerimônia de bênção dos pães. As celebrações contaram com a participação de dezenas de fiéis da cidade e da Região Metropolitana. Os festejos da Páscoa iniciaram no dia 13, com o tradicional Domingo de Ramos, onde as pessoas levavam algum tipo de ramo e que era benzido pelo padre.

Orixá Ogum 
Mãe Marli Templo Umbanda - Orixá 
Consulta com Cartas, Búzios e Trabalhos Espirituais 
(51) 3458-2165 / (51) 9989-2351 

O mês de abril, para nós, afro umbandistas é um mês, que nos preparamos para homenagear o orixá Ogum, onde no sincretismo católico é São Jorge. Dia de Ogum: Seu dia é 23 de abril, onde os templos religiosos afro umbandistas fazem passeatas e oferendas para Ogum, orixá da guerra, do aço e o dono de todas ferramentas, quando falamos de guerra temos que entender que todos os dias temos que enfrentar várias dificuldades, por isso Ogum é sempre lembrado, pois chamamos por Ogum para termos forças, para podermos seguir em frente. As cores de Ogum: Na umbanda as cores são vermelho, branco e verde, na nação as cores são vermelho e verde. Flores para Ogum: Cravos vermelhos e brancos. Oferenda à Ogum: costela do boi com 3 ossos, farinha de mandioca torrada e manga. Bebida de Ogum: Cerveja. Pedra de Ogum: Rubi. Saudação ao Ogum: Ogunhê. Filhos de Ogum: Seus filhos são geralmente trabalhadores, brigões, determinados, vaidosos, ciumentos, amigos, potentes e quando se apaixonam são fiéis. Pedido à Ogum: um agrado para que Ogum nos acompanhe em nossas dificuldades, vá em uma mata que tenha acesso a uma cachoeira e coloque 4 cravos vermelhos e 3 brancos, 1 garrafa de cerveja, 1 charuto, 1 vela vermelha, branca e verde, e faça seus pedidos à Ogum. Que pai Ogum, ilumine a todos, e corte todas as mirongas dos seus caminhos.
Muito axé a todos.

Religiosos participam de procissão 
em homenagem a São Jorge
A procissão agrega dezenas de pessoas pelas ruas centrais da cidade
Para marcar as duas décadas de devoção a São Jorge, a ialorixá Dalva de Xapanã está organizando uma grande festa no dia 26 de abril, com uma procissão, em homenagem ao santo guerreiro. A atividade terá início por volta das 17 horas, na Rua Engenheiro Henner de Souza Nunes, defronte ao prédio do Executivo Municipal, seguindo pela Avenida Presidente Vargas até a Rua São Sebastião do Caí, terminando no centro de matriz africana, situada na Rua Lajeado. Segundo Dalva de Xapanã, a festa religiosa é dedicada a todos aqueles que são devotos de São Jorge. Muitos fiéis vêm de outras cidades como Canoas e Sapucaia do Sul, assim como de outros pontos da Região Metropolitana. “Muitas pessoas que acompanham a procissão, vem para pedir ou agradecer por graças alcançadas, por intervenção de São Jorge”, disse mãe Dalva de Xapanã. A festa religiosa tem o apoio do Corpo de Bombeiros, Brigada Militar, Guarda Municipal
e Prefeitura.

 POLÍCIA
Sargento Valdecir
Silva da Silva 
Pelotão de Operações Especiais sapucaiense tem novo titular 
O novo titular tem por objetivo intensificar ainda mais 
a segurança na cidade 

O novo comandante do Pelotão de Operações Especiais (POE), do 33º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Sapucaia do Sul, o sargento Valdecir Silva da Silva, assumiu sua função no dia 07 de abril. O policial, que já atuou em várias cidades do Estado, como Guaíba, Porto Alegre e Santa Maria, por um período onde atuou no curso para a formação de sargento, em 2001. Agora no município, o sargento estará conduzindo as operações ao combate ao crime. Por ser uma cidade que faz parte da Região Metropolitana, Sapucaia do Sul tem um perfil peculiar em termos de criminalidade. “A cidade tem características muito próprias, como a proximidade entre os policiais e a sociedade. Em relação a segurança, embora haja registros de crimes, a situação encontra-se sob controle.Os índices de criminalidade são aceitáveis”, conta o sargento. Ele frisa que o conjunto de operações preventivas, somado ao policiamento ostensivo tem contribuído com a diminuição da criminalidade. “A comunidade vem reagindo de forma muito positiva, e estamos tendo essa resposta pelas redes sociais. A POE tem sido mais vista e isso gera uma sensação de segurança nos moradores. Estamos presentes em muitos pontos, como por exemplo, nos bairros Colina Verde, Multiforja, Fortuna e inclusive na região central da cidade. Local este que tinha um grande índice de furto à veículo e devido às ações, houve uma diminuição”, destaca. O sargento comenta que a aceitação e acolhimento da comunidade para com a Brigada Militar tem sido cada vez maior. “Não há espaços onde a Brigada Militar não possa entrar. Temos acesso a todos os lugares. Boa parte do problema que envolve os crimes tem um fundo social. Pode-se dizer que 90% dos crimes de homicídio estão ligados ao tráfico de drogas”, salienta o policial.
PREVENTIVAS - O Sargento Valdecir salienta sobre a continuidade dos planos de ação para o combate as práticas criminosas. “Nossas intenções é se tornar mais ágil, junto as operações do POE. É importante também que qualifiquemos ainda mais o nosso efetivo.Estar onde a comunidade está, interagir com o povo e também, estarmos presentes em bairros mais vulneráveis e em horários de maior risco, realizando abordagens, tirando os suspeitos desta zona de conforto. Assim, obteremos cada vez mais o controle sobre a criminalidade”, reforça o titular. Embora os índices de crimes tenham diminuído na cidade, o policiamento ainda tem certas dificuldades por uma pequena parcela de cidadãos. Muitas vezes, o povo precisa ser convencido de que as ações preventivas são para o benefício de todos. “Uma das nossas maiores dificuldades ainda é a de convencer uma parcela da população de que essas abordagens são extremamente necessárias. Nas ações, é preciso generalizar, afinal, os criminosos podem ter muitas
faces” salienta.
PREPARAÇÃO PARA A COPA DO MUNDO - A pouco mais de um mês para o maior evento esportivo do planeta, a Copa do Mundo, as operações de policiamento serão reforçadas durante o evento. A partir de maio, o efetivo em Sapucaia do Sul terá reforços. “Nossas expectativas são de, cada vez mais, diminuir a criminalidade, e aproximar cada vez mais o nosso Pelotão da comunidade sapucaiense. Para que Sapucaia tenha a certeza de qualquer delito contra seus moradores, terá a resposta imediata do POE e do 33º BPM”. Com o novo comando, as metas continuam as mesmas, em prol da cidade. Gerar a sensação de segurança e para que a qualidade de vida seja sempre uma crescente. Isso tudo, através de ações preventivas, ostensivas e para a coibição de ações delituosas.

 Trio é preso após assalto a pedestre
Materiais encontrados pelos policiais que estava no carro apreendido
Três homens foram detidos por uma guarnição da Brigada Militar de Sapucaia do Sul. O fato aconteceu no dia 18 de abril, por volta das 4 horas. De acordo com informações da BM do município, os policiais trafegavam pela Rua Marciano Caetano da Silveira, no bairro Nova Sapucaia, quando se deparou com um veículo Chevette, tendo três tripulantes. Na abordagem aos homens, os policiais identificaram cada um deles. O primeiro suspeito que foi verificado tinha antecedentes por roubo à estabelecimento comercial, lesão corporal, retenção de veículos e outros delitos. O segundo homem, onde os PM’s analisaram a ficha policial, descobriram que tinha registro por vários roubos, como a motorista e de pedestre, além de dirigir sem carteira de habilitação e tráfico de entorpecentes. O terceiro envolvido tinha antecedentes criminais por furto qualificado, receptação, ameaça e furto a residência. Durante a averiguação dos indivíduos, um homem se aproximou da guarnição, para informar que aos policiais militares, que havia sido abordado por três suspeitos em um Chevette. Um dos PM’s ao tomar conhecimento do fato revistou o automóvel e encontrou diversos objetos como um mochila, um par de tênis e um aparelho celular, que provavelmente pertencia a vítima dos indivíduos. Diante dos fatos, o grupo foi encaminhado para a Delegacia de Pronto Atendimento (DPPA).

 Titular da DP se reúne com 
sub-secretário do Parque Assis Brasil
O subsecretário do Parque de Exposições Assis Brasil, Adeli Sell, começou a traçar medidas para garantir que a 37ª Expointer seja um evento livre de pirataria e produtos falsificados. No dia 22 de abril, o responsável pelo espaço esteve reunido com o delegado de polícia do município Leonel Baldasso. O subsecretário sugeriu uma parceria com a PC para combater a pirataria no entorno do evento. A ideia é desenvolver ações conjuntas com instituições municipais, estaduais e federais, além de representantes da sociedade civil. “Já havíamos conversado com os representantes do Executivo, com o comandante da Brigada Militar, e agora estamos buscando a Polícia Civil. Juntos, iremos coibir todos os tipos de ilícitos, a começar pelo comércio irregular realizado na parte frontal do Parque. Queremos garantir tranquilidade na circulação dos pedestres, bem como acabar com a algazarra dos vendedores ambulantes”, explicou Sell. O delegado disse estar afinado com os ideais da direção do Parque. “Realizamos rotineiramente ações e apreensões de produtos falsificados ou contrabandeados no município”, informou. A ação da Polícia Civil complementa o trabalho de combate à pirataria.

Polícia Civil apreende drogas 
no bairro Bela Vista
Foi apreendido pela 2º Delegacia de Polícia (2ª DP) no bairro Bela Vista, em Sapucaia do Sul, 11,5 kg de maconha e 300 gramas de cocaína. Segundo o titular da PC Eduardo Luiz Correa de Moraes, esta apreensão se deu por conta de meses de investigações e de uma denúncia, que os entorpecentes estariam nessa residência. Na sequência, os policiais aguardaram o proprietário da casa, e o mesmo, foi abordado próximo do local da apreensão das drogas. O homem foi preso em flagrante, por tráfico de entorpecentes. O indivíduo foi conduzido para o sistema prisional.

Veículo é recuperado em Esteio
No dia 16 de abril em Esteio, a Polícia Civil da cidade recuperou um carro que havia sido furtado. O veículo, pertencente a uma educadora, e que havia sido furtado em um posto de lavagem, localizado no bairro Santo Inácio. O veículo havia sido furtado na terça-feira anterior. Segundo o titular da PC, Leonel Baldasso, disse que os criminosos já foram identificados e serão indiciados por furto qualificado.

Carro roubado é avistado por vítima
Por volta das 22 horas, no dia 21 de abril, um homem que teve seu veículo roubado, avistou o automóvel em posse de terceiros, que foi roubado no dia 18. O homem tentou acompanhar o veículo, e nisso, se deparou com uma viatura da Polícia. O indivíduo informou a guarnição de toda a situação, e a informação foi passada para outra viatura. O cerco em busca do carro foi iniciado, e os policiais se depararam com o veículo na ERS118. A viatura seguiu o automóvel até próximo da divisa com a cidade de Cachoeirinha, quando o carro saiu da pista. Os policiais tentaram a abordagem aos indivíduos que estavam no veículo, prendendo duas pessoas. Foram presos um homem e uma mulher. Outros dois indivíduos acabaram fugindo. Os presos foram conduzidos para a DPPA de Canoas.

terça-feira, 22 de abril de 2014

EDIÇÃO 1930

FLAGRANTE DA SEMANA
Na manhã do dia 10 de abril, quem passava pela Rua Padre Felipe, ao lado da Praça da Bíblia e nas proximidades da Casa de Cultura, ficava impressionado com a cena de um acidente, onde um caminhão de uma empresa, que está realizando obras na rede de esgoto da cidade, caiu em um valo, que havia sido aberto para colocação de canos. Para evitar que o veículo tombasse de vez, duas retroescavadeiras, sendo uma em cada lado, sustentaram o caminhão até a chegada de socorro para poder ser rebocado do local. Felizmente ninguém ficou ferido, mas o susto
foi grande.

Casas do Loteamento Pôr do Sol 
já estão comprometidas 
Várias residências no condôminio já apresentam grandes rachaduras 
com pouco tempo de utilidade
Moradores alegam rachaduras, devido ao trânsito de veículos pesados
Os moradores do entorno do Arroio Sapucaia, foram remanejados para outras casas, em função das obras da Avenida Beira Arroio, para um novo espaço, o Loteamento Pôr do Sol. As novas moradias ficam no final da Rua Rio Grande, no bairro Liberdade. Contemplados dentro do programa “Minha Casa, Minha Vida”, várias famílias foram reassentadas e em dezembro de 2013 muitos já se mudaram para as moradias recém prontas. Entretanto, com pouco mais de três meses de uso, muitas destas casas, com estruturas novas, já vem apresentando rachaduras e danos estruturais. Muitos moradores relatam sobre a existência de rachaduras, em decorrência ao trânsito intenso de caminhões, contendo cargas pesadas e os maquinários que estão sendo utilizados nas obras da avenida, que também servirá como dique de contenção para aquela região. João Francisco César, foi um dos contemplados pelas novas moradias, pois por algum tempo chegou a residir às margens do arroio. “Quando vim morar nessa casa, estava tudo perfeito. Mas pouco tempo depois da entrega dos imóveis para parte da comunidade, começaram a trafegar esses caminhões, que conduzem brita, areia e canos de grande proporção para as obras que estão sendo feitas nas proximidades”, relata João. Ele ressalta que após o início da trafegabilidade, foi o momento em que iniciaram as rachaduras. “E não só na minha casa, mas em muitas situadas nas imediações. Por enquanto não sabemos a quem recorrer, afinal, não é nossa culpa as casas estarem ficando deste jeito”, desabafa o morador da Rua dos Lírios.
SONHO - As casas ficam ao fundo dos apartamentos, em uma área onde antes era um banhado e que foi aterrado. Esta vem sendo usada agora como área de depósito de materiais da empresa que está executando as obras. Em função do fluxo intenso de guindastes e carretas pesadas, o impacto vem danificando a estrutura destas casas. Conforme informações da assessoria de imprensa da Prefeitura, a questão das casas do Residencial Pôr-do-Sol, a secretária municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Bernadete Konzen, informa que serão feitas vistorias nas casas a partir da terça-feira da próxima semana (dia 22 de abril).

Avenida Pery Fagundes tem trecho intransitável
Pedestres e motoristas são prejudicados com descaso na Pery Fagundes
Não é uma surpresa as ruas e avenidas de Esteio estarem em péssimas condições. Mas de fato, ainda surgem situações que surpreendem os moradores do município, diante de tanto descaso. O caso ocorre na Vila Osório, próxima a uma empresa multinacional. Na Avenida Pery Fagundes, sentido centro – bairro, mais um problema para os motoristas que precisam transitar nesta via. Um grande desnível, resultante de um ponto de coleta, atrapalha quem passa pelo local. A tampa da caixa, dificulta a passagem dos veículos, aumentando o risco de acidentes neste local. Esse desnível é somado a inúmeros buracos próximos desta caixa, fazendo com que os motoristas tenham que andar numa velocidade baixíssima, para evitar que haja algum dano ao automóvel. Além dos motoristas, os pedestres também saem prejudicados. Além da falta de limpeza no passeio público, rente aos muros do trem, o trecho da calçada também está seriamente danificado. Os pedestres que utilizam essa via, muitas vezes precisam ir quase pelo meio da rua, para poderem passar pelo local. Ao mesmo tempo, acabam expondo sua segurança, pelo fato da falta de calçamento adequado. Segundo moradores da localidade, a situação vem de muitos meses, e comentam que nada foi feito por parte da Prefeitura.

Obras causam erosão e moradores 
ficam revoltados 
Buraco coloca em risco a segurança e ocasiona transtornos
Buracos na calçada tem causado problemas para a moradora 
Velhos problemas persistem a aparecer junto a comunidade esteiense, no que tange em relação a infraestrutura e obras públicas. Desta vez, o caso foi em uma calçada localizada na Rua São Luiz, no bairro Parque Amador. Em meados de junho de 2012, foram feitas algumas intervenções para melhorias na rede de esgoto cloacal. A partir de setembro do mesmo ano, a calçada onde foi feita a obra, começou a apresentar um quadro de erosão. Boa parte da rampa de acesso a residência tem mostrado sinais de que está cedendo, e alguns outros pontos também já estão afundando. Moradora há 45 anos no local, Nadir Terezinha Silva, conta que ela e a filha já buscaram inúmeras vezes a ajuda de órgãos públicos competentes, mas que não obteve retorno algum. “Já entramos em contato com a Prefeitura e com a Corsan, e não tivemos resposta. Também pedi ajuda a um representante do Legislativo e não obtive êxito”, informa Nadir. Ela destaca que 2012, uma equipe da Prefeitura, por intermédio da secretaria competente chegou a colocar um pouco de brita para aterrar. Mas depois disso, nunca mais apareceram. “Solicitei inúmeras vezes que viessem aqui, mas não houve interesse de nenhum poder responsável para dar um posicionamento em relação a obra”, desabafa Nadir.
PROBLEMAS - Nadir comenta que o buraco que se formou em frente a sua residência tem trazido problemas para os pedestres que passam por ali. A calçada é rota de muitos estudantes da região, e o buraco acaba colocando em risco a segurança de crianças, e também, de pedestres. “Já fui alertada de que não posso intervir nesse buraco na minha própria calçada, porque faz parte da obra de uma empresa contratada para a colocação de rede de esgoto cloacal. Caso eu faça algo, fica sobre minha responsabilidade”. Nadir enfatiza que fica então de mãos atadas, pois não pode resolver o problema, pois se algo der errado, é de sua total responsabilidade e a empresa e a prefeitura também não resolvem. Ela também ressalta que não foi a única a ser contemplada com esse problema. “Outro vizinho aqui da rua, teve algo similar. Porém, ele quis entrar com processo judicial, para que resolvessem esse problema”, comenta. Segundo informações da unidade, uma equipe irá até o local para verificar o problema.

Plano de Prevenção e Proteção contra
Incêndio é pauta de reunião
O encontro com o representante do Corpo de Bombeiros ocorreu no auditório da entidade
Preocupada com a repercussão da nova legislação referente a prevenção de incêndios e com as dúvidas que surgem sem uma posição definitiva e esclarecedora, a ACISE, através de sua diretoria  e de sua presidente Alice Grecchi, promoveram um encontro do qual participaram associados da entidade, o Comandante do Corpo de Bombeiros de Esteio, Sargento Nascimento, gestor da Toninho  Extintores, Toninho Bellorini e Elisângela Fernandes, coordenadora do PAM – Plano de Auxílio Mútuo, de Sapucaia do Sul. O Comandante do Corpo de Bombeiros informou que os prédios que já tem PPCI – Plano de Prevenção e Proteção contra Incêndio devem entrar com um pedido de vistoria e terão um ano, prorrogável por mais 48 meses, para se ajustarem à nova legislação após receberem um ofício indicando os itens que deverão ser adequados. Com este alvará, os projetos empresariais não serão inviabilizados. Em relação aos prédios novos, ou em construção, estes já devem atender a nova legislação, mas se não tiverem atendido na íntegra ao PPCI, também terão prazo de um ano para se adequarem. Toninho Bellorini, dedicando-se hoje principalmente a elaboração e execução de projetos ligados ao sistema de proteção contra incêndios, diz ter uma visão de quem “necessita fazer cumprir a legislação” e menciona como um dos maiores problemas enfrentados o fato de, quando um imóvel é adquirido ou locado,  não se ter clara exatamente  para qual finalidade será usado para torná-lo compatível ao fluxo de pessoas no local e assim adequado aos quesitos exigidos pelos Bombeiros. Toninho, reforçando a necessidade da adequação à legislação, sentenciou: “Após a tragédia em Santa Maria, qualquer bom senso passou a ser irresponsabilidade”. A coordenadora do PAM apresentou projeto voltado para indústrias, que trabalham com voluntários, sem custo financeiro. O PAM, integrado ao Corpo de bombeiros, foi criado com o objetivo de coordenar os esforços das empresas para evitar sinistros e, caso ocorram, saber sobre os procedimentos corretos.

Colégio Coração de Maria promove 
mais uma edição do Páscoa Solidária
Alunos, pais e professores do Colégio Coração de Maria entregaram, nos últimos dias 15 e 16, as doações de balas, doces e chocolates arrecadados, no início do mês, pelas famílias de todos os níveis de ensino. Foi realizada uma operação envolvendo voluntários para entregar os kits montados no Colégio, o que contou com a participação de muitas pessoas (alunos, pais, familiares, colaboradores e professores). Dia 14/04, os alunos do grupo de jovens da escola - Juventude Verzeriana do Coração - levaram 33 cestas na Casa Lar Abrigo Meu Refúgio, em Sapucaia do Sul, onde também tiveram oportunidade de interagir com as crianças e adolescentes do Abrigo. Dia 15 foi o dia da integração com outra instituição da Rede Verzeri - o Centro de Formação Teresa Verzeri. Os estudantes do Colégio Coração de Maria assistiram a apresentação de Páscoa preparada pelo Centro de Formação e, após, fizeram a entrega de 150 cestas de guloseimas. Neste mesmo dia, as crianças da Educação Infantil do colégio levaram seus presentes de Páscoa aos pequenos da Escola de Educação Infantil Novo Lar Sestilia Anna Toniolo. Dia 16 a entrega foi no Abrigo Municipal de Esteio e no Asilo Betel. Esta é mais uma ação social do Colégio Coração de Maria, unidade da Rede Verzeri, congregação das Irmãs Filhas do Sagrado Coração de Jesus, tornando mais humana a Páscoa de muitas pessoas de
nossa região.

Comunidade se mobiliza para a 
campanha de vacinação 
No dia 26 de abril, está prevista ocorrer o Dia D, com a abertura das unidades de saúde 

A partir do dia 22 de abril, em todo o país, inicia mais uma campanha nacional de vacinação contra a gripe. A vacina protege contra as influenzas A/H1N1, A/H3N2 e B. Em Esteio e Sapucaia do Sul, as unidades de saúde estão se preparadas para mais essa atividade. Segundo o Ministério da Saúde, a meta é imunizar em Esteio, 26.917 e enquanto isso, em Sapucaia do Sul, o foco é 28.272, o que corresponde a 80% dos grupos abrangidos. A campanha neste ano é destinada a crianças de seis meses até cinco anos, pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional. As pessoas portadoras de doenças crônicas não-transmissíveis ou com outras condições clínicas especiais também devem se vacinar.  No sábado, 26 de abril, todas as unidades de saúde esteienses estarão abertas para aplicar a vacina contra a gripe, inclusive aquelas que não contam com sala de vacinação (Pedreira, Esperança e Ezequiel). A ação vai acontecer das 8h às 17 horas, sem intervalos.  A campanha de vacinação contra a gripe vai até o dia 09 de maio.
CONTÁGIO E PREVENÇÃO - A transmissão dos vírus Influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz). A melhor solução para evitar a gripe é a prevenção. É importante lembrar algumas ações simples que ajudam a combater a doença como: * Lavar as mãos com água e sabão com frequência, ou, quando não for possível, com álcool gel; * Não compartilhar talheres e objetos pessoais com pessoas que apresentem os sintomas da gripe, como febre, tosse e dores no corpo; * Cobrir a boca e o nariz com lenço descartável ao tossir e espirrar; * Manter ambientes limpos e ventilados, especialmente os úmidos e frios, pois favorecem a multiplicação do vírus; * Em caso de sintomas compatíveis com a doença, procurar o posto de saúde mais próximo.

Atletas conquistam medalhas 
em campeonato de judô
Judocas de programa representaram a cidade em competição esportiva
Os campeonatos de judô recomeçaram para o ‘Mais Educação’ de Esteio. No dia 12 de abril, atletas dos Centros de Educação Básicas Eva Karnal, Clodovino Soares e Maria Lygia participaram da Supercopa Canoas, no ginásio do Unilassalle. A competição faz parte do calendário oficial da Federação Gaúcha de Judô. E não poderia ser um reinício mais promissor: a delegação contou com 22 atletas, e voltou com três medalhas de ouro, cinco de prata e cinco de bronze. As três escolas conquistaram medalhas - Maria Lygia (três ouros, uma prata e um bronze), Clodovino Soares (três pratas e dois bronzes) e Eva Karnal (uma prata e dois bronzes). De acordo com os educadores, estas conquistas são fruto de trabalho através da parceria existente entre as instituições de ensino que investem nos alunos por intermédio das oficinas de judô do programa ‘Mais Educação’. O Grêmio Náutico União, clube pelo qual os alunos são federados e disputam os campeonatos, também é um fator determinante, pois é onde os estudantes treinam pela noite durante a semana. Já a secretaria de Educação e Esporte, que entra com o transporte para os treinos durante a semana em Porto Alegre. A próxima competição será no dia 22 de maio.

Falta de acessibilidade na passarela 
Essa situação prejudica a passagem de cadeirantes, 
principalmente na área central da cidade
Cadeirantes encontram dificuldades em se locomover no espaço
Quem passa pela Estação Trensurb de Sapucaia do Sul, pode notar a dificuldade para transitar em meio a passarela. Cada vez mais, o público tem encontrado dificuldades para andar, por conta da infraestrutura que a muito tempo, não tem manutenção alguma. E isso não afeta só os pedestres, mas principalmente, quem tem dificuldades para se locomover, como por exemplo, os cadeirantes. As rampas de acesso mostram claramente um processo de desgaste muito grande, onde fica visível a formação de buracos no chão. Além disso, há a existência de degraus, que prejudicam quem utiliza cadeiras de roda , e uma vez sendo que em nenhum local há sinalização para alertar sobre a existência destes desníveis. E como se não bastasse, existe o grande problema das rampas de acesso para os cadeirantes. Quem precisa acessar a estação, encontra algumas dificuldades. As únicas rampas especiais destinadas para este público, não são utilizadas devido a forma como foram construídas. O projeto foi feito com uma inclinação muito grande, onde não há como o indivíduo passar com a cadeira com segurança. Pelo contrário, aumenta o risco de queda dos cidadãos. Essas rampas, que ficam do lado oposto ao Centro, além de terem essa inclinação, tem também barras de ferro que fecham o acesso a essas rampas. Então, quem precisa acessar a estação com cadeira de rodas, só tem a alternativa de utilizar a rampa normal dos demais pedestres. Do lado do centro, também existe as rampas, menos inclinadas, mas a conservação também é pendente. Com somente essa rampa e o acesso comum, também gera dificuldade para quem precisa utilizar.

Corrida e cavalgada marcarão o 
Dia do Trabalhador em Sapucaia
A Cavalgada tem por objetivo também atrair os tradicionalistas da cidade
Cidades da Região Metropolitana já estão a todo o vapor, em relação aos preparativos para marcar o Dia do Trabalhador. Em Sapucaia do Sul, a festa inicia no dia 26 de abril e segue até o dia 1º de maio. Entre as ações, acontece para os corredores, a quarta edição da Rústica do Trabalhador, promovida pela Secretaria de Esporte e Lazer e coordenada pela Associação dos Corredores de Rua de Sapucaia do Sul (ACORSA). Já está com inscrições abertas no site http://acorsars.blogspot.com.br/. No dia, também é possível fazer a inscrição para a prova que tem o percurso de seis quilômetros para adultos e 1.200 metros para as crianças. Outro evento enaltece a cultura tradicionalista é a Cavalgada do Trabalhador irá reunir cavalarianos de diversos CTGs e piquetes da cidade, que sairão do CTG Herança Farroupilha, às 8h30 e percorrerão diversos bairros da cidade até o Parque de Eventos Jayme Caetano Braun. Durante à tarde, o local recebe ainda tertúlia livre e show com Eco do Minuano e Bonitinho.


Esteio e Sapucaia do Sul terão
representantes em concurso de beleza 

Com o glamour das passarelas, as candidatas buscam patrocínio

As meninas Emilly Meneguzzi, 6 anos; Gabriele Melchior, 12 anos e Giovana Costa, 15 anos, receberam as respectivas faixas e coroas de mini miss Esteio, miss Esteio teen e Miss Sapucaia do Sul. O evento foi realizado em um espaço gourmet, localizado no bairro Parque Amador. As soberanas irão participar do concurso Mini Miss RS Universe, versão Disney, que acontece nos dias 23 e 24 de maio, na cidade de Santa Cruz do Sul. As candidatas irão pisar na passarela usando trajes típicos, gala e social. Mas para isso tudo ocorrer, as famílias das candidatas estão em busca de apoiadores para que elas possam fazer bonito no evento, evidenciando a beleza de nossa região. Segundo o coordenador do concurso, Paulo Moura, além de ser uma novidade, este evento, que será a oportunidade de dar mais visibilidade as meninas e também poder descobrir novos talentos. “Neste momento, não é apenas as candidatas que ficam nervosas, mas também aqueles que prepararam a festa e a família”, disse. As candidatas de Esteio e Sapucaia do Sul, apesar da pouca idade, são veteranas em concursos. Emilly começou sua trajetória com quase dois anos. Já Gabriele começou a trilhar seu caminho em eventos, com seis anos e Giovana, aos 11 anos. Para Nathalia Bonatto, que está envolvido com concursos de beleza há alguns anos e que também participa da coordenação do evento, nossa região possui meninas com uma beleza, que sempre quando pisam em um palco, chamam a atenção e despertam olhares dos populares ‘caça – talentos’. “Aos poucos estão sendo retomados os concursos, que por muitos anos revelaram artistas de âmbito nacional e internacional”. Pessoas ou entidades interessadas em ajudar as candidatas a irem representar as cidades no concurso podem entrar em contato pelos telefones 8587-7361 ou 8187-4153.

Professor Antônio Pádua
Morre ex-integrante da Associação Comercial 
O histórico militante e fundador do PTB no Rio Grande do Sul, professor Antônio de Pádua Ferreira da Silva morreu na tarde do dia 16 de abril. Aos 92 anos, professor Pádua faleceu por complicações decorrentes da hemodiálise. Estava internado no Hospital Ernesto Dornelles. O corpo será cremado no dia 17, no Crematório Metropolitano. O professor Antônio de Pádua Ferreira da Silva nasceu em 1º de abril de 1922, em Porto Alegre. Casado, oito filhos, bacharel e licenciado em matemática pela UFRGS, e bacharel em administração. Foi recenseador do IBGE em 1940, onde ingressou através de habilitação pública; atuou na implantação da seção de estatística do DAER (1941); classificado em quinto lugar no concurso público para o Instituto de Aposentadoria e Pensões dos Industriários (IAPI), onde cumpriu 42 anos de serviço e alcançou todas as promoções funcionais, aposentado-se em 1982. Antônio atuou como vice-presidente administrativo e diretor do Departamento de Habilitação a Financiamentos da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Esteio (ACISE), 2001/2005. Começou a militância partidária como membro da União Social Brasileira - USB, entidade inspirada e presidida por Alberto Pasqualini e, posteriormente, incorporada ao PTB (1945/1946); militante, desde a fundação, presidiu a Ala Moça do PTB (1946/1947). Realizou palestras na maioria dos municípios gaúchos e em diversos estados, abordando o nacionalismo. Professor tornou-se um dos fundadores do Partido Democrático Trabalhista, sendo membro titular do Diretório Estadual; presidente, de 1993 a 1998, do Instituto de Estudos Políticos e Sociais Alberto Pasqualini, do PDT; membro titular do Diretório Nacional do PDT; membro titular do Conselho Político Estadual do PDT.

12ª Região Tradicionalista terá representante em Ciranda Cultural 
de Prendas 
Evento tradicionalista será realizado em maio, 
no Município de Santa Maria, 
na Região Central do Estado 

Um dos maiores eventos do tradicionalismo que mobiliza centenas de pessoas de várias regiões, e que tem uma grande representatividade está próximo, a 44ª Ciranda Cultural de Prendas 2014. Nesta festa, serão escolhidas três meninas a primeira, segunda e terceira prenda do Estado, em três categorias: mirim, juvenil e adulta, respectivamente. A 12ª Região Tradicionalista (RT), que representa as cidades de Esteio, Sapucaia do Sul, Canoas, São Leopoldo e Nova Santa Rita. As candidatas escolhidas, terão o maior título que uma prenda pode alcançar, dentro das festividades tradicionalistas. Tuanny Prado Flores, de 23 anos e estudante de Jornalismo é a 1ª prenda da 12ª Região, e concorrerá ao título de prenda adulta na Ciranda Cultural. Participante do meio tradicionalista desde os nove anos de idade e integrante do grupo de dança mirim pelo CTG Domadores do Rincão. Além deste concurso, a prenda, entre os anos de 2005- 2006 foi eleita como a primeira prenda juvenil da 12ª Região Tradicionalista. “Ser a primeira Prenda do Estado significa representar não só a mulher gaúcha, mas também toda a nossa cultura e nossa história”, disse Tuanny. Ela frisa que na gestão 2007-2008 conquistou mais um ano no cargo de prenda juvenil. “Já tenho certa experiência, pois já estive participando há cinco anos aproximadamente da Ciranda Estadual, onde obtive um quinto lugar, na colocação final do concurso”.
PARTICIPAÇÃO - A prenda atualmente faz parte do Centro de Pesquisa da Cultura Gaúcha (CPCG) Gerciliano Alves de Oliveira. Para este concurso, Tuanny informou que as candidatas entregaram no último dia 16 de abril, um relatório com atividades desenvolvidas desde o período de junho de 2013, onde alcançaram o título regional. Os projetos englobam desde as práticas de conscientização da população contra a transmissão da dengue, até mesmo aos ensinamentos nas entidades de educação infantil sobre a cultura do estado. De acordo com Tuanny Prado Flores, o resultado será devido ao trabalho de longo prazo que vem sendo feito. “Estou me preparando desde o mês de junho do ano passado e acredito que todas as candidatas também tem o feito. Então, o que desejo é representar da melhor maneira possível a minha região. O que vier de lá será resultante de todo o trabalho e empenho”. As provas ocorrerão nos dias 15, 16 e 17 de maio, em Santa Maria, na região central do Estado. O RGS é composto por 30 regiões tradicionalistas.
ETAPAS DO CONCURSO DE PRENDAS - As candidatas da Ciranda passarão por uma prova onde consiste em três etapas. A primeira será uma prova escrita, onde serão 30 questões de múltipla escolha, e mais uma redação, para as categorias juvenil e adulta. Para a categoria mirim, serão 35 questões, que foram retiradas de uma bibliografia, que foi determinada pela Comissão de Organização, com aproximadamente 25 livros na sua lista. Após as provas, é feita a Mostra Folclórica. Cada candidata apresentará sua pesquisa, sobre o tema “Literatura”. As participantes apresentarão levantamentos junto a Bibliotecas e Associações, sobre os escritores de suas respectivas regiões. A última prova será a artística, onde cada candidata fará o sorteio de um tema, que será abordado nas apresentações, por aproximadamente 15 minutos, antes de subirem ao palco. Dentre as possibilidades, elas poderão cantar declamar ou tocar. Elas também dançarão uma música de Invernada e uma de Salão. A candidata que obtiver a maior pontuação em todas as provas executadas será a vencedora da Ciranda Cultural, e as segunda e terceira classificadas, respectivamente, como segunda e terceira Prenda do Estado.

Corredores esteienses participam 
de competição na Capital
Atletas locais tiveram uma boa colocação na prova realizada em POA
Atletas da Associação dos Corredores de Rua de Esteio (ACORES) despontam ao participarem da 5ª Corrida de São Jorge realizado no Parque Farroupilha(Redenção). O evento foi realizado na fria e bela manhã do dia 13 de abril, com largada na esquina da Avenida João Pessoa. A prova somente para adultos, contou com mais de 230 atletas em competição no interior do Parque, em belas trilhas em meio a Natureza e a ampla área de lazer da Capital Gaúcha, e também dentre as pessoas que frequentam a Redenção. Os atletas da Acores subiram ao pódio na geral, com o corredor Richard Pacheco na 2ª colocação e Maicom da Silva Santos na 4ª. Já os atletas Cleider Hoffmann e Aleph Souza conquistaram posições em suas categorias por faixa etária, Adão Juares Camões que havia disputado no dia anterior conquistou a 2ª colocação em sua categoria na prova. Uma equipe de onze participantes da diretoria da ACORES, auxiliou na organização da prova atuando no  monitoramento de percurso,  fazendo assim com que os atletas tivessem a máxima segurança em suas participações, e, uma boa  qualidade de atendimento neste evento.

Grupo da Terceira Idade visita 
o “Museu Destaque” 
Os visitantes puderam reviver momentos e fatos importantes da cidade
Grupo visitante junto a direção do museu
Um grupo de idosos, em sua maioria com mais de 60 anos, tiveram a oportunidade de relembrar momentos importantes da cidade, durante a visita ao Museu Histórico Destaque. O encontro aconteceu na manhã do dia 15 de abril, onde os representantes da Terceira Idade foram recepcionados pelo diretor do espaço cultural, Miguel Luz. No passeio, Miguel mostrou as salas onde estavam preservados fotos e objetos que contam um pouco da história da cidade ao longo dos quase 60 anos de emancipação e também antes deste processo. No primeiro local, o grupo ficou encantado com os objetos que relatam um pouco sobre a religiosidade dos primeiros habitantes, assim como a construção do Seminário Claretiano, passando pelas principais igrejas. Já na segunda sala, o grupo ficou fascinado com as fotos que retrata um Esteio que não existe mais, como prédios históricos que foram destruídos ao longo dos anos, como também a evolução de algumas ruas e pontos de referência na cidade. Em uma das salas, Miguel conduziu as pessoas mostrando um acervo que contêm equipamentos elétricos, como máquinas fotográficas, microfones e objetos que possuem um elo de ligação com a cidade. Outro local, em que os idosos tiveram momentos de lembrança foi onde haviam peças, sendo muitas utilizadas pelos seus antepassados e até por eles mesmos, quando eram crianças, pois grande parte deles são oriundos de municípios do Interior. De acordo com a organizadora Ceni Teixeira, a ideia foi trazer o grupo, pois integram a um projeto ‘Arte e Cultura visto pelas lentes dos idosos’, que estão tendo aulas de pintura em tela. O tema principal escolhido que resultará em uma exposição é contar através da arte a história de Esteio. “O objetivo é desenvolver no mínimo 20 telas e dar uma visão de cada pessoa, em relação a cidade em que nasceu ou optou por residir”. Ela informa que a atividade faz parte do seu estágio em Turismo, onde estuda em uma universidade em Canoas.
VISITANTES - Apesar de residir em Sapucaia do Sul, Doraldina Figueiredo dos Santos, foi bem aceita entre os membros do grupo e ficou impressionada com o espaço. “Observando bem, a história de Esteio é rica em detalhes, em especial as fotos antigas e alguns registros de desfiles como Sete de Setembro e Carnaval. É um momento especial e de boas recordações”, ressaltou Doraldina. Moradora há mais de 60 anos, Vera Lúcia da Silva Machado, foi a primeira vez que visitou o espaço cultural. “Foi inesquecível. Literalmente embarquei em uma viagem ao passado e pude rever uma cidade, que infelizmente não existe mais e era muito boa”. O lançamento da exposição com o trabalho dos integrantes do grupo será no dia 06 de junho, a partir das 19 horas, na sala de exposições da Casa de Cultura Lufredina Araújo Gaya. Interessados em conhecer o Museu Histórico Destaque, podem entrar em contato pelo telefone 3473-1712. O espaço fica situado na Rua Theodomiro Porto da Fonseca, 134, Centro.

POLÍCIA

Brigada Militar divulga números 
de roubo de veículos 
Nos últimos anos, Sapucaia do Sul tem sofrido queda, 
se comparado com cidades da Região Metropolitana

Um dos crimes mais praticados na Região Metropolitana tem sofrido uma queda significativa em Sapucaia do Sul. Isso confere com os dados preliminares da Brigada Militar da cidade, desde o período de 2012 até o mês março de 2014. No mesmo ano, foram registrados cerca de 203 casos de roubo de veículos no município. No período de 2013, foram cerca de 137 casos. O balanço também aponta que 59% dos veículos são motocicletas, e grande parte, são motos mais potentes e de maior valor. Conforme o sargento do 33º BPM, Geverson Ferrari, a grande incidência deste tipo de crime, são em bairros que ficam nas proximidades de vias de acesso rápido, como a RS118 e a BR 116, como nos bairros Capão da Cruz, Nova Sapucaia e Jardim América,entre outros. “Os crimes muitas vezes são praticados nestas regiões, pelo fato de ser um acesso rápido e para tentar despistar a Polícia”, comenta o sargento Ferrari. Ele informa que os indivíduos que tem praticado este crime, são do eixo Sapucaia– Esteio, com a idade entre 20-30 anos de idade. Também foi destacado o foco dos produtos de roubo nestas situações. “Geralmente, além de motos com maior valor, caminhonetes e os carros mais novos e caros também estão na lista de preferência dos bandidos”.
REDUÇÃO - De acordo com o sargento, a diminuição do crime de roubo à veículo, se deve a um grande programa de prevenção. “A diminuição do índice deste tipo de crime, deve-se muito ao policiamento ostensivo, além da prevenção e das operações. Todo este processo acaba tornando o crime menos atraente aos meliantes, até enfraquecendo a imagem da impunidade”. Ferrari salienta que esse resultado da diminuição deste tipo de crime também se deve ao trabalho em conjunto com a Polícia Civil. “Os órgãos de segurança irão continuar a meta de diminuir cada vez mais essa prática criminosa”, frisa o sargento Ferrari. Em janeiro de 2012, foram pelo menos, 21 registros de roubo de veículo. No mesmo período, em 2014, foram registrados apenas dez. A meta da Brigada Militar do Município é reduzir para menos de 100 roubos até o final do ano de 2014.

Bombeiros recebem novos equipamentos
A entrega dos veículos irão contribuir com o trabalho dos bombeiros sapucaienses
Foi realizada no dia 11 de abril, a entrega de duas viaturas para o Corpo de Bombeiros do município. Um veículo Duster e uma moto foram entregues à corporação, onde a solenidade contou com a presença de autoridades locais e representantes da comunidade. O automóvel e a moto, no valor de R$ 60 mil e R$ 6 mil, respectivamente, foram adquiridos com recursos do Governo do Estado. A demanda foi votada pela comunidade sapucaiense durante a Consulta Popular de 2012, realizada pelo Conselho Municipal de Desenvolvimento (Comude). Para o comandante do Corpo de Bombeiros da cidade, 1º Tenente Newton Rogério Peixoto, a entrega das viaturas representa o reconhecimento da população, das entidades e do Governo para as necessidades da corporação. “Os anseios da comunidade podem se concretizar quando há mobilização”, falou. Também estavam presentes na cerimônia de entrega das viaturas o Comandante do 2º Comando Regional de Bombeiros, Tenente Coronel Vitor Hugo Cordeiro Konarzewski; o presidente da Câmara de Vereadores, Luis Rogério Link; e o presidente do Comude, Jorge Luiz Rosa.

Esteio é apontado em pesquisa sobre violência 
O Ministério Público do Rio Grande do Sul divulgou recentemente um mapa de segurança das cidades do Estado, com base nos dados do ano de 2013. O mapa publicado no mês de março, divulga alguns índices de violência, com base em dados de ocorrências criminais, separadas por tipo de delito. As informações foram divulgadas pela Secretaria de Segurança Pública. Segundo o mapa da violência na cidade de Esteio, no ano de 2013 foram 3.514 ocorrências criminais no município. A razão entre os números de ocorrências dos crimes violentos no município, foram totalizados, multiplicando as ocorrências pelo número de mil habitantes. No ranking de ocorrências de crimes violentos, a capital Porto Alegre encabeça com 17,65%. O que chamou a atenção neste ranking foi de que a cidade de Esteio está em segundo lugar como município com maior índice de ocorrências de crimes violentos. Com 11,53% no ano de 2013, ficando acima de Alvorada (11,15%) em terceiro lugar, Novo Hamburgo (10,43) em quarto lugar e Sapucaia do Sul (10,35%) ficando em quinto lugar. Em contraponto à pesquisa, os municípios que aparecem com o menor índice de criminalidade são Mato Queimado, Marcelino Ramos, Linha Nova e Ibiraçá, com índices quase nulos.

Homens são presos no Jardim América 
Uma ocorrência de acidente de trânsito no bairro Jardim América, em Sapucaia do Sul, dia 11 de abril, resultou na prisão de dois homens. Por volta das 21 horas, uma guarnição da Brigada Militar foi ao local indicado para verificar a ocorrência do acidente, onde um veículo colidiu contra uma mureta, na Rua Nadir da Silva Rufino. Quando os policiais chegaram ao local, viram os dois homens, ocupantes do carro, retirando caixas de dentro do veículo. Na abordagem, os policiais constataram que os dois indivíduos tinham antecedentes criminais. O condutor do veículo, residente na cidade, com 24 anos, tinha passagem por tráfico de drogas, associação para o tráfico e furto, lesão corporal de trânsito e receptação. O outro homem, também residente em Sapucaia, com 28 anos, morador do bairro Vargas, tem passagem pela Polícia por tráfico de drogas, roubo de veículo, guarda de animal perigoso, receptação e roubo de celular. Inclusive, este mesmo indivíduo também tem ocorrência de ameaça, pela Lei Maria da Penha. O carro foi recolhido pelo guincho para o depósito e os dois homens, juntamente com o material apreendido, foram apresentados na DPPA.

Foragida é capturada no Walderez 
Durante abordagens de rotina no bairro Walderez, em Sapucaia do Sul, uma mulher foi apontada como foragida. Com aproximadamente 47 anos, a mulher já tinha um mandado de prisão pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Ela recebeu voz de prisão, e foi conduzida para a 2ª DP, onde foi apresentada. A mulher tinha registros de duas vezes, com antecedente criminal por tráfico de entorpecentes.

Venda irregular de túmulos 
no Cemitério Municipal 
Prática já vem sendo investigada desde o ano passado por 
agentes da Polícia Civil da cidade
Polícia verifica se havia alguém enterrado no local
Uma grande fraude que envolve servidores do Cemitério Municipal Dois de Novembro, em Esteio foi descoberta. O fato envolvia a venda irregular de túmulos no cemitério, desobedecendo todos os protocolos existentes. Várias pessoas foram vítimas, pois adquiriram planos de serviço funerário, onde supostamente estariam comprando espaços para posteriormente, enterrarem seus entes queridos quando viessem a falecer. Quando os supostos clientes procuraram a administração para fazer o sepultamento de seus familiares, vinha a surpresa. No local que ora havia sido vendido, já existia outra pessoa enterrada naquele local ou até mesmo outro dono. A ação ocorrida no dia 15 de abril contou com a Polícia Civil da cidade, juntamente com uma equipe do IGP (Instituto Geral de Perícias) e a presença de algumas possíveis vítimas da prática. Com solicitação da PC à Justiça, a abertura de um dos túmulos foi feita com a autorização judicial, supostamente envolvidos no caso, para a averiguação. Em uma das sepulturas investigadas, haviam registros de que estava enterrado ali um natimorto, e com a abertura do caixão, nada foi encontrado. O esquema vem sendo investigado desde 2013, onde a administradora acabou sendo afastada de suas funções. Na época, a administração informou que seria aberta uma sindicância para averiguar o problema e tomar as medidas necessárias. De acordo com o delegado Leonel Baldasso, há cerca de duas semanas, a Polícia Civil cumpriu mandado de busca na casa da ex administradora. “Foi cumprido o mandado de busca e apreensão na residência da servidora pública, e lá foram encontrados várias guias de sepultamento em branco e demais documentos”. O crime vem sendo investigado desde outubro de 2013 e há indícios de que venha ocorrendo essa prática desde 2008.

Morador é notificado por descarte 
no Novo Esteio
A Patrulha Integrada de Proteção Ambiental (Pipa) flagrou no dia 10 de abril, dois pedreiros com carrinhos de mão, jogando entulhos no canteiro da Avenida Rio Branco, no bairro Novo Esteio. Os rapazes estavam descartando restos de uma obra de uma casa, localizada na rua Lobo da Costa. O dono da residência disse tê-los instruído a depositar os materiais em um lugar adequado. Os escombros foram recolhidos, descartados adequadamente, o morador foi notificado e pagará multa. A Pipa tem por objetivo apreender carroças sem placas, abordar e multar moradores que descartam entulhos em terreno irregular, promover conscientização em relação a cidade, entre outras ações que abordam as leis municipais. A fiscalização é realizada 24 horas por dia. Quem flagrar alguém jogando entulhos em áreas públicas pode entrar em contato pelo DisquEsteio (0800-541-0400), pelos telefones da Guarda Municipal (153) ou da Brigada Militar (190), ou pelo e-mail smov@esteio.rs.gov.br.

Alunos participam de palestra 
preventiva em escola 
Representantes da Divisão de Prevenção e Educação (Dipe), do Denarc, promoveram no dia 08 de abril, uma palestra preventiva em Sapucaia do Sul. A escrivã Raquel Viegas Mazzucco falou para aproximadameente 300 alunos, pais e professores da Escola Municipal Vanessa Ceconet. Um dos primeiros assuntos a serem tratados foi sobre as principais substâncias psicoativas que o público adolescente tem acesso, como tabaco, álcool e energéticos, além de toda a gama de entorpecentes apreendidos pela Polícia Civil no Estado. Também foram tratados assuntos como os aspectos policiais que ocorrem com quem é flagrado em posse, uso e tráfico dessas substâncias. Os idealizadores ficaram satisfeitos com o resultado, pois isso foi uma demanda por parte da comunidade.  

sexta-feira, 11 de abril de 2014

EDIÇÃO 1929

FLAGRANTE DA SEMANA
O descaso na limpeza pública não tem limites e não poupa nem mesmo os arredores das escolas da cidade. Por fim, muitos alunos acabam tendo o exemplo de maus hábitos, bem debaixo de seus olhos, contrariando o que se é aprendido nas salas de aula. A questão desta vez vem de Sapucaia do Sul. O caso é na Avenida Justino Camboim, no bairro Jardim América. Quase em frente a Escola Municipal João Freitas Filho, uma montanha de lixo se forma com frequência na região. Os entulhos são colocados no terreno baldio em frente a instituição e além de causar mau cheiro, trás também outro problema grave na região que é a proliferação de animais como ratos, baratas, cobras, e entre outros.

Passeio público na Vila Osório 
encontra-se abandonado 
O mato alto e a falta de conservação impedem 
maior circulação de pedestres na região
A grande quantidade de sujeira prejudica a passagem dos pedestres na calçada
Enquanto isso, em Sapucaia, a conservação do passeio público ocorre constantemente
Para quem desce na Estação Luis Pasteur, na divida de Sapucaia do Sul com Esteio, nota certas peculiaridades. Junto aos trilhos, o passeio público que fica junto ao muro do trem, que corresponde as avenidas Pery Fagundes e Leônidas de Souza, possuem diferenças que causam impacto em um primeiro momento. O local é frequentemente usado por pedestres e esportistas, que o usam para corridas e caminhadas diárias. Essa situação agradável é vista somente em terras sapucaienses, pois no trecho que corresponde ao município vizinho é puro descaso. Enquanto em Sapucaia do Sul, o espaço é bem utilizado, já em Esteio não se pode falar o mesmo. O passeio está tomado de grama alta, arbustos e lixo, em praticamente toda a extensão da via expressa. As copas das árvores e grandes arbustos transpassam a grade do trem, e invadem a calçada. Em vários trechos, os pedestres acabam andando no meio da rua, porque não existem condições de tráfego. Segundo moradores, que residem no lado esteiense, a manutenção, como a limpeza não é feita há muito tempo. A calçada, que foi construída com o mesmo material em ambas as cidades, tem chamado a atenção é o estado que se encontram. Outra situação problemática é a iluminação pública e a falta de segurança. Morador há cerca de sete anos na Vila Osório, Michel de Oliveira Miranda, fala que a avenida sofre deste descaso a muito tempo. “É raro vir alguém da secretaria competente a limpar a calçada e retirar os matos. Anda bem complicado aqui nessa avenida, e atrapalha até a visão de quem precisa atravessar”. Em relação a manutenção e limpeza do canteiro central e calçada da Avenida Peri Fagundes, o secretário municipal de Obras Viárias e Serviços Urbanos, José Luiz da Silva, informa que uma equipe da Prefeitura estará realizando o trabalho em vias do Bairro Vila Osório, inclusive a
Peri Fagundes.

Esteio é sede de encontro Interclubes de carros 
O Parque de Exposições Assis Brasil foi palco do 4º Mega Encontro Interclubes Beneficente. O evento ocorreu no dia 04 de abril, em um espaço situado nas proximidades do portão 5. A iniciativa reúne vários grupos automotivos da Região Metropolitana, tendo por objetivo a ação social de arrecadação de mantimentos, material escolar, brinquedos e roupas, para comunidades que vivem em situação de vulnerabilidade social. O evento reuniu cerca de 25 clubes, dentre eles, o Clube do Vecta RS, do Gol quadrado, Baixos Esteio, Open Car Club, entre outros, além de grupos de carros modificados. Foram expostos cerca de 600 carros para o público amante das quatro rodas. Segundo um dos organizadores do evento, Willian Machado Ignácio, uma das medidas estabelecidas foi que não seriam permitidas nenhuma atitude desrespeitosa, muito menos som alto, sendo assim, tornando um evento apropriado para todas as idades. “A presença de público foi expressiva, levando sua contribuição, onde o ingresso era um quilo de alimento não perecível. A ajuda será revertida para entidades do Município”. Ele destaca que os donativos serão entregues a partir da sugestão da Administração do Parque Assis Brasil. Foi arrecadado cerca de uma tonelada e meia de alimentos não – perecíveis. A exposição de carros foi até às 21 horas. O próximo encontro interclubes está previsto para agosto, ainda não há data nem local definido.

Paralisação na Comarca de Esteio deixa atividades do Judiciário mais lentas 
No dia 09 de abril, servidores públicos do Judiciário fizeram uma paralisação por 24 horas, em diversas Comarcas do Estado. O funcionamento dos serviços foram mantidos em um ritmo mais lento, devido a um quadro reduzido de funcionários, mas que permitiu o atendimento ao público. Os 46 deputados estaduais, no dia 08 de abril, aprovaram o Projeto de Lei, com autoria do Poder Judiciário, em relação ao reajuste dos vencimentos dos servidores, e que será encaminhado para o Poder Executivo, para que haja a sanção do governador do Estado. Os índices para o reajuste que foi aprovado girou em torno de 7,5%, onde serão divididos em duas parcelas. A primeira, de 3,85 % para o mês de julho e 3,5 para o mês de novembro. Segundo a central sindical, o histórico salarial dos servidores tem grandes perdas através do tempo, sendo que o reajuste proposto, é somente em relação as perdas inflacionárias. Mas a paralisação não é somente motivada pela questão salarial. Os trabalhadores também têm outras pautas engajadas em sua manifestação, por melhores condições de trabalho. Dentre as causas levantadas pelos servidores, estão a reposição da inflação sem parcelamento nos devidos pagamentos, recuperação de perdas e ganhos reais, medidas mais severas contra o assédio moral no ambiente de trabalho e também, pela jornada de 7 horas diárias de trabalho. São reivindicadas também a questão da valorização dos profissionais concursados, plano de carreira mais justo e melhores condições para a prestação de serviços. Dentre as Comarcas que aderiram a paralisação, o Fórum de Esteio teve adesão de em torno de 60% dos funcionários. Uma situação em especial também acarretou a grande adesão dos servidores de Esteio, por conta das péssimas condições de trabalho que os trabalhadores tem se submetido. O prédio, em obras a vários meses, expõe a segurança e a saúde dos servidores, que precisam operar em meio as novas construções. Além destes fatos, a Comarca ficou mais de 20 dias sem os serviços de limpeza, o que também fez com que aumentasse a adesão dos funcionários a paralisação.

Natação faz bem para o corpo e a mente 
O esporte continua trazendo mais adeptos para dentro das piscinas
Considerado nas Olimpíadas um dos esportes mais nobres, a natação é uma das atividades físicas mais completas para se praticar. Seja como recreativa ou até mesmo como indicação médica, a natação melhora a questão postural, desenvolve as habilidades motoras e auxilia nas condições respiratórias. “Os pais tem trazido bastante seus filhos para as aulas, justamente para terem mais contato e intimidade com a água, para evitar possíveis acidentes de afogamento”, comenta a professora de educação física na Academia FitFlex, Laureana de Oliveira. Ela frisa que a natação é praticada por todas as idades, principalmente as crianças, na faixa etária entre oito a 12 anos. “Trabalhamos com pequenas metas. O que cada um puder ir fazendo, no seu ritmo. Mas sempre buscando novas metas e conquistas nos treinos”, salienta a professora. Adultos e idosos também têm participado ativamente das aulas de natação. Segundo a professora, os treinos, em qualquer idade, têm sido desenvolvidos de acordo com a capacidade pessoal de cada um. Muitos alunos, entre 25 à 50 anos, e alguns com idade acima disso, tem treinado nas turmas de natação em Esteio.
COMPLEMENTO - Laureana ressalta que vários alunos tem tornado a natação como exercício complementar a outras atividades físicas desenvolvidas na academia. Pelo fato de ser um esporte de baixo impacto, muitas vezes é desenvolvido num pós-treino, como um exercício que ajuda no relaxamento muscular. Entretanto, existe muitas diferenças entre nadar nas piscinas e nos mares”. É importante enfatizar que no mar, a pessoa que nada, já não tem toda a estabilidade que a piscina trás, nem a verdadeira dimensão de profundidade”, frisa a educadora física. Retornando a praticar o esporte, após um período de afastamento, Ederson Muniz se mostra entusiasta com a atividade. “Sempre fui apaixonado pelo esporte, que me faz bem. É uma sinergia de corpo e mente”. Muniz disse que após os treinos, uma das principais sensações é de aliviado e tranquilidade. “A cada aula, uma superação, uma meta alcançada”.
Benefícios da natação * A natação movimenta basicamente toda a musculatura e articulações.
* É considerada, pela maioria dos educadores físicos, uma das práticas mais completas em termos de exercício para o corpo. * Nadar é uma atividade recomendada principalmente para pessoas com problemas respiratórios. * Outro benefício da natação é na coordenação motora e no desenvolvimento de resistência física. * Sua prática é indicada para crianças, inclusive menores de três anos. * É um exercício complementar a outras atividades aeróbicas.

 Povo cigano celebra dia com dança e música
Para marcar o dia Internacional do Povo Cigano, Esteio foi uma das cidades do Estado que sediou atividades para evidenciar a data. O evento aconteceu na noite de 07 de abril, na Casa de Cultura Lufredina Araújo Gaya. Prestigiaram a atividade representantes de diversos segmentos da comunidade, que assistiram apresentações de canto e dança. Segundo a organizadora da festa, Lori Emanoela da Silva, é um momento especial para a comunidade cigana. Esta ação oportuniza os ciganos a mostrarem a cultura. “Muitas vezes, o povo cigano sofre preconceito, pois a maioria das pessoas não conhecem o modo de viver”. Durante a saudação especial, a presidente do Grupo Unir Raças, Maria Odete Diogo dos Santos falou que a luta pela igualdade não fica restrita somente a comunidade negra, mas também aos ciganos e outros povos. “Além de ser um momento de festa é um período de reflexão, pois devemos preservar a cultura para as futuras gerações”, diz. Segundo a titular da pasta de Cultura no município, Ângela Ruas, a dedicação e o empenho do povo cigano é algo extraordinário e merece o reconhecimento e a valorização da sociedade. “Um dos principais focos é incentivar os mais diversos movimentos culturais, como neste caso, a dança e a música cigana, difundindo para outras pessoas”.

Autoridades e comunidade visitam 
a Estação de Tratamento de Esgoto 
Entre os membros da comitiva estava o presidente 
da Corsan, Arnaldo Dutra
Durante a visita, presidente anunciou a data de inauguração da ETE  
O presidente da Companhia Rio Grandense de Saneamento (CORSAN), esteve realizando uma visita de cortesia no Município. A atividade ocorreu no dia 04 de abril, quando esteve reunido com o chefe do Executivo municipal, Gilmar Rinaldi. Após a reunião, o presidente da empresa pública, juntamente com representantes da comunidade, assim como autoridades, visitaram as obras que fazem parte do sistema de integração do tratamento de esgoto cloacal da cidade de Esteio e de Sapucaia do Sul. Segundo o presidente da Corsan, Arnaldo Dutra, a nova estrutura é um avanço para a cidade. “Estamos fazendo esta visitação, e a previsão de inauguração é em maio. Com a entrega da nova rede, teremos cerca de 90% de esgoto coletado e tratado. Com isso, a população de ambas as cidades terão mais qualidade de vida”, comenta Dutra. Ele destaca que além dessa ampliação para o tratamento de esgoto e a melhoria nas condições de saneamento, as obras também implicam com o crescimento econômico. “A obra trará muitos outros benefícios para a comunidade. E um deles é a valorização da área, podendo ser um atrativo para que empresas se instalem na região. Isso devido a disponibilidade que a rede trará”, frisa o presidente.
COMUNIDADE - Conforme o líder comunitário, Ênio Florêncio da Silva, que faz parte da comissão de acompanhamento das obras, a estação de tratamento será significativa, em especial para os moradores do bairro Novo Esteio.“Está sendo muito importante para nós a realização desta obra. E pudemos também esclarecer algumas dúvidas que tínhamos sobre o andamento da estruturação”, ressalta Ênio. As instalações estão quase concluídas e a previsão de inauguração da estação de tratamento de esgoto é de entrar em funcionamento em maio. Em fase de finalização de obra, a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), localizada na Rua Carmem Miranda, no bairro Novo Esteio, próxima a Rodovia do Parque - BR 448. O valor de investimento nas estruturas é de em torno de R$ 234,2 milhões, que foram captados pela Corsan para o programa de aceleração de crescimento (PAC), e a ampliação da captação. Quando as obras estiverem prontas, terá um salto de 4,3% para 90,5% para a cidade de Esteio e em Sapucaia, de 4,6 para 47,6% na captação de esgoto.

Colégio Coração de Maria promove 
Festa das Etnias
Os alunos da Educação Infantil participaram da II Festa das Etnias do Colégio Coração de Maria, de Esteio, que se realizou no último sábado, dia 05. O evento teve como objetivo a culminância do Projeto das Etnias, ao qual todos os alunos da Educação Infantil estavam engajados. Foi um momento marcante na vida dos nossos pequenos, que aprenderam hábitos, costumes e culinárias de outros povos. Este ano, em comemoração aos 65 anos do Colégio, os alunos trabalharam com as etnias onde as Irmãs Filhas do Sagrado Coração de Jesus (Rede Verzeri) estão presentes. As turmas da Creche 1 e Creche 2 trabalharam com a etnia boliviana, a Creche 3 com a etnia italiana, a turma de Pré 1 com a etnia argentina e o Pré 2A e o Pré 2B com a etnia africana e indiana. Através de materiais concretos, reproduziram histórias de uma maneira lúdica e prazerosa, saborearam diversos pratos e dançaram músicas típicas. Os alunos participaram, entusiasmados, deixando a manhã de sábado alegre e envolvente. Tudo isso com a intensa participação e colaboração das famílias. Houve também a participação do Grupo de Capoeira Camboatá, com o professor Charada e o Mestre Tucano.

Praça é esquecida pela Administração 
Em lugar da diversão e descanso, o local deu espaço 
para o descaso e criminalidade
Mau cheiro, grama alta e brinquedos quebrados denunciam a situação da praça em Sapucaia
Sendo o primeiro bairro planejado em termos de infraestrutura, como saneamento e energia elétrica, o Jardim América tem sofrido nos últimos anos com problemas decorrentes ao descaso dos órgãos públicos. Dentre os problemas no bairro, está um espaço que em um primeiro momento seria para que os moradores da região pudessem desfrutar, para momentos de lazer e entretenimento, mas que tem se tornado um pesadelo. A praça que fica na Rua Nair da Silva Rufino foi projetada com brinquedos para a utilização das crianças, além de uma quadra de futebol de areia, isso tudo contando com uma guarita de segurança. Mas o retrato atual do local é desolador. Tomado por grama alta, muito lixo e depredação, a praça tem obrigado os moradores a procurarem outros lugares para se divertir. Os brinquedos estão depredados, alguns foram até roubados, e a guarita de segurança, foi destruída. Vidros foram quebrados, paredes pichadas, além de ter se tornado ponto de venda de entorpecentes. Esses frequentadores que compram ou utilizam drogas vem gerando medo para a vizinhança.
PIONEIRO - Segundo Aldrovando Ferreira de Andrade, primeiro morador do bairro, e dono de comércio na região, o espaço tem trazido sérios problemas para quem mora no local. “Cuidei por 11 anos desta praça, sem apoio de ninguém. Nos primeiros anos, a Guarda Municipal, mantinha uma vigilância 24 horas na praça. Mas isso não ocorre há muito tempo”, disse Andrade. Ele frisa que não há empenho dos órgãos públicos do Município em recuperar este espaço. “Perdi muitos clientes por causa do cheiro insuportável que toma conta do meu estabelecimento. Já comuniquei a Prefeitura, cheguei a procurar representantes do Legislativo, e não obtive êxito”, desabafa o comerciante. Andrade comenta que se não bastasse também a questão do descaso da praça, há também outro grande problema ambiental. Por trás do local, passa uma nascente, oriunda das partes mais altas do bairro. Em função da urbanização do lugar, a nascente de água cristalina, foi contaminada pelo esgoto. “Destruíram o que tínhamos de melhor por aqui”, lamenta Aldrovando. Para o morador Tiago Soares, até mesmo para quem mora a pouco tempo nas proximidades, os sinais de insatisfação sobre o abandono são claros. “Resido próximo à praça há aproximadamente um ano. E o estado que se encontra a área de lazer para a comunidade é simplesmente deplorável. Este é o único ponto que interliga vários bairros, e não tem condições para sua utilização, que tem sua finalidade o lazer”, enfatiza Soares.

Atividades marcam o fim de semana 
no Parque Assis Brasil
Uma das principais atrações foi uma grande aula de capoeira e teatro de bonecos
O grupo de teatro de bonecos ‘Aquarela dos Sonhos’ fez uma apresentação na tarde de 06 de abril, na parte frontal do Parque de Exposições Assis Brasil. Também ocorreu um “aulão” de capoeira promovido pelo grupo Camboatá, ambos de Esteio. As atividades fizeram parte do projeto “O Parque o ano todo”, ação da Secretaria Estadual de Agricultura em parceria com o Executivo que promove a abertura do parque durante os finais de semana, oferecendo atividades como feiras de artesanato, espaços gastronômicos, de lazer, recreação e cultura. Um dos principais objetivos deste trabalho é garantir e incentivar a realização de atividades culturais semanalmente, como apresentação de danças típicas, teatro, música, artes, entre outras ações. A cada domingo, mais pessoas passam a frequentar o parque, que passa a ser um novo espaço de lazer para esteienses e moradores das cidades vizinhas. No Parque, além da revitalização dos brinquedos, o reposicionamento dos bancos já existentes e a feira de artesanato são algumas das melhorias que foram implementadas, desde que foram abertos os portões, no dia 09 de março.

Jaime da Rosa não irá mais concorrer a vereador 
Um dos motivos alegados pelo parlamentar é a má administração da atual gestão e o abandono da cidade, como a sujeira e as ruas esburacadas 

Vereador por quatro mandatos consecutivos, Jaime Ignácio da Rosa (PSB), informa que essa será a última legislatura na Câmara de Vereadores de Esteio, que se encerra em 31 de dezembro de 2016. Nesta entrevista concedida ao Jornal Destaque, Jaime da Rosa fala um pouco da carreira, política, família e a situação em se encontra o Município, no qual adotou para residir, ainda na década de 70, vindo de Rosário do Sul.

Jornal Destaque (JD) – Representante do Legislativo, como você analisa a atual situação 
de Esteio?
Jaime da Rosa (JR) – Estamos vivendo em um período de atraso, principalmente em relação a manutenção da cidade. Um problema agravante é no que tange sobre a urbanização desordenada e a rede de canalização ultrapassada. Talvez um dos fatores que contribui para isso, talvez seja a falta de planejamento de outras administrações, mas que está culminando na atual. Quando começaram a colocar canos, Esteio deveria ter cerca de 40 mil habitantes e nos dias atuais, o número praticamente dobrou, mas não acompanhou a evolução.
JDPor ter percorrido ruas e avenidas da cidade, como vereador, qual sua avaliação, em relação a cidade?
JR – Esteio encontra-se suja e mal cuidada, por parte do Executivo. Além disso, tem sido mal administrada. O que se pode ter por base foi na questão das enchentes, que somente em 2013 foram três, entre agosto e novembro.
JD O fato de residir há alguns anos em Esteio, chegou a presenciar acontecimentos climáticos como as enxurradas no ano passado?
JR – Não. Mas a obra de construção da BR 448 – Rodovia do Parque contribuiu muito para os alagamentos na cidade, em especial no bairro Novo Esteio. Acho que se não for feito algo com urgência, a partir do aterramento para a construção do Loteamento na várzea do Rio dos Sinos, a tendência é piorar ainda mais.
JDEntão, pode-se dizer que a questão das enchentes na cidade ocorrem por diversos fatores?
JR – Não sou profissional da área, mas estive conversando com especialistas e também por ser morador da Vila Osório, pude observar que houve um estrangulamento no arroio ao lado de uma empresa multinacional, situada as margens da BR 116 e ao lado do bairro. Outro problema que talvez deva ter piorado, foi a falta de limpeza na rede e com o fechamento de canos, próximo a
BR 448.
JDO que pode ser feito para resolver o problema?
JR – É uma questão que pode demorar muito tempo, mas algum governante precisa dar o pontapé inicial. A partir da elaboração de projetos destinados ao governo estadual e federal, com o intuito de captar recursos, é uma alternativa mais viável no momento. Mas os documentos devem ser feitos por pessoas capacitadas, pois inúmeras vezes, a Câmara aprovou Projetos de Lei, referentes a devolução de verbas.
JDDurante alguns anos, você esteve à frente da Comissão de Finanças do Legislativo esteiense. Qual o motivo dessa precariedade no dinheiro público da cidade?
JR - Para 2013, o orçamento do Município gira em torno de R$ 200 milhões. Mas não podemos esquecer que 25% é destinado obrigatoriamente para a educação e 15%, para a saúde. Muitas vezes, sobra 10% para investimentos diversos. Uma alternativa que pode ser feita, para dar uma medida paleativa é o corte de cargos comissionados (CC) que hoje está em mais de 100. Quando estive no governo, em 1997, uma das ações foi a redução, deixando cerca de 70. Mas ao longo dos anos houve um crescimento.
JDComo parlamentar e como cidadão, como é sua avaliação, em relação ao sistema de saúde em Esteio?
JR – A questão de saúde pública não fica restrita apenas na cidade, mas em todo território nacional. Em Esteio, um dos principais projetos, que votei contra foi sobre a troca de autarquia para fundação. Mas deixo claro que foi por uma questão de falta de esclarecimentos no projeto de lei e também por questões governamentais. Quando fui presidente da Câmara, em 2013 repassei uma quantia de R$ 40 mil para a colocação de condicionadores de ar, do modelo split para alguns setores da Casa de Saúde. Além disso, o Município está no aguardo pelo repasse de R$ 40 milhões por ano para a Fundação de Saúde Pública São Camilo.
JDAlém do Hospital São Camilo, outra questão que tem sido alvo de polêmica na cidade é a situação das Unidades de Saúde Básica. Como integrante da Comissão de Saúde do Poder Legislativo, pode fazer um breve relato sobre o problema?
JR - Durante esses primeiros meses do ano, junto com os vereadores Leonardo Pascoal e Michele Pereira, estivemos visitando todas as US. Em breve será divulgado um relatório sobre a situação. Mas pode-se dizer que a condição dos postos é precária, no que tange a infraestrutura dada aos funcionários. O documento que será apresentado em breve mostrará mais detalhes sobre o assunto.
JDQual o aprendizado que obteve nesses anos como vereador na Câmara de Esteio?
JR - Foi um período de aprendizado, que mesclou entre o sucesso e algumas frustrações. Isso faz parte do trabalho que desenvolveu ao longo de mais de uma década. Por isso não irei mais concorrer a cargos eletivos, mas estarei presente na vida política.

TRAJETÓRIA DE VIDA E CARREIRA 
Jaime Ignácio da Rosa é natural de Rosário do Sul. Pertencente a uma família de sete irmãos e pobre, aos 16 anos resolveu sair da cidade e se aventurar na cidade grande. Trabalhou em vários setores, como no ramo da reciclagem do papel, passando pela metalurgia e até de cobrador de ônibus. Casou-se aos 19 anos e é, pai de dois filhos e uma neta de 13 anos. Aos 54 anos, após cumprir seu trabalho parlamentar, Jaime pretende dedicar-se a outras atividades.


COLUNA
PÁSCOA E PAZ 
Pe. André Carbonera, Missionário Claretiano 

Contemplo a natureza, Céu azul, azul... Sol extraordinário... As aves trinam... A felicidade cresceu: É Páscoa! Após longa preparação, festejamos, novamente, a RESSURREIÇÃO de Jesus. Por este fato histórico, o Mestre provou que é DEUS. Se Jesus não tivesse ressuscitado, nossa fé seria inútil e desnecessária. PÁSCOA! Mudança interior e melhoria externa. PÁSCOA: ajuda fraterna, caridade, amor, doação. PÁSCOA: transformação. Claro: somos pequenos, limitados!  Mesmo assim, precisamos crescer e melhorar, em todos os sentidos. PÁSCOA: maior vivência dos mandamentos, dos evangelhos e das mensagens bíblicas. PÁSCOA: maior união com Deus. Consequentemente, mais profunda paz. A PÁSCOA nos leva à paz. PÁSCOA sem paz é PÁSCOA incompleta, manca, imperfeita. Ao falar em PÁSCOA, pensamos nos mais carentes, mais abandonados, mais excluídos. Como tratamos nossos irmãos?... Urge dar o peixe, ensinando a pescar... PÁSCOA: mais perdão e coração mais puro e branco. PÁSCOA: esperança, alegria, oração, trabalho, coragem, otimismo. PÁSCOA: passagem para uma vida mais honesta e mais cristã. PÁSCOA: transformação e crescimento da alma e do corpo, rumo à santificação. PÁSCOA: paz, MUITA PAZ! O céu continua azul... As aves gorjeiam mais ainda... JESUS RESSUSCITOU! Tudo é festa e alegria... Feliz e renovadora PÁSCOA! Ponto final.

Encontro marca primeira reunião do Conselho Gestor do Parque Assis Brasil 
Durante a ação foi determinada algumas metas para o grupo
O encontro contou com a presença de representantes de diversos segmentos
da comunidade local e regional
Após virar subsecretaria vinculada à Secretaria da Agricultura, o Parque Estadual de Exposições Assis Brasil (PEEAB) foi palco no dia 02 de abril, da primeira reunião com os membros do Conselho Gestor. Comandado pelo secretário estadual de Agricultura, Claudio Fioreze, e pelo subsecretário Adeli Sell, o encontro serviu para aproximar os membros e definir prazos, metas e finalidades de curto, médio e longo prazo. Estiveram presentes representantes do Executivo, Legislativo e de segmentos culturais da cidade e região. “Queremos qualificar o Parque Assis Brasil, buscando desenvolver, de forma sustentável, a agricultura familiar e o agronegócio do Rio Grande do Sul, além de promover eventos que tragam maior visibilidade ao espaço”, comentou Fioreze. Segundo Adeli Sell, a principal função do grupo, será contribuir para o planejamento do uso da área, zelando pela correta utilização e execução do seu Plano Diretor. “Trabalharemos de forma franca e direta. Tudo que for para melhorar, embelezar e não confrontar com o plano diretor do parque será acatado e realizado”, enfatizou Sell.
INVESTIMENTOS - Os diretores administrativo, Jéfferson Chiarelli, e de Eventos, Márcio Muller, expuseram os projetos e obras que estão sendo realizados no parque. O de modernização, por exemplo, prevê ao longo de oito anos R$ 280 milhões em investimentos entre recursos públicos e privados. Até agora, já foram fechadas parcerias de concessão de uso dos espaços do parque pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos e Sindicato de Máquinas e Implementos Agrícolas do Rio Grande do Sul (Simers). Conforme a Lei 14.380, de 26 de dezembro de 2013, o conselho é uma instância colegiada e paritária, com funções de orientação estratégica, fiscalização e avaliação das ações, composto por representantes de órgãos governamentais, da Prefeitura Municipal de Esteio e das entidades representativas do agronegócio e da agricultura familiar, agroindústrias, associações de raças animais, máquinas e implementos agrícolas. A próxima reunião está prevista para acontecer no dia 16 de abril, no auditório do prédio da administração do Parque Assis Brasil, a partir das 19 horas.

Conferência estadual destaca 
a importância do língua Yorùbá 
Educador da língua africana aguarda que a aplicação 
do idioma seja cumprido nas escolas
As cidades de Esteio e Sapucaia do Sul organizaram conferências locais para debater sobre o assunto
Durante a realização da Conferência Estadual do Povo de Terreiro, que ocorreu entre os dias 28, 29 e 30 de março, em Porto Alegre, um dos principais momentos do evento foi a criação, composição e competência do Conselho do Povo de Terreiro do Estado do Rio Grande do Sul. O documento foi sancionado pelo governador Tarso Genro, no último dia do evento. O plenário constituído, com 500 delegados e delegadas, mais os convidados (autoridades do governo Federal, entre outros), foi expressivo pelo número de participantes vindos de todas as cidades gaúchas. Entre os vários assuntos debatidos, na convenção foi sobre a importância do ensino e do resgate e o cultivo da língua Yorùbá. O ponto de referência para ensino da língua Yorùba fica situada em Esteio, sob o orientador Júlio Cezar Ferro. O espaço cultural tem por objetivo, contribuir na formação de monitores da língua, junto aos sacerdotes e adeptos aos cultos e seitas afro-brasileiros. Além disso, o local é indicado para professores dos estabelecimentos de ensino fundamental e médio do Estado a conhecerem o idioma. Segundo Júlio, com a criação da Lei Federal no. 10639/2003 tem que ter como preceito a disciplina do ensino nas instituições formadoras (universidades), ou seja, na formação de professores (faculdades de Pedagogia e História), essa iniciativa precisa ser colocada em prática ou melhor estudada. “Ainda não consegui entender os motivos que muitas secretarias municipais de Educação pelo Estado não aplicam a lei federal. Isso cabe a todos os cidadãos refletirem se esses órgãos são apenas empregadores e contrário a formação de educadores. Há instituições que até aplicam o estudo da cultura africana, mas ocorre de maneira obrigada a aplicação do conteúdo”, informou Júlio Ferro. Ele destaca que a escola de Yorùbá, foi reconhecida no encontro, muito por chamar a atenção sobre a cultura do povo africano. “Existe a História da África Negra sem o Brasil, mas não existe a História do Brasil sem a cultura da África Negra”, frisa o orientador do espaço cultural.
IMPLANTAÇÃO DO CONSELHO E A HISTÓRIA DA LÍNGUA - Fica criado o Conselho do Povo de Terreiro do Estado do Rio Grande do Sul, como órgão público normativo, consultivo, deliberativo e fiscalizador, competente para desenvolver ações, estudos, propor medidas e políticas públicas voltadas para o conjunto das comunidades do povo de terreiro/RS, caracterizando-se como um instrumento de reparação civilizatória, na busca da equidade econômica, política e cultural e da eliminação das discriminações. Yorùbá: “Língua Geral” dos escravizados africanos negros no Brasil, durante os períodos: do Brasil colônia de Portugal e Império do Brasil; sendo, nas épocas mencionadas, a língua mais falada no Brasil.

Corredores esteienses participam de corrida em Santo Antônio da Patrulha
Atletas de diversas cidades participaram do evento
As crianças foram um dos destaques da competição
Atletas da Associação de Corredores de Rua de Esteio (Acores) participaram no dia 06 de abril, da 2ª Corrida Mais Doce do Estado. A competição ocorreu na cidade de Santo Antônio da Patrulha, no Parque da Guarda. Com um percurso de 8 km para a categoria adulto, masculino e feminino. A categoria infantil dividida por sexo e idade, de dois a seis anos o percurso é de 100 metros, de sete a nove anos 500 m, de 10 a 12 anos, e de 13 a 15 anos foi de 2 km. Os cinco primeiros da categoria geral adulto, masculino e feminino, e foram por idade, premiados com troféus. Além de uma cesta de rapadura para todos que subirem no pódio. A premiação infantil foi de troféu para os cinco primeiros por categoria, e uma bicicleta para o vencedor masculino e uma para a vencedora feminina por categoria. A 2ª Corrida Santo Antônio – A Corrida Mais Doce do Estado faz parte das comemorações dos 203 anos do município, e é promovida pelo Poder Executivo, com o apoio do Rotary Club.

Programa garante inclusão e qualificação profissional para 60 famílias
Os participantes estiveram presentes em um curso de capacitação
Proporcionar a inclusão social de famílias com renda de até meio salário mínimo, através da educação, formação profissional e do fortalecimento do vínculo familiar é a proposta do Programa de Inclusão Social (PIS). As 60 famílias inscritas no programa foram recepcionadas, no dia 26 de março, pelo vice-prefeito, Arlenio da Silva, e pela Secretária de Desenvolvimento  Social, Raquel Moraes. Totalmente reformulado, o programa iniciou tendo como principal prioridade a inclusão do beneficiário na escola. Além dessa condicionalidade, pelo menos um integrante da família beneficiária deverá participar de um curso profissionalizante do Pronatec-Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego. “Queremos envolver a família como um todo, permitindo a autonomia através da educação e da qualificação profissional”, destacou Raquel. Ela acrescenta ainda, que outra exigência do programa é a inclusão de crianças e adolescentes das famílias beneficiadas nos serviços de convivência e fortalecimento de vínculo, que são desenvolvidos nos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS). Além do estímulo à educação e a qualificação profissional, os participantes recebem uma transferência de renda durante o período de desenvolvimento do programa, que é de um ano. Para isso, deve atender a todas as exigências e participar, uma vez por mês, do encontro com técnicos de referência do CRAS, onde o grupo troca experiências sobre o atendimento no Programa.  ”Ao final queremos construir um diagnóstico social do impacto do programa na vida das famílias”, declarou a secretária.
ESTÍMULO - Para o vice-prefeito, esse é mais um investimento que o Município está fazendo no sentido de trabalhar a inclusão social. “Não estamos apenas dando o peixe, mas ensinando a pescar. Com este programa, permitimos além da renda a qualificação profissional e o estimulo a conclusão dos estudos, para que essas pessoas se tornem cada vez mais autônomas”. A beneficiária Irene Mattos, 34, moradora do Loteamento Colina Verde, disse que o programa veio no momento certo. “Estou desempregada e estava em casa com depressão, então eu vejo no programa o apoio que necessitava, com cursos que só vão acrescentar na minha vida. Estou muito feliz de fazer parte”, comenta. O programa beneficia famílias sapucaienses com renda per capita de até meio salário mínimo, com idade entre 18 e 65 anos.

Dr. Link participa de formatura em Caxias
A atividade contou com representantes de Sapucaia e do município de Caxias do Sul
O presidente da Câmara de Vereadores de Sapucaia do Sul, Dr. Luís Rogério Link (PT), participou recentemente da formatura da Guarda Municipal de Caxias do Sul.  O convite do comandante da Guarda Municipal de Sapucaia do Sul, Clóvis Eduardo Pereira, surgiu devido ao engajamento do vereador sapucaiense na área de segurança pública. Ano passado, a Câmara de Sapucaia sediou a 1a Marcha Azul Marinho no Estado. “O evento reuniu guardas de todo o Brasil”, salienta Dr. Link. A cerimônia na Serra Gaúcha teve como paraninfo o prefeito caxiense, Alceu Barbosa Velho (PDT). No total formaram-se 36 novos guardas. Entre os representantes das guardas presentes à formatura estiveram: Sapucaia do Sul, Alvorada, Pelotas e Vacaria.

Procissão marca Dia de São Jorge na cidade 
Para marcar o dia dedicado ao santo guerreiro, São Jorge, o Centro de Matriz Africana Mãe Dalva de Xapanã promove no dia 26 de abril, mais uma edição de sua tradicional procissão. O evento por volta das 16 horas, com saída da Rua Henner de Souza Nunes, ao lado da prefeitura. Os devotos seguirão pela Avenida Presidente Vargas, ingressando na Rua São Sebastião do Caí até a Lajeado, onde fica o templo religioso. Segundo Mãe Dalva, o evento é dedicado a todas as pessoas que admiram ou respeitam a trajetória de um dos santos que é respeitado tanto por fiéis ligados ao catolicismo e também de matriz africana.

Engavetamento na BR 116 resulta em colisões 
No dia 01 de abril, um grave acidente envolveu cinco veículos, no km 255 da BR116. O acidente ocorreu em horário de engarrafamento, por volta das 18 horas. Um caminhão,com placas de Esteio colidiu na traseira de um carro ,com placas de São Leopoldo. O veículo acabou colidindo com outro carro a sua frente, com placas de Porto Alegre. O terceiro veículo colidiu em uma caminhonete, que acabou colidindo em um quarto carro. Com o impacto, um dos carros, que já tinha sido atingido, rodopiou na pista. A caminhonete acabou saindo da pista, colidindo em um muro, nas margens da rodovia, pelo lado direito.Boa parte dos veículos estavam parados, devido ao congestionamento, típico do horário de quem utiliza as vias. Todos os veículos sofreram vários danos e foram guinchados, e aguardam a perícia. As vítimas foram encaminhadas para o Hospital Getúlio Vargas, em Sapucaia do Sul. Segundo informações preliminares, uma das vítimas ainda se encontra internada, em estado grave.

 Lançamento da Expoleite/Fenasul será no dia 22
A feira pretende oferecer novidades, como a participação da Agricultura Familiar
O lançamento oficial da Expoleite-Fenasul está previsto para ocorrer no Galpão Crioulo do Palácio Piratini, no dia 22 de abril. A solenidade de divulgação das atividades da feira será durante um almoço a ser realizado a partir do meio dia. Estão previstas as presenças de autoridades regionais, locais e empresários do ramo. A presença de produtores de leite no Parque ganhará fomento por parte das cooperativas. Na programação haverá pelo menos dois dias voltados a palestras e oficinas técnicas. As inscrições estarão abertas até o dia 25 de abril, em cada uma das Associações participantes. A 37º Expoleite e a 10º Fenasul, acontecerá de 14 a 18 de maio, no Parque de Exposições Assis Brasil. Neste período poderá ser conferido os melhores exemplares das raças Holandês, Jersey, Gir Leiteiro, Aberdeen Angus, equinos Mangalarga e Árabe e Chinchilas. A Farsul promoverá a XII Feira de Terneiros, Terneiras e Vaquilhonas e a II Feira de Ventres Selecionados, no dia 15 de maio. Está confirmada a presença da
Agricultura Familiar.

POLÍCIA 
Briga entre irmãos termina em tragédia 
O fato ocorreu em uma residência localizada no bairro Santo Inácio
A Polícia Civil encontrou na residência a arma e porções de drogas 
A arma usava no crime foi apreendida pelos policiais, dentro da casa
Uma desavença entre irmãos resultou em homicídio. O crime aconteceu no dia 05 de abril, por volta das 5 da manhã, em uma residência localizada na Rua Romualdo Marques, bairro Santo Inácio. O autor do delito tinha 23 anos e já tinha passagem pela Polícia, por tráfico de drogas. Segundo o delegado Leonel Baldasso, os envolvidos ficaram durante a noite consumindo bebidas alcoólicas e drogas. Quase de manhã, os dois homens encontraram-se alterados, onde iniciou uma discussão e um deles, de 23 anos fez cinco disparos de arma de fogo contra o próprio irmão. O homem que tinha 30 anos morreu na hora, sem possibilidades de socorro. “O suspeito também possui alguns registros policiais, principalmente por tráfico de drogas”. O titular da DP local ressaltou que após efetuar os tiros, o indivíduo fugiu do local do crime. A Polícia Civil foi até o local para averiguar e também foram feitas as Perícias no ambiente. Já a arma do homicídio foi deixada na casa, um revólver calibre 38. Também foram colhidos os cartuchos que ficaram pelo chão. O objeto possui registros no nome de uma terceira pessoa. “Durante uma averiguação dentro da casa, foram encontrados pelos policiais, porções de maconha e duas petecas grandes de cocaína”. Leonel Baldasso falou que no dia 07 de abril, o autor dos disparos apresentou-se a Polícia, com a presença de seu advogado. Em seu breve relato, o indivíduo alegou ter disparado contra o irmão, por legítima defesa. A PC solicitou a prisão preventiva do indivíduo. Com este homicídio, nos primeiros quatro meses do ano soma-se cinco assassinatos.

Operação policial fecha empresa em Sapucaia
A operação envolveu diversos setores da segurança do Estado
Sapucaia do Sul foi uma das cidades abrangidas pela ‘Operação Desmanche’, que foi desencadeada no dia 04 de abril, em outros municípios do Estado. Em terras sapucaienses, os policiais fecharam uma empresa que funcionava de maneira irregular. Ao todo, 31 estabelecimentos foram vistoriados em uma ação conjunta da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana da Polícia Civil (DPRM) com o Comando de Policiamento Metropolitano, 15º BPM e 31º Brigada Militar, em parceria com as secretarias de Segurança Pública, Guardas Municipais, além de servidores do Meio Ambiente e da Indústria e Comércio das cidades abrangidas. A ação policial contou com a participação de um efetivo de 98 policiais civis, 70 policiais militares, 18 guardas municipais e 15 agentes das Secretarias Municipais.  Segundo o delegado Eduardo de Azeredo Coutinho, a 1ª fase da Operação Desmanche aconteceu em 2013. Na oportunidade, foram 40 estabelecimentos fiscalizados. Coutinho informou que na ação ficou constatado o encerramento das atividades de nove empresas que não se adaptaram à legislação.

Homem morre em acidente 
Mais uma vítima do trânsito nas ruas de Esteio. Um homem morreu em um acidente envolvendo uma motocicleta e um carro. O fato ocorreu na noite do dia 05 de abril, na região central da cidade. Segundo informações da DP esteiense, um homem que conduzia um veículo com placas de Sapucaia do Sul, trafegava pela Avenida Presidente Vargas, quando um indivíduo pilotando uma motocicleta, com placa de Esteio, cortou a frente do motorista. O condutor da moto também trafegava pela Avenida, quando tentava ingressar na Avenida Senador Salgado Filho. Sem sinalização efetiva, o condutor da moto fez a conversão. O condutor do carro não conseguiu frear a tempo, não conseguindo também evitar a colisão frontal com o indivíduo da moto. O motociclista foi arremessado, a ponto do capacete se desprender do condutor. O homem, de 54 anos, faleceu no local. Os veículos foram recolhidos e o delito está sendo investigado pelo setor competente.

Aumenta o número de registros de 
“falso sequestro”
Vítimas são aterrorizadas por ligações telefônicas de diversos 
estados e coagidas por presidiários 
Uma prática considerada criminosa, por muitos profissionais da área da segurança tem crescido cada vez mais em várias regiões do país e agora tem chegado em Esteio. O golpe chamado de “falso sequestro” tem ocorrido com certa frequência na região, o que vem intrigando a Polícia. Segundo o delegado da Polícia Civil, Leonel Baldasso, o delito possui diversos registros na PC da cidade. “Este tipo de golpe já é bastante conhecido, entretanto, por mais que venha sendo divulgado, ainda tem feito vítimas”, disse Baldasso. Ele frisa que devido aos indivíduos fazerem diversas ligações, em alguma delas a ameaça se encaixa no perfil da vítima, ou ao fato de estar longe de seus familiares. “A vítima acaba se sensibilizando com aquele momento, então, acaba seguindo as ordens do meliante”, comenta o delegado. O titular da Polícia Civil sugere algumas medidas para se proteger e não cair no golpe. No dia 03 de abril, um morador de Esteio foi surpreendido com uma destas ligações. Sob ameaça a um familiar, acabou efetuando o depósito no valor de R$ 1.200,00.
CUIDADO - Depois do ocorrido, a vítima comunicou a Polícia Civil. A conta foi rastreada, e é pertencente a um indivíduo do Rio de Janeiro. O fato está sendo investigado. Este é o quarto crime dessa espécie registrado no município. Baldasso explicou que o golpe funciona da seguinte maneira: mediante a ligações telefônicas aleatórias, os suspeitos entram em contato com vítimas, independente onde reside no momento da ligação. Alguns infelizmente acabam entrando no jogo dos meliantes. A pessoa é coagida via telefone, sob a circunstância de um de seus familiares estar sobre a posse dos bandidos. “Ao fundo, a pessoa ouve na ligação choros desesperados pedindo ajuda. São momentos muito rápidos, que acabam deixando a vítima do golpe simplesmente aterrorizada e por fim, concordando com todas as exigências seguintes”, ressalta o delegado. Ele enfatiza que a vítima é orientada a não desligar o telefone, e a seguir é instruída pelos possíveis sequestradores a efetivar todas as suas exigências, para que seu ente querido seja libertado. Esses indivíduos, em sua maioria, são presidiários do regime fechado, que estão detidos na região Sudeste e Norte do país. Os indivíduos orientam o depósito de valores altos em contas correntes. As mesmas, geralmente são de laranjas ou até mesmo de pessoas falecidas, o que torna mais uma prática fraudulenta.
ALGUMAS DICAS PARA NÃO CAIR NO GOLPE 
* A pessoa deve desconfiar do conteúdo da ligação, e comunicar os órgãos de segurança. * Não efetuar pagamentos nem depósitos na conta posta pelos bandidos. * Ligue para os familiares para saber se realmente aquele familiar sumiu, ou até mesmo entrar em contato com o possível seqüestrado. * O som do choro já é um velho conhecido, e é uma gravação. * Jamais confirmar dados bancários, nomes e dados pessoais por telefone. * Jamais dê credibilidade a esse tipo de ligação, e depois, comunique a Polícia Civil mais próxima de você.